Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1204
Título: Diversidade genética entre acessos de pera (Pyrus communis L.) detectados por marcadores moleculares
Autor : Stracieri, Juliana
Primeiro orientador: Resende, Luciane Vilela
Primeiro membro da banca: Guimarães, Renato Mendes
Menezes, Mariney de
Área de concentração: Produção Vegetal
Palavras-chave: Marcador microssatélite
Pyrus communis L. - Caracterização genética
Pyrus communis L. - Diversidade genética
Microsatellite marker
Pera
Data da publicação: 2013
Agência(s) de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: STRACIERI, J. Diversidade genética entre acessos de pera (Pyrus communis L.) detectados por marcadores moleculares. 2012. 59 p. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: A pereira é uma frutífera pertencente à família Rosaceae e ao gênero Pyrus. No Brasil, a produção de peras é de aproximadamente 16 mil toneladas por ano, que representa menos de 10% do total da fruta consumida no país, a baixa produção se deve à falta de cultivares adaptadas às condições climáticas. Com o presente trabalho objetivou-se identificar e avaliar a diversidade genética entre acessos de pera (Pyrus communis L.), em seis municípios do Sul de Minas Gerais (Carrancas, Itumirim, Lavras, Nepomuceno, Perdões e Ribeirão Vermelho). A caracterização genética foi efetuada em 147 acessos de sete populações, com base em 21 primers SSR, as análises de agrupamento dos genótipos foram realizadas pelo método UPGMA (Unweighted Pair-Group Method with Arithmetic Averages) com base no coeficiente de Jaccard. A similaridade genética entre as populações foi calculada pelo índice de identidade de Nei. Em todos os primers foram observadas bandas polimórficas sendo que estas corresponderam a aproximadamente 93% do total de bandas observadas; em média, cada iniciador produziu 8,4 fragmentos. O coeficiente de dissimilaridade para todos os genótipos variaram de 0,032 a 0,69. As populações dois e sete , respectivamente das regiões de Perdões - MG e Lavras - UFLA foram as que apresentaram maior distância genética em relação às demais e agruparam-se separadamente com similaridade de 0,83. Em contrapartida, as populações dois e quatro , respectivamente de Perdões e Ribeirão Vermelho, apresentaram a maior semelhança genética, em torno de 0,94. Também foi constatado que a população sete , coletada na região de Lavras - UFLA, foi a que apresentou maior número de bandas polimórficas, obtendo assim a maior porcentagem de polimorfismo (86,24%) e, consequentemente, maior diversidade genética. Já as populações dois e cinco , provenientes de Perdões e Lavras - CG, apresentaram o menor número de fragmentos em heterozigose e, consequentemente, a menor diversidade genética. Observou-se que há variabilidade genética entre os acessos de pera estudados.
The pear is a fruit belonging to the family Rosaceae and the genus Pyrus. In Brazil, the production of pears is approximately 16.000 tonnes per year, which represents less than 10% of the total fruit consumed in the country, the low production is due to lack of cultivars adapted to climatic conditions. This study aimed to identify and evaluate genetic diversity among accessions of pear (Pyrus communis L.) in six cities of Southern Minas Gerais (Carrancas, Itumirim, Lavras, Nepomuceno, Perdões and Ribeirão Vermelho). Genetic characterization was performed in 147 accessions of seven populations, based on 21 SSR primers, the cluster analysis of genotypes were performed by using UPGMA (Unweighted Pair-Group Method with Arithmetic Averages) based on Jaccard. The genetic similarity between populations was calculated by Nei's identity index. In all primers were observed polymorphic bands corresponded to approximately 93% of the observed bands, on average, each initiator fragments produced 8.4. The dissimilarity coefficient for all genotypes ranged from 0.032 to 0.69. Populations 2 and 7, respectively in the regions of Perdões and Lavras - UFLA showed the greatest genetic distance compared to the others and were grouped separately with similarity of 0.83. However, population 2 and 4, respectively Perdões and Ribeirão Vermelho, showed the greatest genetic similarity, about 0.94. It was found that population 7, collected in Lavras - UFLA, showed the highest number of polymorphic bands, thus obtaining the highest percentage of polymorphism (86.24%) and consequently greater genetic diversity. Already populations 2 and 5, from Perdões and Lavras - CG, showed the lowest number of fragments in heterozygous and consequently the lowest genetic diversity. It was observed that there is variability among the accessions studied pear.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fitotecnia, área de concentração em Produção Vegetal, para obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1204
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTACAO_Diversidade genética entre acessos de pera (Pyrus communis L.) detectados por marcadores moleculares.pdf954,28 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.