Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Microbiologia Agrícola - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1602

Título: Monitoramento da microbiota e dos parâmetros físico-químicos em vinhoto
Título Alternativo: Monitoring of microbiota and physicochemical parameters in vinasse
Autor(es): Campos, Cássia Roberta
Orientador: Schwan, Rosane Freitas
Membro da banca: Silva, Romildo da
Silva, Cristina Ferreira
Dias, Disney Ribeiro
Schwan-Estrada, Kátia Regina Freitas
Área de concentração: Microbiologia Agrícola
Assunto: Microbiota
Poluição
Identificação de levedura
Identificação de bactéria
Microbiologia ambiental
Polution
Yeast identification
Bacteria identification
Environmental microbiology
Data de Defesa: 30-Dez-2009
Data de publicação: 2014
Referência: CAMPOS, C. R. Monitoramento da microbiota e dos parâmetros físico-químicos em vinhoto. 2009. 79 p. Tese. (Doutorado em Microbiologia Agrícola)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2009.
Resumo: As atividades agroindustriais são responsáveis pela geração de grande quantidade de resíduos líquidos. Na produção de cachaça, a produção de vinhoto é de cerca de 4 vezes mais elevada que a produção da bebida. Tanques para deposição de vinhoto são construídos pelos produtores para receberem o resíduo resultante do processo industrial, durante a safra, o qual precisará de ser processado. Avaliando a autodepuração do vinhoto por meio de microrganismos com capacidade de crescerem naturalmente nesse substrato, como também a avaliação do impacto ambiental causado pelo vinhoto por meio de análises físico-químicas e toxicológicas, aplica-se este trabalho. Foi utilizado vinhoto armazenado em condições ambientais semelhantes às encontradas nas cachaçarias e quatro diferentes tipos de tratamento físico-químico e microbiológico. No vinhoto armazenado em tanque, as bactérias foram agrupadas segundo os resultados de coloração de Gram, motilidade, esporulação e morfologia celular. Dos isolados bacterianos caracterizados, a maioria foi bastonetes, Gram-positivos. Dentre os fungos foram identificadas 15 leveduras e 04 fungos filamentosos. Após 12 meses de armazenamento, houve redução de 94,8% na toxicidade do vinhoto armazenado e 98,6% no vinhoto tratado. Nos tratamentos, houve redução da população microbiana de aproximadamente 7 ciclos log. Após a realização dos tratamentos, o tratamento IV(fermentação lenta e tumultuosa, formação de flocos químicos, diminuição do poder corrosivo, clareamento e desinfecção) foi o mais eficaz na redução dos parâmetros físico-químicos. Pode-se observar que o processo de armazenamento não é suficiente para promover a autodepuração do vinhoto nesse período, o vinhoto não pode ser descartado em corpos d´água. Nesse contexto, o vinhoto deve passar por tratamento que vise a diminuir seu potencial efeito impactante ao ambiente. Sendo necessário um aprimoramento das etapas do tratamento IV.
The agro-industrial activities are responsible for generating large amounts of liquid waste. In the production of cachaça, the production of vinasse is about 4 times higher than the production of the spirit. Usually, tanks for deposition of vinasse are constructed by the producers to receive the residue from the manufacturing process. The main aim of this work was to assess the self-purification of vinasse by micro-organisms capable of growing naturally on the substrate, and also evaluate the physical-chemical and toxicological changes and the environmental impact caused by vinasse. It was used vinasse stored in environmental conditions similar to those found in cachaça industries and applied four different types of physical-chemical and microbiological treatments. The bacteria isolated were grouped according to Gram stain, motility, sporulation and cell morphology. The great majority of the bacterial isolates were rods Gram-positive. Among the fungi it was identified 15 yeast and 04 filamentous fungi species. It was observed a reduction of 94.8% in the toxicity of vinasse stored after 12 months of storage, and reduction of 98.6% in the treated vinasse. The reduction of the microbial population was approximately of 7 log cycles. The IV treatment (slow and tumultuous fermentation, chemical floc formation, decreased corrosiveness, disinfection and bleaching) was the most effective treatment in reducing the physical and chemical parameters. It could be observed that the storage process was not sufficient to promote self-purification of vinasse after 6 months; the vinasse residue must not be dropped in rivers or soils. In this context, the vinasse should undergo treatment aimed to reduce its potentially impacting the environment. Improvements are needed in the stages of treatment IV.
Informações adicionais: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Microbiologia Agrícola, área de concentração em Microbiologia Agrícola para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1602
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Microbiologia Agrícola - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE Monitoramento da microbiota e dos parâmetros físico-químicos em vinhoto.pdf935,72 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback