Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCA - Departamento de Ciência dos Alimentos >
DCA - Programa de Pós-graduação >
DCA - Ciência dos Alimentos - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3141

Título: Secagem de bagaço de cana em um secador ciclônico
Título Alternativo: Sugarcane bagasse drying in a cyclone
Autor(es): Oliveira, Letícia Fernandes de
Orientador: Corrêa, Jefferson Luiz Gomes
Coorientador(es): Borges, Soraia Vilela
Membro da banca: Alves, José Guilherme Lembi Ferreira
Ugri, Miriam Carla Bonicontro Ambrosio
Área de concentração: Ciência dos Alimentos
Assunto: Energia da biomassa
Bagaço da cana de açúcar
Escoamento gás-partícula
Gas-particle flow
Geometria do ciclone
Sugarcane
Data de Defesa: 28-Set-2010
Data de publicação: 2014
Referência: OLIVEIRA, L. F. de. Secagem de bagaço de cana em um secador ciclônico. 2010. 87 p. Dissertação (Mestrado em Ciência dos Alimentos)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: O presente trabalho foi realizado com o objetivo de estudar a influência do teor de umidade inicial do bagaço de cana (bagaço do pátio e o recolhido logo após moagem) e da geometria do ciclone (testando-se o ângulo e a abertura inferior da parte cônica, B) na secagem do bagaço em um secador ciclônico. O material foi caracterizado, com relação ao teor de umidade, granulometria e poder calorífico. Para cada teor de umidade inicial e geometria, foram desenvolvidos experimentos de secagem com base em planejamento experimental. As variáveis independentes foram a temperatura do ar de secagem (35 a 275°C) e a vazão mássica de bagaço (10 x10-3 a 29 x10-3 kgs-1), mantendo-se a velocidade de ar constante (7,5 x10-2 kgs-1). As variáveis dependentes foram a redução do teor de umidade (RU) e o tempo de residência (tres) das partículas no secador. Com os resultados mostraram-se que a redução da umidade é diretamente proporcional à temperatura e inversamente proporcional à vazão de sólidos. O tres, também, foi inversamente proporcional à vazão de sólidos. A diminuição de B induz a uma tendência do aumento da RU e do tres.
The influence of initial moisture content of sugarcane bagasse (bagasse patio and those obtained just after the mill) and the geometry of the conical part of the cyclone (two different angles and inferior outlet, B) were tested in bagasse drying in a cyclonic dryer. The product was characterized with respect to moisture content, particle size and calorific value. For each initial moisture content and geometry, experimental design was employed. The independent variables were drying agent temperature (35 to 275 °C) and bagasse mass flow rate (10x10-3 to 29x10-3 kgs-1). The air flow rate was kept constant at 7.5 x10-2 kgs-1. The dependent variables were moisture reduction (RU) and average particle residence time (tres) in the cyclonic dryer. It was observed that RU was directly proportional to temperature and inversely proportional to bagasse mass flow rate. Residence time was also inversely proportional to bagasse mass flow rate. Decreasing B carried out to a tendency of increasing RU and tres.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3141
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCA - Ciência dos Alimentos - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Secagem de bagaço de cana em um secador ciclônico.pdf1,07 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback