Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Microbiologia Agrícola - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5448

Título: Fungal endophytes of Panicummaximum and Pennisetumpurpureum: isolation,identification and antifungal potential
Autor(es): Maia, Natália da Costa
Orientador: Cardoso, Patrícia Gomes
Membro da banca: Jank, Liana
Ávila, Carla Luiza da Silva
Área de concentração: Microbiologia Agrícola
Assunto: Microrganismos
Gramíneas
Endófitos
Fitopatógenos
Antagonismo
Microorganisms
Grasses
Endophytic
Plant pathogens
Antagonism
Data de Defesa: 10-Fev-2015
Data de publicação: 24-Abr-2015
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: MAIA, N. da C. Fungal endophytes of Panicummaximum and Pennisetumpurpureum: isolation,identification and antifungal potential. 2015. 49 p. Dissertação (Mestrado em Microbiologia Agrícola) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: Microrganismos endofíticos habitam o interior das plantas, tanto na parte aérea, como em caules e folhas, quanto em raízes, sem ocasionar prejuízo aos seus hospedeiros. Devido à importância que as gramíneas desempenham na agricultura, seus endófitos são os mais estudados até o momento. Espécies de Panicummaximum e Pennisetumpurpureum são forrageiras indicadas para a produção de bovinos e ocupam uma grande área no país. Plantas de diferentes cultivares dessas duas espécies foram coletadas e os colmos usados para o isolamento dos fungos endofíticos. Estes colmos foram processados e submetidos à desinfestação e semeados em placa de Petri contendo meio BDA /cefotaxima. Foram isolados 126 fungos endofíticos, sendo 118 de P.maximum e8 de P.purpureum. Características morfológicas e sequências ITS e 18S (NS) foram utilizadas para identificar os fungos endofíticos isolados. A maioria pertence ao filo Ascomycota e o gênero Sarocladiumfoi o mais encontrado nestas plantas. Os fungos foram avaliados quanto ao potencial de inibição do crescimento dos fungosfitopatogênicosBipolarismaydis, Aspergillusochraceus,Penicilliumexpansum,Sclerotiniaminor,Fusariumverticillioides, Drechsleramaydis, Pyriculariaoryzae eColletotrichumgraminicola. Trinta e um mostraram ação antagônica ao crescimento deBipolarismaydis, PenicilliumexpansumeSclerotiniaminor. Fungos endofíticos dos gêneros Cercospora e Sarocladiuminibiram o crescimento do fungo fitopatogênicoS. minorem 64% e 80%, respectivamente. A identificação e a avaliação do potencial de inibição de fungos endofíticos de gramíneas forrageiras podem contribuir para o desenvolvimento de pesquisas visando à utilização destes microrganismos no controle biológico ou como produtores de compostos bioativos.
Abstract: Endophytic microorganisms inhabit the interior of plants, both in shoots and in roots, without causing damage to their hosts. Due to the importance that grasses play in agriculture, their endophytes are the most studied to date. Panicum maximum and Pennisetumpurpurem species are forages indicated for cattle and occupy a large area in the country. Samples of different cultivars of these species were collected and stems used for the isolation of endophytic fungi. These stems were cut into discs, submitted to surface disinfection and seeded in Petri dishes containing PDA/cefotaxime. One hundred and twenty-sixendophytic fungi were isolated, 118 from P. maximum and 8 from P.purpureum. Morphological characteristics and ITS and 18S (NS) sequences were used to identify the isolated endophytic fungi. Most fungi belong to the phylum Ascomycota and the Sarocladiumgenus was dominant in this study. The fungi were evaluated for potential to inhibit the growth of pathogenic fungi Bipolarismaydis, Aspergillusochraceus, Penicilliumexpansum, Sclerotinia minor,Fusariumverticillioides, Drechsleramaydis, Pyriculariaoryzae and Colletotrichumgraminicola. 31 endophytic fungi inhibited the growth of pathogenic fungi Bipolarismaydis, Penicilliumexpansum and Sclerotinia minor. Endophytic fungi of the genus Cercospora and Sarocladium inhibited the growth of plant pathogenic fungus S. minor in 64 and 80% respectively. The identification and evaluation of the potential inhibition of endophytic fungi of forage grasses may contribute to the development of research to the use of these microorganisms in biological control or as producers of bioactive compounds.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5448
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: en_US
Aparece nas coleções: DBI - Microbiologia Agrícola - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Fungal endophytes of Panicummaximum and Pennisetumpurpureum: isolation,identification and antifungal potential.pdf419,69 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback