Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13035

Título: Análise interpretativa do processo de orientação dos produtores rurais cooperados e não-cooperados de duas cooperativas situadas nas zonas fisiográficas Sul e Alto Jequitinhonha do Estado de Minas Gerais
Autor(es): Fantazzini, Tarley
Orientador: Alencar, Edgard
Membro da banca: Lima, Juvêncio Braga de
Membro da banca: Moraes, Vander Azevedo de
Membro da banca: Andrade, José Geraldo de
Membro da banca: Vitor, Vicente Paula
Assunto: Cooperativa agrícola
Minas Gerais
Produtor rural
Assistência técnica
Data de Defesa: 1979
Data de publicação: 22-Mai-2017
Referência: FANTAZZINI, T. Análise interpretativa do processo de orientação dos produtores rurais cooperados e não-cooperados de duas cooperativas situadas nas zonas fisiográficas Sul e Alto Jequitinhonha do Estado de Minas Gerais. 1979. 84 p. Dissertação (Mestrado em Administração Rural)-Escola Superior de Agricultura de Lavras, Lavras, 1979.
Resumo: Este estudo foi conduzido através da análise de questionários aplicados a uma amostra de 17 cooperados e 16 nãocooperados da área de ação da Cooperativa de Gouveia, localizada na região do Alto de Jequitinhonha do Estado de Minas Gerais, e a uma amostra de 24 cooperados e 28 não-cooperados do município onde se localiza a Cooperativa Sul-Mineira, nome fictício de uma cooperativa situada na região Sul do Estado de Minas Gerais, com o objetivo de identificar o significado que tais indivíduos atribuem a cooperativa como um meio alternativo para a solução de problemas pertinentes às atividades desenvolvidas em suas empresas rurais . 0 estudo do processo de orientação do produtor rural em relação ã cooperativa, foi orientado através de um modelo elaborado a partir das referencias teóricas sobre a ação social. As variáveis utilizadas para a análise do processo de orientação foram as seguintes: - Necessidades percebidas pelos produtores rurais refere-se aqueles elementos que, do ponto de vista do produtor rural, são considerados obstáculos ao desenvolvimento de suas atividades agropecuárias e que, portanto, necessitam ser contornados ou solucionados ; - Orientação formal com objetivos coletivos quando os produtores visualizam a cooperativa como um instrumento de defesa de interesse de classe; - Orientação formal com objetivo individual - quando a cooperativa é vista como um meio de satisfação de objetivos econômicos individuais ; - Orientação informal - caracteriza as orientações nas quais o agente visualiza a cooperativa como um meio que ouras pessoas manipulam para satisfazer objetivos pessoais ou de grupo. Por exemplo para sua promoção pessoal; - Orientação institucional - caracteriza as orientações onde o entrevistado, não percebendo nenhuma alternativa ao seu alcance para a solução de seus problemas, situa a intervenção do setor publico como o único meio para solucioná-los ou contorná-los. Além do resultado estatístico, a metodologia em pregada, colocou em relevo a importância de se considerar possíveis influências dos fatores ambientais sobre a cooperativa, assinalando dimensões a serem analisadas em outros estudos sobre cooperativismo, principalmente formal como a cooperativa sobre os remanescentes tradicionais de um sistema social.
Abstract: This research >ras made analyzing questionnaries from seventeen coope rator and sixteen no. cooperator including Coo perative of Gouveia área located in the Alto of Jequitinhonha region, Minas Gerais State, and a sample of tvrenty four cooperators and 28 no.cooperators from the "Cooperativo Sul Mineira" área, a false name for a Cooperativo located in the South of Minas Gerais with the purpose to combine the meaning thad such people give to tie cooperativo as a means in order to solve tho problems related to their rural enterprises activities development. The orientation process from the rural producer rplated to a cooperative was made by a worked model from the theories references about a social action. The variants used to analyze the orientation proc ess were : - The rural producers needs that is, factors that from ther-rural producer view are considered barriers to the devej. o]>ment of their catle raising and so, must be solved. Foaroal Orientation vith a colective purpose-The producers visualize the cooperative as an instrument and defensor of the group interest. - The formal Orientation vi th the individual pur pose. - The cooperative as a means of satisfaction of the indivi- |iual economics objectives. - Unformal Orientation - it is an orientation that visualize the cooperative as a means that other people handle to isatisfy personal or a group objectives. For exemple - their self promotion. - Institutional Orientation - The orientation from some interviewers is that the only solution for their problems is the intervénsion of the public sector. Although these statistic results, the methodology used in this research accentuated the importance of considerating i:he possible influences of the enviommental factors about the cooperative, showing the dimensions to be analysod in the futuro about cooperativism, mainly the formal as a cooperative about the remaninder traditions of a social system.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13035
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DAE - Administração - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Análise interpretativa do processo de orientação dos produtores rurais cooperados e não-cooperados de duas cooperativas situadas nas zonas fisiográficas Sul e Alto Jequitinhonha do Estado de Minas Gerais.pdf6,27 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback