Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13590
Title: Faixas críticas de teores foliares de macronutrientes primários para cafeeiros fertirrigados no primeiro ano pós-plantio
Critical ranges of levels for primary leaf macronutrient coffee fertirrigated during the first year after planting
Authors: Universidade Federal de Lavras
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Consórcio Pesquisa Café
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico- CNPq.
Keywords: Cafeicultura
Análise foliar; nutrição mineral; cafeicultura irrigada

Foliar analysis; mineral nutrition; irrigated coffee culture
Issue Date: 1-Aug-2017
Publisher: 
Description: Objetivou-se, no trabalho, estabelecer faixas críticas de teores foliares e encontrar o melhor nível de adubação com nitrogênio, fósforo e potássio para cafeeiros fertirrigados no primeiro ano pós-plantio. O experimento foi conduzido em condições de campo no Setor de Cafeicultura do Departamento de Agricultura da Universidade Federal de Lavras, MG, no período de março de 2010 a julho de 2012. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso, com seis tratamentos, quatro repetições e subdivisão das parcelas no tempo. Os níveis de adubação foram 10%, 40%, 70%, 100%, 130% e 160% em relação à adubação padrão de 100%. Foram realizadas análises químicas das folhas em seis épocas de dois em dois meses, a partir de 28/12/2010. Em julho de 2012 foi obtida a produtividade de café (L planta-1) na primeira colheita. Houve efeito significativo dos níveis de adubação sobre a produtividade. Para lavouras fertirrigadas no primeiro ano de adubação após o plantio, o melhor nível de adubação com nitrogênio, fósforo e potássio é 118,33% em relação à adubação padrão, utilizada para lavouras em formação não irrigadas. As faixas críticas encontradas e os níveis críticos sugeridos de teores foliares dos nutrientes para lavouras de café irrigadas no primeiro ano de adubação ficaram entre 27,3 e 34,8 g kg-1 para o nitrogênio; 1,5 e 3,3 g kg-1 para o fósforo e 21,8 e 28,4 g kg-1 para o potássio.
The study had as objective to establish critical ranges of foliar and find the best level of fertilization with nitrogen, phosphorus and potassium for coffee fertirrigated in the first year after planting. The experiment was carried out in field conditions in the Coffee Culture Sector of the Agriculture Department, Federal University of Lavras, MG, from March2010 to July 2012. The experimental design was randomized blocks with six treatments, four replications and split plot on time. The fertilization levels were 10%, 40%, 70%, 100%, 130% and 160% in relation to standard fertilizer of 100%. Chemical analyzes of leaves were conducted in six seasons for every two months, from December 28, 2010. In July 2012 was obtained the coffee productivity (L plant-1) at the first harvest. Significant effects of fertilizer levels on productivity. For fertirrigated crops in the first year of fertilization after planting, the best level of fertilization with nitrogen, phosphorus and potassium is 118.33% in relation to standard fertilizer used for non-irrigated crops in formation. The critical ranges found and critical levels suggested of foliar levels from the nutrients for irrigated coffee crops in the first year of fertilization were among 27.3 and 34.8 g kg-1 nitrogen; 1.5 and 3.3 g kg-1 phosphorus; and 21.8 and 28.4 g kg-1 potassium.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13590
Other Identifiers: http://www.coffeescience.ufla.br/index.php/Coffeescience/article/view/523
Appears in Collections:Coffee Science

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.