Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2771

Título: Desempenho e características de carcaças de bovinos Nelore e F1 Pardo suiço X Nelore, submetidos a diferentes manejos de castração e confinados.
Título Alternativo: Performance and carcass characteristics of Nelore and Nelore x Brown Swiss F1 cattle, submitted to different castration managements and confined.
Autor(es): Silva, José Ricardo Martins da
Orientador: Andrade, Ivo Francisco de
Membro da banca: Filho, José Cleto da Silva
Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de
Ribeiro, Paulo Roberto
Área de concentração: Produção animal
Assunto: Carcaça
Castração
Confinamento
Desempenho
Nelore
Pardo Suiço
Carcass
Castration
Performance
Nelore
Brown swiss
Confinement
Data de Defesa: 2-Mar-2005
Data de publicação: 14-Ago-2014
Referência: SILVA, J. R. M. da. Desempenho e características de carcaças de bovinos Nelore e F1 Pardo Suiço x Nelore, submetidos a diferentes manejos de castração e confinados. 2005. 66 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.
Resumo: A pesquisa foi realizada na fazenda Santo Antônio das Granjas Reunidas, Bocaiúva, MG e no Frigorífico Mata Boi S.A., Araguari, MG, no período de julho a novembro de 2004. Os animais foram alimentados com a mesma dieta durante um período experimental de 103 dias, precedido de um período de adaptação de 15 dias. Foram utilizados 20 novilhos Nelore e 20 F1 Pardo Suíço x Nelore em confinamento, submetidos, de acordo com a condição sexual, a cinco situações de manejo (inteiros, castrados com faca e castrados com burdizzo 15 dias antes do início do confinamento, castrados com faca e castrados com burdizzo no início do confinamento). O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial (2 x 5) com quatro repetições. O objetivo da pesquisa foi o de avaliar o efeito de diferentes manejos, envolvendo técnicas e épocas diferentes de castração, sobre o desempenho e características de carcaças de bovinos da raça Nelore, e mestiços Pardo Suiço x Nelore confinados. O período pré-experimental e experimental (confinamento) teve duração de 118 dias, com pesagens realizadas 15 dias antes do início do confinamento, no início do confinamento, aos 35, 61 e 103 dias após, para avaliação do ganho de peso médio diário (GMD). Ao abate os animais foram avaliados quanto ao peso de carcaça quente e fria (PCQ, PCF), rendimento de carcaça quente (RC), comprimento de carcaça (CC/100kg PCVZ estimado e índice P/C), rendimentos dos cortes básicos traseiro total (RTT), traseiro especial (RTE), dianteiro (RD) e ponta de agulha (RPA), pH24 e quebra no resfriamento (QR%). Foram também avaliados quanto à tipificação de carcaça, segundo a Portaria Ministerial nº 612 de 05/10/1989. Os resultados obtidos foram que: animais inteiros obtiveram maior (P<0,05) GMD e PVF do que os castrados (1,21 vs 1,04, 0,95, 0,95, 1,04 kg e 502,00 vs 472,50, 479,00, 470,00, 486,00 kg), respectivamente. O F1 foi superior (P<0,05) em 18% no GMD em relação ao Nelore (1,12 vs 0,95 kg) e inferior (P<0,05) no RTE (47,47 vs 48,49%). Animais inteiros foram inferiores (P<0,05) no RTT em relação aos animais castrados (58,89 vs 60,43, 60,31, 60,92, 60,64%). O RC, CC/100kgPCVZestimado, QR% e pH24 foram semelhantes (P>0,05) em todas as situações de manejo e para os dois grupos genéticos. Os métodos de castração não influenciaram (P>0,05) em nenhuma variável. A época de castração influenciou (P<0,05) no PCQ dos animais castrados 15 dias antes do início do confinamento. Na tipificação, todos os castrados foram classificados como Tipo B e os inteiros como Tipo I, tendo a condição sexual (inteiros) sido o fator determinante para a não classificação como Tipo B, exceto para três animais do manejo castrado com burdizzo no início do confinamento que foram confundidos como inteiros.
The research was done on the Santo Antônio das Granjas Reunidas farm, Bocaiúva, MG and in the Frigorífico Mata Boi S.A., Araguari, MG, from July to November of 2004. The animals were fed with the same diet during an experimental period of 103 days, preceded by an adaptation period of 15 days. 20 Nelore and 20 F1 Brown Swiss X Nelore F1 steers were utilized in feedlot and submitted, according to sexual condition, to five management situations (uncastrated, castrated with a knife and castrated with a burdizzo 15 days before the start of the feedlot, castrated with a knife and castrated with a burdizzo at the start of the feedlot). The experimental design utilized was a completely randomized, in a (2 x 5) factorial scheme with four replicates. The objective of the research was to evaluate the effect of different managements, involving different techniques and times of castration, upon the performance and carcass characteristics of cattle of the Nelore breed, and Brown Swiss X Nelore crossbred all confined. The pre-experimental and experimental period (feedlot) lasted 118 days, with weighings performed 15 days before the start of the feedlot, at the start of the feedlot, at 35, 61 and 103 days afterwards, for evaluation of daily average weight gain (GMD). At slaughter, the animals were evaluated as to hot and cold carcass weight (PCQ, PCF), hot carcass yield (RC), carcass length (CC/100kg PCVZ estimated and P/C index), basic cut yields total hindquarter (RTT), special hindquarter (RTE), forequarter (RD) and spare ribs (RPA), pH24, weight lossat cooling (QR%). They were also evaluated as to carcass typifying, according to the ministerial decree number 612 of October/5th/1989. The results obtained were: uncastrated animals obtained greater (P< 0.05) GMD and PVF than the castrated ones (1.21 vs. 1.04, 0.95, 0.95, 1.04kg and 502.00 vs. 472.50, 479.00, 470.00, 486.00kg), respectively. The F1 was superior (P<0.05) by 18% in the GMD relative to Nelore (1.12 vs. 0.95kg) and inferior (P<0.05) in the RTE (47.47% vs. 48.49%). Uncastrated animals were inferior (P<0.05) in the RTT relative to the castrated ones (58.89% vs. 60.43%, 60.31%, 60.92%, 60.64%). The RC, CC/100kgPCVZestimated, QR% and pH24 were similar (P>0,05) in all the management situations and for the two genetic groups. The castration methods did not influence any variables (P> 0.05). The castration time influenced (P<0.05) the PCQ of the animals castrated at 15 days before the start of the feedlot At typifying, all the castrated animals were classified as Type B and the uncastrated ones as Type I, and the sexual condition (uncastrated) was the determining factor for the non-classification as Type B, except for the three animals in the burdizzo-castrated management at the start of the feedlot, which were taken for uncastrated ones.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2771
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Desempenho e características de carcaças de bovinos Nelore e F1 Pardo suiço X Nelore, submetidos a diferentes manejos de castração e confinados.pdf169,24 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback