Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCA - Departamento de Ciência dos Alimentos >
DCA - Programa de Pós-graduação >
DCA - Ciência dos Alimentos - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4164

Título: Efeito da bebida de café (Coffea arábica L.) sobre o estresse oxidativo e agregação plaquetária em ratos diabéticos
Autor(es): Silvério, Alessandra dos Santos Danziger
Orientador: Pereira, Rosemary Gualberto Fonseca Alvarenga
Coorientador(es): Duarte, Stella Maris da Silveira
Rodrigues, Maria Rita
Membro da banca: Abreu, Celeste Maria Patto de
Rios, Danyelle Romana
Pereira, Michel Cardoso De Angelis
Sousa, Raimundo Vicente de
Área de concentração: Ciência dos Alimentos
Assunto: Café
Diabetes mellitus
Estresse oxidativo
Produtos finais de glicação avançados
NOX2
Agregação plaquetária
Coffee
Oxidative stress
Advanced glycation end products
Platelet aggregation
Data de Defesa: 9-Mai-2014
Data de publicação: 2014
Referência: SILVÉRIO, A. dos S. D. Efeito da bebida de café (Coffea arábica L.) sobre o estresse oxidativo e agregação plaquetária em ratos diabéticos. 2014. 171 p. Tese (Doutorado em Ciência dos Alimentos) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: Este estudo teve por objetivo verificar a influência da bebida de café em diferentes sistemas biológicos de ratos Wistar diabéticos induzidos por aloxano. Em todos os experimentos, utilizou-se bebida de café Coffea arabica L., fervida e filtrada, preparada no momento do uso. Determinou-se a composição de ácidos clorogênicos totais, teor de fenólicos totais, cafeína, trigonelina e niacina do café. Dividiu-se os animais em grupos não diabéticos e diabéticos (induzidos por aloxano via intraperitoneal), animais tratados por gavagem com água, com os inibidores aminoguanidina e apocinina, e com a bebida de café por um período de 50 dias em doses e concentrações padronizadas. Realizou-se o recrutamento de neutrófilos utilizando-se caseinato de sódio via intraperitoneal, as amostras biológicas de soro e sangue total foram obtidas por punção cardíaca e o plasma citratado por punção da aorta abdominal. Realizou-se testes para avaliar o perfil glicêmico através das dosagens de glicemia de jejum e HbA1c, o perfil renal por meio dosagens de ureia e creatinina, os níveis circulantes de produtos finais de glicação avançados-AGEs fluorescentes no soro e o hemograma. Avaliou-se a geração do pool de espécies reativas de oxigênio-ERO por quimiluminescência amplificada por luminol e a atividade da enzima NOX2 através da geração de ânion superóxido através do ensaio de redução do citocromo C tendo como ativador o PMA, a atividade fagocítica e microbicida de neutrófilos peritoneais frente à Candida albicans. Avaliou-se a agregação plaquetária frente ao agonista ADP. Pela análise dos dados obtidos, constatou-se que a ingestão da bebida de café não afetou o perfil glicêmico dos animais, no entanto, reduziu a formação de AGEs e também a agregação plaquetária no modelo experimental adotado. A aminoguanidina, foi eficiente em inibir a formação de AGEs, e além disso, inibiu também a agregação plaquetária. Adicionalmente, a ingestão da bebida de café não interferiu na função renal dos animais, reduziu a geração de ERO dos animais e a geração de ânion superóxido nos animais diabéticos, não interferiu com as atividades fagocíticas e microbicida de neutrófilos peritoneais frente à Candida albicans. O tratamento com a apocinina, apesar de inibir a atividade da NOX2, não alterou a capacidade de fagocitose e microbicida de neutrófilos peritoneais dos animais em estudo frente à Candida albicans.
Abstract: This study aimed at verifying the influence of the coffee beverage in different biological systems of alloxan-induced diabetic Wistar rats. In all experiments, the Coffea arabica beverage was used, boiled and filtered, prepared at the moment of use. The composition of total chlorogenic acids, total phenolic contents, caffeine, trigonelina and coffee niacin were determined. The animals were divided into non-diabetic and diabetic (alloxan-induced via intraperitoneal) groups, animals treated by gavage with water, with the aminoguanidine and apocynin inhibitors, and with the coffee beverage for a period of 50 days, in standardized doses and concentrations. The neutrophils’ recruitment was performed using sodium caseinate via intraperitoneal, the serum and total blood biological samples were obtained by cardiac puncture and the citrated plasma by abdominal aorta puncture. The tests were performed to evaluate the glycemic profile through the doses of fasting blood glucose and HbA1c, the renal profile through doses of urea and creatinine, circulating levels of serum fluorescent advanced glycation end products – AGEs and complete blood count. The generation of oxygen reactive species - ORS pool was evaluated by luminol amplified chemiluminescence and activity of the NOX2 enzyme, through the generation of superoxide anion by means of the cytochrome C reduction trial, using the PMA as activator, the phagocytic and microbicide activities of peritoneal neutrophils in contrast to Candida albicans. Platelet aggregation was evaluated in contrast to the ADP agonist. With the analyses of the obtained data, it was noticed that the ingestion of the coffee beverage did not affect the glycemic profile of the animals, however, the formation of AGEs was reduced as well as the platelet aggregation in the adopted experimental model. The aminoguanidine was efficient in inhibiting the formation of AGEs and, in addition, inhibited platelet aggregation. In addition, the ingestion of coffee beverage did not interfere in the renal function, reduced the generation of ORS of the animals and the generation of superoxide anion in diabetic the animals, did not interfere with the phagocyte and microbicide activities of peritoneal neutrophils of the studied animals in contrast to Candida albicans.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4164
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCA - Ciência dos Alimentos - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Efeito da bebida de café (Coffea arábica L.) sobre o estresse oxidativo e agregação plaquetária em ratos diabéticos.pdf1,44 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback