Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10772
Título: Diferentes manejos de irrigação de adubação no progresso da ferrugem do cafeeiro
Autor : Barbosa Junior, Mauro Peraro
Primeiro orientador: Souza, Paulo Estevão de
Primeiro coorientador: Pozza, Edson Ampélio
Segundo coorientador: Silva, Mirian de Lourdes Oliveira e
Primeiro membro da banca: Silva, Mirian de Lourde Oliveira e
Palavras-chave: Hemileia vastatrix
Manejos de irrigação e de adubação
Coffea arabica
Incidência da doença
Irrigation and fertilization managements
Disease incidence
Data da publicação: 18-Dez-2015
Agência(s) de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: BARBOSA JUNIOR, M. P. Diferentes manejos de irrigação de adubação no progresso da ferrugem do cafeeiro. 2015. 52 p. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Fitopatologia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: A ferrugem é uma das principais doenças do cafeeiro, sendo sua ocorrência afetada pelo fornecimento de água e equilíbrio nutricional às plantas. Em certos casos, a irrigação pode conferir ao hospedeiro maior resistência. No entanto, o microclima proporcionado pode favorecer o aumento na taxa de progresso da doença. A nutrição mineral deficiente ou desequilibrada pode predispor as plantas à infecção pelo fungo. Dessa forma, objetivou-se, neste trabalho, avaliar a incidência da ferrugem, em lavoura cafeeira com diferentes manejos de irrigação e de adubação. O estudo foi realizado na área experimental do Departamento de Agricultura da Universidade Federal de Lavras, em Lavras, Minas Gerais, em cafeeiro adulto da cultivar MGS Travessia. As avaliações da doença foram realizadas, no período de março de 2012 a novembro de 2014. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com doze tratamentos (3 manejos de adubação) x (4 manejos irrigados por gotejamento) e três repetições, totalizando 36 parcelas. O resultado referente ao índice médio de incidência da doença foi plotado em gráfico na curva de progresso da doença para incidência de ferrugem (AACPDIF). Foi observado maior AACPDIF, (P<0,05) no tratamento SI e I70, durante todo o período avaliado. Plantas que sofreram maior stress hídrico ficaram mais susceptíveis à infecção do patógeno.
Abstract: Rust is an important disease for coffee. Its occurrence affects nutritional balance and water supply to plants. In certain cases, irrigation can impart greater resistance to the host. However, a provided microclimate can increase the progress rate of the disease. Poor or unbalanced mineral nutrition may predispose plants to fungus infection. Thus, the aim of this study was to evaluate the incidence of rust in coffee plantations with different irrigation and fertilization managements. The study was conducted with adult coffee of cultivar MGS Travessia, in an experimental area of the Department of Agriculture of the Universidade Federal de Lavras, in Minas Gerais, Brazil. Disease ratings were elaborated from March of 2012 to November of 2014. The experimental design was a completely randomized block design, with twelve treatments (3 fertilization managements) x (4 drip irrigated managements) and three replicates, in a total of 36 installments. The results for the average rate of disease incidence was graphically plotted in a disease progress curve for rust incidence (AACPDIF). We observed higher AACPDIF values (P<0.05) in no irrigation (NI) and treatment with suspended irrigation for 70 days (I70) throughout the study period. Plants that have suffered greater water stress were more susceptible to infection.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10772
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DFP - Agronomia/Fitopatologia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Diferentes manejos de irrigação de adubação no progresso da ferrugem do cafeeiro.pdf628,35 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.