Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1417
Título : Hábitos alimentares fora do lar: um estudo de caso em Lavras – MG
Título(s) alternativo(s): Eating away from home: a case study in Lavras - MG
Autor: Avelar, Ana Elisa de
Rezende, Daniel Carvalho de
Palavras-chave: Alimentação fora do lar
Hábitos alimentares
Segmentação de mercado
Eating out
Food habits
Market segmentation
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Data da publicação: 2013
Referência: AVELAR, A. E. de.; REZENDE, D. C. de. Hábitos alimentares fora do lar: um estudo de caso em Lavras – MG. Organizações Rurais & Agroindustriais, Lavras, v. 15, n. 1, p. 137-152, 2013.
Resumo : Objetiva-se, neste artigo , identificar os hábitos alimentares fora do lar, de consumidores da cidade Lavras, Minas Gerais. Para isso, utilizou-se como instrumento de coleta de dados a triangulação de três métodos: a observação, as entrevistas semiestruturadas e um survey, adaptando o instrumento de pesquisa desenvolvido e adotado por Warde e Martens (2000). Destacaram-se como principais resultados: a busca da variedade como um diferencial da alimentação fora do lar;a conveniência como um elemento importante em grande parte das ocasiões de consumo;a maior intensidade de consumo e atitudes mais favoráveis à alimentação fora do lar por parte de pessoas mais jovens, de maior renda e maior escolaridade. Por meio de análise de cluster e discriminante foram identificados 2 segmentos de mercado, sendo um deles mais jovem, com maior renda e escolaridade que o outro. Assim, tem-se um grupo mais jovem que se alimenta fora do lar com maior frequência e se apresenta mais propício às mudanças nos hábitos alimentares, enquanto o grupo mais velho tem uma postura mais conservadora com relação à realização das refeições fora de casa. Além disso, motivações diferentes para o consumo relacionadas com a ocasião se fazem importantes, diferenciando o mercado em situações hedônicas x situações funcionais.
Abstract: With the purpose to identify the eating out habits of consumers in Lavras, a city in the state of Minas Gerais, the research was carried out using observation, semi-structured interviews, and a survey that was adapted from a questionnaire developed by Warde and Martens (2000). Among the main results we can highlight: the searching for a variety of food as a great motivation for eating ou; convenience was also detected as an important element at the most part of consumption occasion; the role of eating out as social distinction in certain occasions; the higher intensity of consumption and more favorable attitudes for eating out by the youngest, superior level of education, and with higher income; the appreciation of typical foods of Brazil and Minas Gerais, characterizing a relative conservationism at feeding. Using a cluster and discriminant analysis, two market segments were identified, one younger, higher income and superior level of education than the other. The younger segment seeks for novelty and eats out more frequently, while the older segment is more conservative.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1417
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAE - Artigos publicados em periódicos
Organizações Rurais & Agroindustriais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Hábitos alimentares fora do lar um estudo de caso em Lavras-MG.pdf184,22 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons