Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10403
Título: Caracterização do Uxi (Endopleura uchi) em três estádios de desenvolvimento
Autor : Machado, Patrícia da Silva
Primeiro orientador: Vilas Boas, Eduardo Valério de Barros
Primeiro membro da banca: Vilas Boas, Eduardo Valério de Barros
Segundo membro da banca: Carvalho, Elisângela Elena Nunes de
Terceiro membro da banca: Monteiro, Aline Gomes Dias Pinto
Palavras-chave: Amazônia
Fruto
Fruit
Amadurecimento
Ripening
Bioquímica
Biochemistry
Data da publicação: 21-Set-2015
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: MACHADO, P. da. S. Caracterização do Uxi (Endopleura uchi) em três estádios de desenvolvimento. 2015. 97 p. Dissertação (Mestrado em Ciência dos Alimentos) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: O uxi (Endopleura uchi) é uma árvore amazônica com maior abundância e frequência nos estados do Pará e Amazonas. O objetivo neste trabalho foi caracterizar bioquímica e físico-quimicamente, avaliar a atividade antioxidante e identificar o perfil de compostos fenólicos e voláteis dos frutos do uxizeiro, em três estádios de maturação. Frutos verde-maturos foram obtidos e amadureceram fora da planta mãe. Com o avançar do amadurecimento, os frutos ficaram mais ácidos e adocicados. A casca e a polpa do uxi escureceram, tornaram-se menos amareladas e ficaram mais opacas; a polpa apresentou coloração mais vivida que a casca. Houve redução da firmeza e aumento da atividade das enzimas pectinametilesterase, poligalacturonase e peroxidase e redução da polifenoloxidase. Observou-se queda da atividade antioxidante e de vitamina C, aumento de carotenoides totais e queda seguida de aumento de fenólicos totais, ao longo do amadurecimento. Os fenólicos catequina, quercetina, vanilina e os ácidos cafeico, clorogênico, gálico, m-cumárico, o-cumárico e p-cumárico foram identificados e quantificados no uxi, nos três estádios de maturação, enquanto o ácido ferrúlico apenas no fruto maduro, e o ácido trans-cinâmico, apenas no fruto verde e maduro. O fenólico majoritário no uxi, a despeito de seu estádio de maturação, foi a catequina, encontrada em concentrações que variaram de 119,57 a 149,6 mg/ 100g, seguida do ácido gálico (2,42 a 2,01 mg/ 100g) e quercetina (1,63 a 1,01 mg/ 100g). Observou-se, ao longo do amadurecimento, tendência de queda para a maioria dos compostos fenólicos, embora queda seguida de aumento tenha sido observada para o composto majoritário catequina, potente antioxidante associado à proteção cardiovascular, também encontrado no vinho e chá verde. Os resultados obtidos apontam o uxi como um fruto com potencial antioxidante e apelo funcional.
Abstract: The uxi (Endopleura uchi) is an Amazonian tree easily found in the states of Para and Amazonas. The objective of this study was to characterize biochemical and physical-chemically, analyze the antioxidant activity and identify the profile of phenolic and volatile compounds of the uxi fruit in three maturation stages. Mature green fruit were obtained and let to ripen off the tree. The fruit became more acidic and sweeter over the ripening. Besides, the peel and pulp of uxi fruit became dark, less yellow and more opaque; the pulp showed more vivid color than the peel. There was loss of firmness and increase of pectinmethylesterase, poligalacturonase and peroxidase activities and polyphenol oxidase activity reduction. It was observed a decrease of antioxidant activity and vitamin C, increase of carotenoids and decrease followed of increase of total phenolic along the ripening. The phenolic compounds such as catechin, quercetin, vanillin and caffeic, chlorogenic, gallic, m-coumaric, o-coumaric and p-coumaric acids were identified and quantified in uxi fruit in the three stages of maturation, while the ferulic acid only in the ripe fruit, and trans-cinnamic acid, only in the green and ripe fruit. The major phenolic in uxi fruit, in spite of their maturation stage, was catechin, found in concentrations ranging from 119.57 to 149.6 mg / 100g, followed by gallic acid (from 2.42 to 2.01 mg / 100g) and quercetin (1.63 to 1.01 mg / 100g). It was observed trend of decline for most of the phenolic throughout the maturation of uxi fruit, although decrease followed by increase has been observed for the major compound catechin, that is a potent antioxidant associated with cardiovascular protection, also found in wine and green tea. The results show uxi as a fruit with antioxidant potential and functional appeal.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10403
Idioma: por
Aparece nas coleções:DCA - Ciência dos Alimentos - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTACAO_Caracterização do Uxi (Endopleura uchi) em Três Estádios de.pdf1,05 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.