Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3973

Título: Relação concentrado: Volumoso sobre o desempenho, características de carcaça e custo de produção em cordeiros "Santa Inês"
Título Alternativo: Effect of the relation concentrate:fodder on the performance, characteristics of carcass and cost of production in lambs Santa Inês
Autor(es): Oliveira, Rodrigo Palomo de
Orientador: Pérez, Juan Ramón Olalquiaga
Membro da banca: Souza, José Camisão de
Barcelos, Adauto Ferreira
Evangelista, Antônio Ricardo
Muniz, Joel Augusto
Área de concentração: Nutrição de Animais Ruminantes
Assunto: Ovino - Desempenho
Ovino - Carcaça
Ovino - Custo de produção
Ovino - Alimentação e rações
Nutrição animal
Data de Defesa: 30-Nov-2006
Data de publicação: 24-Set-2014
Referência: OLIVEIRA, R. P. de. Efeitos da relação concentrado: volumoso sobre o desempenho, características de carcaça e custo de produção em cordeiros Santa Inês. 2006. 148 p. Tese (Doutorado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.
Resumo: The experiment was carried out in the Sector of Ovinocultura of the Universidade Federal de Lavras, to evaluate the effect of different relations concentrate: fodder on the performance, characteristics of carcass and cost of Santa Inês lambs after weaning. A total of 44 lambs were used, males not castrated, fed with four diets: diet A (100% concentrated), diet B (75:25 concentrate:fodder), diet C (50:50 concentrate:fodder) and diet D (25:75 concentrate:fodder). The experimental diets were iso-proteinic, differentiating only in its levels of concentrate: fodder e had been balanced according to the nutricionals requirements recommendations of the ARC (1980). The diets had been composed for ensilage of sugar cane, of-sugar and/or pulp of citrus, soy bran (Glicine max L.), urea and mineral and vitaminic supplement, and supplied two times a day, 40% in the morning and 60% in the afternoon, in amounts that had allowed a surplus of 10% of the total intake. The concentrate offered in all the treatments had been peletized. It was evaluated the relative consumption (g/kg of PV/dia) of MS, PB, FDN, FDA and the alimentary conversion of lambs of each treatment. The lambs were weighed after birth, and every 7 days. The animals had been submitted to 16 hours fast, with access to water before being slaughtered. To the ending of this period, a weight for determination of the weight was carried out before slaughter. ½ left carcass was divided in eight anatomical regions called commercial cuts: leg, posterior arm, loin, sideburn, rib/plati, pallete, anterior arm and neck. The commercial cuts sideburn, paleta, loin and leg, had been dissecated, individually, breaking up bones tissue, muscle and adipose tissue to get the ratio in each cut. The experimental period did not have predetermined duration, therefore it corresponded to the necessary period to the last lamb reach the alive weight of 35 kg The revenue was the selling of the carcasses (R$/kg). The price of acquisition of the lambs was considered as R$ 3,50/kg of alive weight and the selling price was R$ 7,50/kg per carcass. The economic analysis simulated the confinement of 100 lambs for treatment. CMS, CPB, CFDN and CFDA, were affected by the different relations of concentrated: fodder. The animals fed with diets with bigger intake of concentrate presented the best results for the relative variable development and, therefore, they were slaughtered in lower ages in function of the biggest profits, better taxes of alimentary conversion e, the lambs fed with the diet with bigger inclusion of fodder, had not presented weight gaint, on the contrary, they presented loss of weight, no one animal the slaughtered weight and mortality was very high (80%). It is necessary more studies on the supply of foods in addition to the studies done in this experiment. Mainly when supplied together to lambs in confinement or with other foods, inclusions of fodder or even without the inclusion to fodder, to facilitate the inference on each type of food supplied, including the sugar cane ensilage lambs in confinement, since that, in low inclusions. It did not have influence of the different alimentary manejos on the PVSJ, PVCJ, PCQ, PCF and PPR for the animals fed with different diets, for the fact of the lambs of the different alimentary manejos to have been slaughtered with approximately equal weights. It did not have difference for the RVER, RCOM, RBIO and RFAZ in the weight of 35kg slaughters. The lambs fed with diet B (75:25) presented greater weight of legs than the animals fed with diet C (50:50). The leg is the cut of bigger importance in the carcass; it contains the noble meat of the carcass. This was an excellent result. For the studied variables, one positive result met was the ratio of the cuts and, thus, one concludes that the imposed diets can be used without damages to the ratio of the cuts of the carcass. The ratio of bones only varied in the pallete and in the legs, among the lambs fed with different diets. The percentage of muscles only differed in pallete and in the leg. In excessively the studied cuts, it did not present difference in the weight and percentage of muscles. The fat percentage only differed in pallete of lambs fed with the different diets. The animals fed with diet B, intermediate inclusion of fodder, presented bigger yield as compared with the animals fed with the other diets, therefore it is the recommended alimentary management to be used by producers.
O experimento foi conduzido no Setor de Ovinocultura da Universidade Federal de Lavras, com o objetivo de avaliar os efeitos das diferentes relações concentrado:volumoso sobre o desempenho, características de carcaça e custo de produção em cordeiros Santa Inês após o desmame. Foram utilizados 44 cordeiros, machos não castrados, que foram alimentados com quatro dietas: dieta A (100% concentrado), dieta B (75:25 concentrado:volumoso), dieta C (50:50 concentrado:volumoso) e dieta D (25:75 concentrado:volumoso). As dietas experimentais foram iso-protéicas, diferenciando apenas em seus níveis de concentrado:volumoso e foram balanceadas para atender às exigências nutricionais segundo as recomendações do ARC (1980). As dietas foram compostas por silagem de cana-de-açúcar e/ou polpa de citrus, farelo de soja (Glicine max L.), uréia e suplemento mineral e vitamínico, e fornecidas duas vezes ao dia, 40 % de manhã e 60 % à tarde, em quantidades que permitiram uma sobra de 10% do total oferecido. O concentrado oferecido em todos os tratamentos foram peletizados. Foram avaliados o consumo relativo (g/kg de PV/dia) de MS, PB, FDN, FDA e a conversão alimentar dos cordeiros de cada tratamento. Os cordeiros foram pesados ao nascer, e a cada 7 dias. Os animais foram submetidos a um jejum de 16 horas, com acesso a água antes de serem abatidos. Ao término deste período, foi realizada uma pesagem para determinação do peso ao abate. A ½ carcaça esquerda foi dividida em oito regiões anatômicas denominadas cortes comerciais: perna, braço posterior, lombo, costeleta, costela/fralda, paleta, braço anterior e pescoço. Os cortes comerciais costeleta, paleta, lombo e perna, foram dissecados, individualmente, separando-se os tecidos ósseo, muscular e adiposo com a finalidade de obter a proporção dos mesmos em cada corte. O período experimental não teve duração pré-fixada, pois correspondeu ao período necessário para que o último cordeiro atingisse o peso vivo de 35 Kg. A receita foi gerada a partir da venda das carcaças (R$/kg). O preço de aquisição dos cordeiros foi considerado em R$ 3,50/kg de peso vivo e o de venda por R$ 7,50/kg de carcaça. A análise econômica simulou o confinamento de 100 cordeiros por tratamento. Os CMS, CPB, CFDN e CFDA, foram afetados pelas diferentes relações de concentrado:volumoso. Os animais alimentados com dietas com maior inclusão de concentrado apresentaram os melhores resultados para as variáveis relativas ao desenvolvimento e, consequentemente, foram abatidos em idades menores em função dos ganhos maiores, melhores taxas de conversão alimentar e, os cordeiros alimentados com a dieta com maior inclusão de volumoso, não apresentaram ganho de peso, pelo contrário, apresentaram perda de peso, nenhum animal chegou ao peso de abate e a mortalidade foi altíssima (80%). É preciso fazer mais estudos sobre o fornecimento dos alimentos estudados neste experimento, quando fornecidos juntos para cordeiros em confinamento ou com outros alimentos, com inclusões de volumoso mais próximas ou mesmo sem a inclusão de volumoso, para analisar mais apropriadamente cada tipo de alimento fornecido, incluindo a silagem de cana-de-açúcar para cordeiros em confinamento, desde que, em baixas inclusões. Não houve influência dos diferentes manejos alimentares sobre os PVSJ, PVCJ, PCQ, PCF e PPR para os animais alimentados com diferentes dietas, pelo fato dos cordeiros dos diferentes manejos alimentares terem sido abatidos com pesos aproximadamente iguais. Não houve diferença para os RVER, RCOM, RBIO e RFAZ no peso de abate de 35 kg. Os cordeiros alimentados com a dieta B (75:25) apresentaram maior peso de perna que os animais alimentados com a dieta C (50:50). A perna é o corte de maior importância na carcaça pois nela está contida a carne nobre da carcaça, sendo este um resultado muito relevante. Para as variáveis estudadas, encontrou-se resultado positivo na proporção dos cortes e, assim, conclui-se que, as dietas impostas podem ser utilizadas sem prejuízos na proporção dos cortes da carcaça. A proporção de ossos variou somente na costeleta e na paleta, entre os cordeiros alimentados com as diferentes dietas. A porcentagem de músculos diferiu somente na paleta e na perna. Nos demais cortes estudados, não houve diferença no peso e percentual de músculos. A porcentagem de gordura diferiu somente na paleta entre os cordeiros alimentados com as diferentes dietas. Os animais alimentados com a dieta B, com inclusão intermediária de volumoso, apresentaram a maior rentabilidade comparado com os animais alimentados com as demais dietas, sendo o manejo alimentar mais recomendado para utilização por produtores.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3973
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Relação concentrado Volumoso sobre o desempenho, características de carcaça e custo de produção em cordeiros 'Santa Inês'.pdf546,83 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback