Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3366
Título: Estimativa da geração e destinação do resíduo da construção civil na cidade de Lavras, MG
Título(s) alternativo(s): Estimates from generation and destination of civil construction residues in the town of Lavras, MG
Autor : Troca, José Roberto
Primeiro orientador: Gomes, Francisco Carlos
Primeiro membro da banca: Mendes, Lourival Marin
Yanagi Júnior, Tadayuki
Lopes, Sebastião Pereira
Área de concentração: Construções e Ambiência
Palavras-chave: Entulho
Construção civil
RDC
Reciclagem
Rubbish
Civil construction
Recycling
Data da publicação: 1-Set-2014
Referência: TROCA, J. R. Estimativa da geração e destinação do resíduo da construção civil na cidade de Lavras, MG. 2007. 123 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2007.
Resumo: A geração e destinação dos resíduos da construção e demolição (RCD) tem sido um a preocupação dos órgãos gestores nos últimos anos. Este trabalho teve como objetivo levantar a quantidade de resíduo de construção e demolição (RCD) gerado e transportado na cidade de Lavras - MG e a identificação das áreas de deposições e seu monitoramento. Com coletas de dados dos volumes gerados e entrevistas com as empresas no ramo de atividade em construção civil, podê-se traçar um perfil dos geradores de RCD. A quantidade estimada de RCD na cidade de Lavras foi de 56t/dia para o período estudado. Foram levantadas 10 áreas de deposição sendo que apenas duas áreas são autorizadas. Constatou-se ainda que a geração de RCD seja, em sua maioria, as pequenas obras e que as construtoras ainda não dominam as práticas de redução de perdas no próprio canteiro de obras. Na gestão pública é necessário um sistema de gerenciamento que aplique técnicas de coleta, manejo e destinação correta do RCD. Com base nos custos levantados verificou-se viabilidade de implantação de uma usina de reciclagem que atenda a demanda da cidade e região.
The generation and destination of construction and demolition residues (RCD) has worried the managing agencies during the last years. Rubbish from civil construction represents more and more a problem in the management of big cities, both for the amount generated and for the deposition of these materials. Its diagnosis is the basic premise for adopting recycling or reuse politics in the region. This paper aims to define the amount of construction and demolition residues (RCD) generated and transported in the town of Lavras, MG and to identify deposition areas and their monitoring. With data collection of the generated volumes and interviews with companies working in civil construction, a profile of RDC generators can be traced. Being so, from Conama´s resolution number 307, the necessity to create incentives to recycling in order to minimize environmental impacts was verified. This material has been seen as of great use in civil construction industries, been used as an aggregate for concretes and mortar and pavement work. The technology for recycling this residue is still incipient and needs to be consolidated, mainly if we observe the particularities of the rubbish generated in the country. The estimated amount of RCD in the town of Lavras was 56t/day for the studied period. Ten deposition areas were checked; only two of them were authorized. It was also evidenced that the generation of RCD is, mostly, from small works, and the construction companies have not gotten the mastering of reducing losses on their own workplaces. In public management a management system which applies collect, handling and correct destination techniques for RDC is necessary. Based on costs a recycling factory that attends the demand of the town and region was considered viable.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3366
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEG - Engenharia Agrícola - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.