Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4191

Title: Características de carcaça e perfil de ácidos graxos da carne de tourinhos Red Norte e Nelore terminados em confinamento
Other Titles: Characteristics of carcass and profile of fatty acids in the meat of Red Norte and Nellore young bulls in feedlot
???metadata.dc.creator???: Lopes, Leandro Sâmia
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Ladeira, Márcio Machado
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Gonçalves, Tarcísio de Moraes
???metadata.dc.contributor.referee1???: Ramos, Eduardo Mendes
Paulino, Pedro Veiga Rodrigues
Chizzotti, Mario Luiz
???metadata.dc.description.concentration???: Produção e Nutrição de Ruminantes
Keywords: Bovino de corte
Carne - Qualidade
Ácidos graxos
Carcass
Fatty acid profile
???metadata.dc.date.submitted???: 5-Apr-2010
Issue Date: 30-Sep-2014
Citation: LOPES, L. S. Características de carcaça e perfil de ácidos graxos da carne de tourinhos Red Norte e Nelore terminados em confinamento. 2010. 124 p. Tese (Doutorado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar as características de carcaça e qualidade de carne de tourinhos Red Norte e Nelore terminados em confinamento. O experimento foi conduzido no Setor de Bovinocultura de Corte, do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras. Utilizaram-se 44 tourinhos de dois grupos genéticos, sendo 22 Red Norte com peso corporal inicial de 367±30 kg e 22 Nelore com peso corporal inicial de 361±31 kg. Os animais foram confinados em baias coletivas separados de acordo com o grupo genético. A duração do experimento foi de 112 dias, com 28 dias de adaptação e 84 dias experimentais. Os animais receberam ração ad libitum, com relação concentrado:volumoso de 50:50 formulada de acordo com o NRC (2000). Os animais foram abatidos com 519 e 482 kg para Red Norte e Nelore respectivamente. O abate dos animais foi realizado em frigorífico comercial, com jejum de 24 horas, através de concussão cerebral e secção da veia jugular seguida da remoção do couro e evisceração. Em relação as características quantitativas foi observado maior rendimento de carcaça para a raça Nelore, entretanto não houve diferença para peso de carcaça quente e fria entre os grupos genéticos. Os animais Red Norte apresentaram maior área de olho de lombo e maiores pesos e rendimentos de traseiro especial e ponta de agulha e menor peso e rendimento de dianteiro. Não foi verificada diferença entre os grupos genéticos para espessura de gordura subcutânea. O grupo genético Red Norte apresentou maior peso dos cortes picanha e contrafilé enquanto o grupo genético Nelore apresentou maior peso dos cortes paleta e coxão duro. Não houve diferença para a análise química da carne entre os grupos genéticos. Os animais Red Norte apresentaram maiores teores dos ácidos graxos pentadecanóico, palmítico, palmitoleico, linoleico e CLA, enquanto os animais Nelores apresentaram maior teor de ácido oleico. O músculo Longissimus thoracis apresentou maiores concentrações para os ácidos láurico, heptadecenóico, esteárico, linoleico, α-linolênico e araquidônico, por outro lado, a gordura subcutânea apresentou maiores concentrações para os ácidos mirístico, miristoleico, pentadecanóico, palmítico, palmitoleico, oleico e CLA. Houve interação entre os grupos genéticos e os locais de deposição para os ácidos palmítico, palmitoleico e oleico. Os animais Red Norte apresentaram maior concentração de ácidos graxos saturados enquanto os animais Nelores apresentaram maiores concentrações de ácidos graxos insaturados e monoinsaturados. Já o músculo Longissimus dorsi apresentou maiores concentrações de ácidos graxos poli-insaturados e ácidos graxos da série ômega 3 e 6. No entanto, a gordura subcutânea apresentou maior valor de gordura saturada. Houve interação apenas para ácido graxo saturado entre od grupos genéticos. Os animais Nelores apresentaram maior atividade da elongase em relação aos animais Red Norte e tendência de superioridade na atividade da ∆9 dessaturase 18. O músculo Longissimus thoracis apresentou maior valor para atividade da enzima ∆9 dessaturase 16 e elongase, enquanto a gordura subcutânea apresentou maior valor para aterogenicidade. Houve interação apenas para elongase entre os grupos genéticos estudados. Mesmo havendo diferença no peso de abate entre os grupos genéticos, não houve diferença no peso de carcaça quente, que é a principal forma de remuneração paga aos produtores, devido ao maior rendimento de carcaça da raça Nelore. A composição química da carne não foi influenciada pelos grupos genéticos estudados. Há diferença no perfil de ácidos graxos no músculo e na gordura subcutânea de bovinos, sendo que a primeira apresenta um perfil de ácidos graxos mais favorável à saúde humana. Há influência do grupo genético sobre o perfil de ácidos graxos, pois a carne de Nelore apresentou maiores concentrações de ácidos graxos insaturados e monoinsaturados, quando comparada a carne de Red Norte.
This work was realized in order to evaluate the characteristics of carcass and meat quality of Red Norte and Nellore young bulls in feedlot. The trial was carried out in the Sector of Beef Cattle production in the Animal Science Department at the Federal University of Lavras. 44 bulls from two genetic groups were used, being 22 Red Norte with initial body weight of 361 ± 31 kg. The animals were feedlot in shared byres separated according to the genetic group. The experiment lasted 112 days, with 28 days of adaptation and 84 experimental days. The animals received ad libitum feed concentrate: voluminous ratio of 50: 50 formulated according to NRC (2000). The animals were slaughtered at 519 and 482 kg for Red Norte and Nellore respectively. The animals were slaughtered at a commercial packing plant under starvation of 24 hours through brain concussion and section of jugular vein followed by extraction of skin and evisceration. Concerning the quantitative traits, it was observed a higher yielding of carcass for Nellore breed; however, there was no difference for weight of hot and cold carcass between the genetic groups. Red Norte animals showed bigger rib eye area and hindquarter and spare ribs with higher weight and yielding, and forequarter with lower weight and yielding. It was not verified difference between the genetic groups for subcutaneous fat thickness. The genetic group Red Norte showed higher weight for cap of rump and striploin cuts while the genetic group Nellore showed higher weight for shoulder and flatround. There was no difference for chemical analysis of meat between the genetic groups. Red Norte animals showed higher contents of pentadecanoic, palmitic, palmitoleic, linoleic and CLA fatty acids, while Nellore animals showed higher content of oleic acid. The muscle Longissimus thoracis had higher concentrations of lauric, heptadecenoic, stearic, linoleic, α-linolenic, and arachidonic; on the other hand, the subcutaneous fat showed greater concentrations of myristic, myristoleic, pentadecanoec, palmitic, palmitoleic, oleic and CLA acids. There was interaction between the genetic groups and the local´s deposition of palmitic, palmitoleic and oleic acids. Red Norte animals showed greater concentration of saturated fatty acids while Nellore animals showed higher concentration of unsaturated and monounsaturated fatty acids. However, the muscle Longissimus dorsi had greater concentrations of polyunsaturated and omega 3 and 6 fatty acids. Nevertheless, the subcutaneous fat showed higher value of saturated fat. There was interaction only for saturated fatty acid between the genetic groups. Nellore animals performed greater elongase activity in relation to Red Norte animals and tendency of superiority on ∆9 desaturase 18 activity. The muscle Longissimus thoracis showed higher value for ∆9 desaturase 16 enzyme activity and elongase, while the subcutaneous fat showed greater value for atherogenicity. There was interaction only for elongase between the studied genetic groups. Even having difference in the slaughter weight between the genetic groups, there was no difference in the hot carcass weight, which is the main source of yield for the producers, due to the fact of higher yield of carcass of Nellore. The chemical composition of the meat was not influenced by the studied genetic groups. There is a difference in the profile of fatty acids in the muscle and in the subcutaneous fat of bovine, being that the first one shows a more favorable profile of fatty acids to the human health. There is influence of genetic group on the profile of fatty acids because the meat of Nellore showed greater concentrations of unsaturated and monounsaturated fatty acids when it was compared with the meat of Red Norte.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4191
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE_Características de carcaça e perfil de ácidos graxos da carne de tourinhos Red Norte e Nelore terminados em confinamento.pdf533.82 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback