Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11208
Título: Estudos químicos e anatômicos de cascas de clones de Eucalyptus
Título(s) alternativo(s): Chemical and anatomical studies of barks of Eucalyptus clones
Autor : Sartori, Caroline Junqueira
Lattes: http://lattes.cnpq.br/2592345824356941
Primeiro orientador: Mori, Fábio Akira
Primeiro membro da banca: Bianchi, Maria Lúcia
Segundo membro da banca: Pereira, Helena Margarida Nunes
Terceiro membro da banca: Ribeiro, Alessandra Oliveira
Quarto membro da banca: Zangiácomo, André Luiz
Palavras-chave: Compostos bioativos
Taninos
Cascas
Açúcares
Biorrefinaria
Bioactive compounds
Tannins
Barks
Sugars
Biorefinery
Data da publicação: 31-Mai-2016
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: SARTORI, C. J. Estudos químicos e anatômicos de cascas de clones de Eucalyptus. 2016. 137 p. Tese (Doutorado em Ciência e Tecnologia da Madeira)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: As cascas são resíduos gerados em quantidades expressivas pelas indústrias de transformação da madeira, com isso tornam-se relevantes os estudos básicos de suas propriedades anatômicas e químicas, com o intuito de um melhor aproveitamento desse material. Neste trabalho os objetivos foram realizar estudos anatômicos, químicos e de taninos das cascas de clones comerciais de Eucalyptus. Para isso, foram preparadas lâminas histológicas permanentes para caracterização anatômica e porcentagem de elementos celulares; os elementos celulares foram dissociados para biometria dos elementos. As análises químicas realizadas foram de extrativos, cinzas, lignina, suberina, açúcares, fenóis, taninos, flavonoides e atividade antioxidante dos extratos. Os taninos foram extraídos em água e com emprego de sulfito de sódio, e posteriormente foram avaliadas as propriedades por FT-IR. Verificou-se pela caracterização anatômica e quantificação química, a semelhança entre os clones. Com relação à biometria dos elementos celulares, não foram verificadas diferenças estatísticas significativas para os parâmetros comprimento e diâmetro do elemento de tubo crivoso, diâmetro do parênquima axial e altura dos raios. O rendimento em taninos condensados e Índice de Stiasny para os clones estudados são baixos, mostrando a inviabilidade de utilização das cascas para a extração de taninos e produção de adesivos, porém os taninos e demais compostos fenólicos bioativos podem ser utilizados nos setores de farmácia e cosméticos devido ao seu potencial antioxidante. Devido ao alto rendimento de açúcares verificado, em média de 46,68%, mostram-se promissores, com elevado rendimento em glucose 84,02%, sendo interessante para a aplicação em biorrefinaria.
Abstract: The barks generated from the wood processing industries are wastes generated in significant quantities, becoming interesting to have basic studies of their anatomical and chemical properties in order to make better use of this material. This study aimed to carry out anatomical studies, chemical and tannins from the barks of commercial clones of Eucalyptus. For this, permanent histological slides for anatomical characterization and percentage of cellular elements were prepared; and cellular elements were dissociated for biometry of the elements. The analyses were related to chemical extractives, ash, lignin, suberin, sugars, phenols, tannins, flavonoids and antioxidant activity of the extracts. The tannins were extracted in pure water and with water mixed with sodium sulfite, and were subsequently evaluated the properties by FT-IR. It was verified by the anatomical characterization and chemical quantification, the similarity between the clones. Regarding the biometrics of cellular elements, statistically significant differences were not observed for the following parameters: length and diameter of sieve tube, axial parenchyma diameter, and rays hight. The yield of condensed tannins and Stiasny index for studied clones are low, showing the infeasibility of using bark for the extraction of tannins to produce adhesives, however tannins and other bioactive phenolic compounds can be used in the pharmaceutical and cosmetics sectors due to its antioxidant potential. The spectrum of tannins is the same as the one found the literature. Due to the high yield of verified sugar, (around 46,68%) sugars are potencial products, with a high yield of glucose , it is interesting for application in biorefinery.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11208
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DCF - Ciência e Tecnologia da Madeira - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Estudos químicos e anatômicos de cascas de clones de Eucalyptus.pdf3,08 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.