Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12735
metadata.artigo.dc.title: Exigências de fósforo disponível para aves com o uso do fosfato monoamônio
metadata.artigo.dc.title.alternative: Available phosphorus for poultry with the use of monoammonium phosphate
metadata.artigo.dc.creator: Queiroz, Livya Stefane Borges de
Meneghetti, Camila
Garcia Júnior, Antonio Amandio Pinto
Bertechini, Antonio Gilberto
Lima, Eduardo Machado Costa
Oliveira, Henrique Braga
metadata.artigo.dc.subject: Fonte de fósforo
Frango de corte
Mineralização óssea
Bone mineralization
Broiler
Phosphorus source
metadata.artigo.dc.publisher: Universidade Federal de Goiás
metadata.artigo.dc.date.issued: Apr-2012
metadata.artigo.dc.identifier.citation: QUEIROZ, L. S. B. de et al. Exigências de fósforo disponível para aves com o uso do fosfato monoamônio. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 13, n. 2, p. 221-227, abr./jun. 2012.
metadata.artigo.dc.description.resumo: O objetivo do trabalho foi avaliar a exigência de fósforo disponível (Pd) com o uso do fosfato monoamônio (MAP) como fonte de fósforo para frangos de corte na fase inicial (1 a 21 dias). Oitocentos pintos de corte machos de um dia de idade foram distribuídos em esquema fatorial com cinco níveis de Pd (0,28; 0,34; 0,40; 0,46 e 0,52%) associados a dois níveis de cálcio (Ca) (1,00 e 0,60%), totalizando dez tratamentos e oito repetições. Houve interação significativa entre os níveis de fósforo e cálcio da dieta, para as variáveis de desempenho, cinzas ósseas, retenção e excreção de P. Utilizando o nível de 1,0% de Ca na ração, os melhores resultados de desempenho e de cinzas ósseas foram obtidos quando utilizado o nível de 0,42% e 0,439% de Pd, respectivamente. O uso de 0,60% de Ca proporcionou maiores teores de cinzas ósseas apenas com a utilização de 0,28 % de Pd. Os maiores níveis de Pd proporcionaram maior excreção de P. Ao utilizar o MAP como fonte de P em rações de frangos de corte na fase inicial, a utilização dos níveis de 0,43% de Pd e 1,00% de Ca é suficiente para promover resultados satisfatórios de desempenho e mineralização óssea.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The objective of this work was to evaluate the phosphorous requirements (Pd) when mono-ammonium phosphate (MAP) is used as a phosphorous (P) source for broilers in the starter phase (1 to 21 days). We used 800 male chicks at one day old, in a 5x2 factorial arrangement, with five AP levels (0.28, 0.34, 0.40, 0.46 and 0.52%) and two Ca levels (1.00 and 0.60), totaling ten treatments and eight replicates. Significant interaction was observed between phosphorus and calcium levels of the diet, in performance traits, bone ashes and P retention and excretion. Utilizing the level of 1.0% Ca in the diet, the best results of performance and bone ashes were found when the levels of 0.42% and 0.439% Pd were used, respectively. Better contents of bone ashes were observed with the use of 0.60% Ca in the diet only when the lowest level of P was used. When MAP is used as a source of P in the diet for broilers in the starter phase, 0.43% of Pd and 1.00% of Ca are enough to promote better performance and bone mineralization.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12735
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DZO - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_Exigências de fósforo disponível para aves com o uso do fosfato monoamônio.pdf242,28 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons