Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/15326
Título : Regeneração natural como indicador de recuperação de área degradada a jusante da usina hidrelétrica de Camargos, MG
Título(s) alternativo(s): Natural regeneration as an indicator of land reclamation near the Camargos hydroelectric plant, State of Minas Gerais
Autor: Ferreira, Wendy Carniello
Botelho, Soraya Alvarenga
Davide, Antonio Claudio
Faria, José Márcio Rocha
Ferreira, Daniel Furtado
Palavras-chave: Recuperação de áreas degradadas
Regeneração natural
Mata ciliar - Recuperação
Recovery of degraded areas
Natural regeneration
Ciliary forest - Recovery
Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Data da publicação: Jul-2010
Referência: FERREIRA, W. C. et al. Regeneração natural como indicador de recuperação de área degradada a jusante da usina hidrelétrica de Camargos, MG. Revista Árvore, Viçosa, MG, v. 34, n. 4, p. 651-660, July/Aug. 2010.
Resumo : Foi avaliado o processo de regeneração natural de mata em função da distância do rio, da compactação do solo e da distância da fonte de sementes em uma área degradada por uso como área de empréstimo de terra para construção da barragem da UHE Camargos, MG, aos 155 meses após o plantio. Para o levantamento da regeneração natural foram implantadas parcelas de 2 x 15 m a cada 10 m, dentro de três transectos, alocados no sentido do declive, com 15 m de largura e comprimento variável, onde foi identificada e medida a altura de todos os indivíduos com DAP<0,05 m e altura maior que 0,10 m. Foram encontradas 64 espécies de 27 famílias. O fragmento de mata adjacente à área de plantio deste estudo forneceu grande quantidade de propágulos para a regeneração, pois muitas das espécies regenerantes na área degradada foram encontradas apenas nesse estrato arbóreo. Distância de até 75 m do fragmento não afetou a densidade e a altura das plantas nem a diversidade da regeneração, mas, nas parcelas em que houve desenvolvimento de capim-gordura, a densidade de planta arbórea ou arbustiva foi menor, porém com indivíduos de maior altura, uma vez que somente plantas que conseguiram ultrapassar a massa vegetal formada pela planta invasora sobreviveram.
Abstract: The process of natural regeneration in an area degraded for the construction of the Camargos hydroelectric plant dam, MG, was analyzed 155 months after the planting for its reclamation. The analyses were done in function of the distance to the river, soil compaction and distance of the seed sources. The survey of the natural regeneration was done in plots of 2 x 15m allocated every 10m along three transects (15m width and variable length) parallel to the slope direction. All plants with DBH < 5cm and height > 10cm were identified and measured in height. Sixty four species of 27 families were found. The adjacent fragment provides a great amount of propagules for the natural regeneration, since many regenerative species in the recovering area were found only in the arboreal stratum of that fragment. A distance of up to 75m to the fragment did not affect the regeneration density, height and diversity, but in the plots taken by the grass Mellinis minutiflora, the density was smaller and the plants higher.
URI: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/15326
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEX - Artigos publicados em periódicos



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons