Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12220
Título: Absorção de cádmio e zinco por Alternanthera tenella Colla (Amaranthaceae) e modificações anatômicas e fisiológicas
Título(s) alternativo(s): Cadmium and zinc absorption by Alternanthera tenella Colla (Amaranthaceae) and anatomical and physiological modifications
Autor : Rodrigues, Luiz Carlos de Almeida
Lattes: http://lattes.cnpq.br/3138521098703978
Primeiro orientador: Castro, Evaristo Mauro de
Primeiro coorientador: Pereira, Fabricio José
Segundo coorientador: Guilherme, Luiz Roberto Guimarães
Primeiro membro da banca: Castro, Evaristo Mauro de
Segundo membro da banca: Corrêa, Ricardo Monteiro
Terceiro membro da banca: Ribeiro, Bruno Teixeira
Quarto membro da banca: Pasqual, Moacir
Quinto membro da banca: Lira, Marinês Ferreira Pires
Palavras-chave: Plantas – Efeito do zinco
Plantas – Efeito do cádmio
Fitorremediação
Plants – Effect of zinc
Plants – Effect of cadmium
Phytoremediation
Data da publicação: 30-Jan-2017
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: RODRIGUES, L. C. de A. Absorção de cádmio e zinco por Alternanthera tenella Colla (Amaranthaceae) e modificações anatômicas e fisiológicas. 2017. 89 p. Tese (Doutorado em Botânica Aplicada)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: A mineração é uma das principais atividades relacionadas à contaminação do solo por cádmio (Cd) e zinco (Zn). A presença de Cd em concentrações não naturais no ambiente tem sido reconhecida como um grande risco em potencial, devido à sua não biodegradabilidade e alta toxicidade para biota. O Zn é um micronutriente essencial para o crescimento vegetal, mas em altas concentrações pode apresentar fitotoxicidade afetando o crescimento da planta. A fitorremediação se apresenta como técnica de recuperação de áreas degradadas com um bom custo-benefício e natureza ambientalmente correta, utilizando plantas tolerantes e acumuladoras de elementos-traço. O estudo foi realizado visando avaliar a tolerância e o potencial acumulador de Alternanthera tenella Colla, pertencente à família Amaranthaceae e encontrada em áreas degradadas como a área de mineração de Zn em Vazante-MG. Para isso foram utilizadas análises anatômicas e fisiológicas, em plantas cultivadas em solo em casa de vegetação e em meio de cultura no ambiente in vitro. Foi observado que, em solo em casa de vegetação, A. tenella é capaz de absorver e translocar quantidade suficiente de Cd e Zn para ser considerada como espécie hiperacumuladora e, portanto, com potencial para aplicação em processos de fitorremediação. Altas concentrações de Zn induziram a maior absorção de Cd, mas reduziram os efeitos tóxicos desse elemento por competir por sítios de ligação na planta. Devido à alta concentração de Zn em relação ao Cd, modificações anatômicas importantes foram induzidas principalmente pelo Zn, que chegou a demonstrar certa fitotoxicidade sobre as trocas gasosas da espécie. Na condição in vitro, por sua vez, ficou evidente a competição entre Cd e Zn pela absorção por A. tenella, que teve suas características anatômicas, o seu sistema antioxidante e o seu crescimento vegetal afetados por altas concentrações de Cd. Nessa condição, o aumento do teor de Cd reduziu a absorção de Zn por A. tenella. Tanto em casa de vegetação quanto no ambiente in vitro, as modificações anatômicas foram induzidas na planta no sentido de compartimentalizar e impedir a translocação dos elementos-traço avaliados.
Abstract: Mining is one of the main activities related to soil contamination by cadmium (Cd) and zinc (Zn). The presence of unnatural concentrations of Cd in the environment has been recognized as a potential risk due to its nonbiodegradability and high toxicity. Zn is an essential nutrient for plant growth, but in high concentrations may exhibit phytotoxicity affecting plant development. Phytoremediation is presented as a good cost-effective and ecofriendly technique to recover degraded areas, which uses plants with tolerance and accumulation responses for trace elements. The study was performed to evaluate the tolerance and potential to accumulation of Alternanthera tenella Colla, which belongs to Amaranthaceae family and occurs in a degraded area of Zn mining in Vazante-MG. Anatomical and physiological analysis were performed on plants grown on Cd and Zn-contaminated soil in a green house and on a in vitro contaminated medium. We observed that A. tenella was able to uptake and translocate sufficient amount of Cd and Zn to be considered as hyperaccumulator species. Thus, the species have potential for application in phytoremediation processes. High Zn concentrations induced increased absorption of Cd, but reduced the toxic effects of this element by competition for binding sites on the plant. Due to the high Zn concentration compared to Cd, important anatomical changes were induced mainly by Zn, which promoted some phytotoxicity on gas exchange of the species. For the in vitro experiment, in turn, it became apparent competition between Cd and Zn absorption by A. tenella, which had its anatomical , antioxidant and growth features affected by high concentrations of Cd. In this condition, increased Cd content reduced Zn uptake by A. tenella. For both greenhouse and in vitro conditions, the anatomical changes were induced in order to promote the retention and prevent the translocation of the evaluated trace elements.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12220
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DBI - Botânica Aplicada - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Absorção de cádmio e zinco por Alternanthera tenella Colla....pdf2,88 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.