Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/15531
Título: Quantifying invertebrate-mediated herbivory across an anthropogenic disturbance gradient in amazonian forests
Título(s) alternativo(s): Quantificando herbivoria mediada por invertebrados ao longo de um gradiente de perturbação antropogênica em florestas amazônicas
Autor : Barreto, Júlia Rodrigues
Lattes: http://lattes.cnpq.br/6588900826514123
Primeiro orientador: Barlow, Bernard Josiah
Primeiro membro da banca: Barlow, Bernard Josiah
Segundo membro da banca: Louzada, Júlio Neil Cassa
Terceiro membro da banca: Rossetti, Maria Rosa
Palavras-chave: Biodiversity
Leaf damage
Herbivory
Biodiversidade
Perturbação florestal
Herbivoria
Data da publicação: 16-Out-2017
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Ensino Superior (CAPES)
Referência: BARRETO, J. R. Quantifying invertebrate-mediated herbivory across an anthropogenic disturbance gradient in amazonian forests. 2017. 49 p. Dissertação (Mestrado em Ecologia Aplicada)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.
Resumo: A perturbação é uma ameaça generalizada para a biodiversidade, afetando indiretamente interações ecológicas com possíveis consequências de longo alcance para as florestas tropicais. Herbivoria é uma interação ecológica chave sendo um campo interessante para se explorar em florestas tropicais alteradas pelo ser humano, com o potencial de desvendar as críticas consequências para a comunidade e ecossistemas florestais. Demostramos em um estudo de larga escala que, apesar das taxas atuais de perturbação e efeitos negativos sobre a diversidade, esses impactos não necessariamente se estendem às interações ecológicas. Encontramos que níveis de herbivoria dominados por mastigadores seguido pelas duas outras formas de herbivoria mediada por invertebrados pesquisadas (minadores e galhadores), ambos com níveis relativamente baixos. Encontramos ausência de alteração níveis gerais de herbivoria ao longo de perturbações nas florestas amazônicas pesquisadas, com uma ligação também fraca entre herbivoria e variáveis de perturbação ambiental. Paisagens tropicais estão sofrendo taxas de perturbação sem precedentes e encontramos apenas um efeito sutil sobre a herbivoria em intensidades baixas de distúrbio. Atentamos para implicações em políticas de conservação, para que foquem na manutenção da funcionalidade encorajando o monitoramento de processos ecológicos, tais como a herbivoria. Herbivoria não só parece ser funcionalmente resistente a perturbações, mas também desempenha um papel crítico na regeneração da floresta, contribuindo de várias maneiras para a resiliência da floresta como um todo. Nossos resultados trazem informações sobre o funcionamento de florestas tropicais, uma vez que mudanças ambientais podem resultar em impactos a longo prazo do ecossistema.
Abstract: Disturbance is a generalized threat to biodiversity, indirectly impacting ecological interactions with possible far-reaching consequences for tropical forests. Herbivory is a key ecological interaction being an interesting field to explore specially in human-altered tropical rainforests, with the potential to unravel critical consequences for both herbivores and forest ecosystems. We demonstrated in a large-scale study that, despite current rates of disturbance and negative effects on diversity, these impacts not necessarily extend to ecological interactions. We found these Amazonian forests herbivory levels to be dominated by chewing and the other two forms of invertebrate–mediated herbivory surveyed (mining and galling) followed both with relatively very low incidence dominated herbivory levels. No overall changes in herbivory levels along disturbance in Amazonian forests surveyed, with a weak link between herbivory and environmental disturbance variables. Tropical forest landscapes are suffering unprecedented rates of disturbance and we found evidences slight effect of light pressures of disturbance, we claim implications for conservation policies to focus on maintenance of functionality of ecological processes outcomes such as herbivory and encouraging monitoring of these. Herbivory not only seem to be functionally resistant to disturbance, but also play critical role on forest regeneration, contributing in several ways to forest resilience as a whole. Our results bring insights for tropical forest functioning since drivers of environmental change that affect biodiversity are likely to result on long-term ecosystem impacts.
URI: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/15531
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: eng
Aparece nas coleções:DBI - Botânica Aplicada - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.