DSpace
Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1140

Título: Ação reguladora de eliciadores nas características bioquímicas, ecofisiológicas, anatômicas e na produção e qualidade de óleo essencial de Piper mollicomum Kunth
Autor(es): Dousseau, Sara
Orientador: Alvarenga, Amauri Alves de
Coorientador(es): Oliveira, Denilson Ferreira de
Membro da banca: Paula, Ana Cardoso Clemente Filha Ferreira de
Nery, Fernanda Carlota
Alves, Eduardo
Castro, Evaristo Mauro de
Área de concentração: Fisiologia Vegetal
Assunto: Plantas medicinais
Essências e óleos essenciais
Quitosana
Jasmonato de metila
Medicinal plants
Essences and essential oils
Chitosan
Methyl jasmonate
Data de Defesa: 25-Fev-2013
Data de publicação: 2013
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: DOUSSEAU, S. Ação reguladora de eliciadores nas características bioquímicas, ecofisiológicas, anatômicas e na produção e qualidade de óleo essencial de Piper mollicomum Kunth. 2013. 265 p. Tese (Doutorado em Agronomia/Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2013.
Resumo: Objetivou-se neste trabalho, avaliar a eficiência eliciadora da quitosana e do jasmonato de metila sobre os metabolismos antioxidante e fenólico, as trocas gasosas e a anatomia foliar de Piper mollicomum, no sentido de adequar o sistema produtivo para aumento da produção de biomassa e da qualidade do óleo essencial. As soluções de quitosana nas concentrações de 2,5%, 5% e 10% e de jasmonato de metila a 0,5, 2 e 8 mM, foram pulverizadas em todas as folhas das plantas após sete meses de cultivo. Como controle foram utilizadas plantas sem pulverizar e pulverizadas apenas com o solvente, sendo HCl a 0,05 N com pH ajustado para 5,5, para quitosana e Tween 20 a 0,1%, para jasmonato de metila. A quitosana e o jasmonato de metila foram eficientes em promover a atividade antioxidante e os fenólicos nas folhas em desenvolvimento e completamente expandidas. A aplicação de quitosana reduziu as trocas gasosas, sendo as folhas em desenvolvimento mais sensíveis à aplicação desse eliciador. A aplicação de jasmonato de metila a 0,5 mM aumentou a eficiência fotossintética e eficiência instantânea do uso da água, independente do estádio de desenvolvimento da folha. Ambos os eliciadores promoveram o acúmulo de biomassa no sistema radicular e não influenciaram o crescimento da parte aérea. A quitosana a 10% causou modificações na célula que podem ser classificadas como um resultado do desenvolvimento de morte celular programada. A aplicação de jasmonato de metila induz modificações estruturais que podem constituir vantagens na interação planta-patógeno ou planta-herbívoro. A aplicação de 10% quitosana reduziu o teor de óleo essencial de folhas e de raízes de Piper mollicomum, enquanto a menor concentração não alterou o teor nas folhas, mas aumentou nas raízes. A aplicação de quitosana a 5% e com jasmonato de metila a 0,5 mM são eficientes para a produção de óleo essencial, considerando principalmente a produção de dilapiol em raizes.
The objective of this study was to evaluate the effectiveness of chitosan and elicitor methyl jasmonate on phenolic and antioxidant metabolism, gas exchange and leaf anatomy of Piper mollicomum, in order to adapt the production system to increase biomass production and quality essential oil. The solutions of chitosan in concentrations of 2.5%, 5% and 10% and methyl jasmonate 0.5, 2 and 8 mM, were sprayed on all leaves of the plants after seven months of cropping. Were used as control plants without spraying and sprayed with solvent only, with 0.05N HCl with pH adjusted to 5.5 to chitosan and 0.1% Tween 20, for methyl jasmonate. Chitosan and methyl jasmonate were effective in promoting the antioxidant activity and phenolics in developing leaves and fully expanded. The chitosan reduced gas exchange, the leaves being more susceptible to developing this application elicitor. The application of methyl jasmonate 0.5 mM photosynthetic efficiency and increased efficiency instantaneous water use, regardless of the stage of leaf development. Both elicitors promoted biomass accumulation in roots and did not affect the growth of the shoot. Chitosan caused a 10% change in the cell which can be classified as a result of development of programmed cell death. The application of methyl jasmonate induces structural changes that may be advantages in plant-pathogen or plant-herbivore. The application of chitosan reduced the 10% essential oil content of leaves and roots of Piper mollicomum, while the lowest concentration did not alter the content in the leaves, but increased in roots. The application of the 5% chitosan and methyl jasmonate 0.5 mM are effective in producing essential oil, especially considering dilapiol in the production of roots.
Informações adicionais: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia, área de concentração em Fisiologia Vegetal, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1140
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Ação reguladora de eliciadores nas características bioquímicas, ecofisiológicas, anatômicas e na produção e qualidade de óleo essencial de Piper mollicomum Kunth.pdf3,97 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback