DSpace
Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12760

Título: Performance and egg quality of laying hens fed with dietary levels of digestible lysine and threonine
Título Alternativo: Desempenho e qualidade de ovos de poedeiras alimentadas com dietas contendo níveis de lisina e treonina digestíveis
Autor(es): Figueiredo, G. O.
Bertechini, A. G.
Fassani, E. J.
Rodrigues, P. B.
Brito, J. A. G
Castro, S. F.
Assunto: Amino acids
Laying hens
Crude protein
Haugh unit
Aminoácidos
Proteína bruta
Unidade Haugh
Ovos - Qualidade
Galinha - Nutrição
Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais
Data de publicação: Jun-2012
Referência: FIGUEIREDO, G. O. et al. Performance and egg quality of laying hens fed with dietary levels of digestible lysine and threonine. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, Belo Horizonte, v. 64, n. 3, p. 743-750, June 2012.
Resumo: O presente trabalho foi desenvolvido utilizando 864 poedeiras Hy-Line W36 (42 a 58 semanas de idade) em um delineamento inteiramente casualizado no esquema fatorial 4x3 com 5 repetições e 12 aves por parcela e 4 períodos de avaliação de 28 dias cada. Os níveis de lisina digestível estudados foram 0,675%; 0,743%; 0,811% e 0,879%, e os de treonina digestível de 0,542%, 596% e 0,650%. Foram avaliados o desempenho e a qualidade dos ovos. Não houve efeitos significativos sobre a produção de ovos, gravidade específica, proporção de clara ou albúmen e seus respectivos teores de sólidos totais para poedeiras submetidas aos respectivos níveis de lisina e treonina na ração. Houve interação entre os níveis de treonina e lisina, para porcentagem de casca e unidade Haugh. Houve redução linear no consumo de ração em função do aumento dos níveis de lisina digestível na ração. Houve comportamento quadrático para peso dos ovos, massa dos ovos e conversão alimentar em função dos níveis de lisina digestível, estimando-se níveis ótimos para respectivas características em 0,754; 0,772 e 0,795%, respectivamente.
Abstract: The present study was developed using 864 Hy-Line W36 laying hens (42 to 58 weeks of age) with a randomized experimental design in a 4x3 factorial arrangement, with five replicates and 12 birds per experimental unit and 4 evaluation periods of 28 days each. The digestible lysine levels studied were 0.675%, 0.743%, 0.811% and 0.879%, and the digestible threonine levels were 0.542%, 0.596% and 0.650%. The performance and egg quality was evaluated. There were no significant effects on the egg production, specific gravity, albumen and yolk percentage and total solids in albumen and yolk for birds submitted to the different dietary digestible lysine and threonine levels. There was significant interaction between these amino acids on the egg shell percentage and Haugh unit in fresh eggs. There was a decreasing linear effect on the feed intake with increase of digestible lysine level. Egg weight, egg mass and feed conversion demonstrated a quadratic effect with the increase of the digestible lysine level with the best results in the diets with 0.754, 0.772 and 0.795% of digestible lysine, respectively.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12760
Idioma: en_US
Aparece nas coleções: DZO - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Performance and egg quality of laying hens fed with dietary levels of digestible lysine and threonine.pdf147,44 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback