Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Microbiologia Agrícola - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2856

Título: Ação antimicrobiana de óleos essenciais frente a patógenos sésseis e planctônicos de origem alimentar
Autor(es): Valeriano, Carolina
Orientador: Piccoli, Roberta Hilsdorf
Coorientador(es): Cardoso, Maria das Graças
Membro da banca: Silva, Cristina Ferreira
Costa, Geraldo Marcio da
Batista, Luis Roberto
Área de concentração: Microbiologia Agrícola
Assunto: Biofilme
Microscopia eletrônica de varredura
Essências e óleos essenciais
Scaning electron microscopy
Sanitizantes
Data de Defesa: 26-Jan-2010
Data de publicação: 15-Ago-2014
Referência: VALERIANO, C. Ação antimicrobiana de óleos essenciais frente a patógenos sésseis e planctônicos de origem alimentar. 2010. 95 p. Tese (Doutorado em Microbiologia Agrícola)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: O desenvolvimento de biofilmes em ambientes de processamento de alimentos pode ser uma fonte contínua de contaminação. O aumento da resistência das células no biofilme a agentes antibacterianos e sanitizantes torna necessário o desenvolvimento de novas alternativas para seu controle. Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a sensibilidade de células planquitônicas de Escherichia coli enteropatogênica, Salmonella entérica Enteritidis, Listeria monocytogenes e Enterobacter sakazaki frente à ação de óleos essenciais de Mentha piperita, Cymbopogon citrarus, Ocimum basilicum e Origanum majorana. Objetivou-se também avaliar a sensibilidade de células sésseis de Escherichia coli enteropatogênica e Salmonella enterica Enteritidis frente a soluções à base de óleo essencial de Mentha piperita e Cymbopogon citratus. A extração dos óleos essenciais foi realizada por hidrodestilação, utilizando-se aparelho de clevenger modificado. O efeito das diferentes concentrações dos óleos essenciais foi avaliado pela técnica de difusão em ágar. A formação do biofilme foi realizada sobre a superfície de cupons de aço inoxidável, utilizando como substrato caldo triptona de soja. O número de células aderidas foi determinado após 48, 96, 144, 192 e 240 horas. As soluções à base de óleo essencial foram testadas após as 240 horas de formação do biofilme, em três tempos de contato (10, 20 e 40 minutos). As quantidades de óleos essenciais utilizadas nas soluções foram baseadas nas CMIs. Cupons de aço inoxidável submetidos às soluções a base de óleos essenciais foram analisados por MEV, para visualização da ação dos óleos essenciais nas células. Observou-se que o efeito bactericida dos óleos essenciais apresentou efetividade variada para as bactérias testadas. Pelo número de células aderidas, observou-se que tanto Escherichia coli quanto Salmonella Enteritidis aderiram rapidemente à superfície, formando biofilme maduro após 240 horas. As soluções à base de óleo essencial mostraram-se efetivas na redução do número de células sésseis, principlmente após 20 e 40 minutos de contato. Ambas as soluções foram capazes de reduzir 100% do número de células do biofilme após 20 minutos de contato. Pela MEV, observaram-se alterações estruturais nas células bacterianas, provavelmente causadas pela atuação dos óleos essenciais. Os óleos essenciais avaliados se mostraram efetivos frente as bactérias testadas, podendo ser considerados novas alternativas na sanitização de superfícies de aço inoxidável.
Biofilm formation in food processing environments can be a continuing source of contamination. Increased resistance of biofilm cells to antibacterial and sanitizers agents requires the development of new alternatives to control them. This work was executed with the aim of (1) evaluating the planktonic cells sensitivity of enteropathogenic Escherichia coli, Salmonella enterica Enteritidis, Listeria monocytogenes, Enterobacter sakazaki against the antibacterial action of Mentha piperita, Cymbopogon citrarus, Ocimum basilicum, and Origanum manjorana; and (2) studying the sessile cells sensitivity of enteropathogenic Escherichia coli and Salmonella enterica Enteritidis against solutions based on essential oil of M. piperita and C. citratus. The essential oil extraction was performed by hydrodistillation using the modified Clevenger apparatus. The effect of the different essential oil concentrations was evaluated by the agar diffusion technique. The biofilm formation was performed on the surface of stainless steel chips by using tryptone soy broth as substrate. The adhered cells number was evaluated after 48, 96, 144, 192 and 240 hours. Solutions based on essential oil were tested after 240 hours of biofilm formation at three contact durations (10, 20 and 40 minutes). The amount of essential oil used in the solutions was based on MICs. Stainless steel chips submitted to the solutions based on essential oil were analyzed by SEM to visualize the action of the essential oil in the cells. The bactericidal effect of essential oil presented varying effectiveness for all the bacteria tested. According to the adhered cells number it was observed that Escherichia coli and Salmonella enterica Enteritidis adhered quickly to the surface forming ripe biofilm after 240 hours. The solutions based on essential oil were effective in the reduction of the sessile cells number, mainly after contact of 20 and 40 minutes. Both solutions were able to reduce 100% of the biofilm cells number after contact of 20 minutes.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2856
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Microbiologia Agrícola - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Ação antimicrobiana de óleos essenciais frente a patógenos sésseis e planctônicos de origem alimentar.pdf3,27 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback