Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/43345
Título : Uso de ramas de batata-doce para produção de feno
Título(s) alternativo(s): The use of the sweet potato branches in the hay production
Autor: Donato, Luan Mateus Silva
Andrade Júnior, Valter Carvalho de
Brito, Orlando Gonçalves
Fialho, Cintia Maria Teixeira
Silva, Antônio Júlio Medina da
Azevedo, Alcinei Mistico
Palavras-chave: Ipomoea batatas
Alimentação animal
Forragem
Batata-doce - Melhoramento genético
Animal feeding
Fodder
Sweet potato - Genetic breeding
Publicador: Universidade Federal de Goiás
Data da publicação: Abr-2020
Referência: DONATO, L. M. S. et al. Uso de ramas de batata-doce para produção de feno. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 21, e53493, 2020. DOI: 10.1590/1809-6891v21e-53493.
Resumo : Ramas de batata-doce apresentam características satisfatórias para alimentação animal, porém não têm sido exploradas na forma de feno. Objetivou-se avaliar o uso de ramas de batata-doce para a produção de feno e a divergência genética em clones de batata-doce. Foram avaliados dez clones de batata-doce, conduzidos a campo em blocos ao acaso e cinco repetições. Foram determinados o teor de matéria seca, as produtividades de massa verde e massa seca (PMS), a relação folha e haste das ramas e a produção total e comercial de raízes (PRC). Obtidos os fenos, avaliaram-se as características MS, PB, FDN, FDA, lignina, amido, açúcares solúveis, macro e micronutrientes. Estimou-se a divergência genética entre os clones de batata-doce. O clone UFVJM-54 aliou alta PRC com maior PMS. Os fenos apresentaram teores de PB variando de 11,99 a 15,09%, FDN 47,22 a 55,55%, FDA 22,92 a 28%, e 6,87 a 13,72% de LIG. De forma geral, os teores de minerais nos fenos foram satisfatórios. Os clones foram separados em cinco grupos diferentes. As ramas de batata-doce podem ser utilizadas para a produção de feno. Os clones UFVJM-37, UFVJM-46 e UFVJM-54 são recomendados para cruzamentos com os demais genótipos.
Abstract: Sweet potato branches have satisfactory characteristics for animal feed, but have not been exploited in the form of hay. The objective of this work was to evaluate the use of the sweet potato branches for the hay production and genetic divergence in sweet potato clones. Were evaluated ten sweet potato clones, conducted on the field in randomized blocks and 5 repetitions. Dry matter content, green mass and dry mass yield (DMY), leaf and stem ratio of branches and total and commercial root production (CRP) were determined. Gotten the hays, were evaluated the characteristics: DM, CP, NDF, ADF, lignin, starch, soluble sugars, macro and micronutrients. The genetic divergence among the sweet potato clones was estimated. The UFVJM-54 clone allied high CRP with bigger DMY. The hay presented content of CP ranging from 11.99% to 15.09%, NFD 47.22 to 55.55%, ADF 22.92 to 28%, and 6.87 to 13.72% of LIG. In a general way, the contents of minerals in hays were satisfactory. The clones were separated into 5 different groups. The sweet potato branches can be used for the hay production. The UFVJM-37, UFVJM-46 and UFVJM-54 clones are recommended for crossing with the other genotypes.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/43345
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAG - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Uso de ramas de batata-doce para produção de feno.pdf803,78 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons