Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1699
Título: Hepatite A, B e C em Lavras-MG: estudo de caso via análise de sobrevivência utilizando modelos encaixados
Título(s) alternativo(s): Hepatitis A, B and C MS-MG Lavras: case study analysis via survival models using embedded
Autor : Paiva, Rossicley Rangel de
Primeiro orientador: Vivanco, Mário Javier Ferrua
Primeiro membro da banca: Cirillo, Marcelo Ângelo
Freitas, Clailton Ataídes de
Área de concentração: Estatística e Experimentação Agropecuária
Palavras-chave: Tipo de hepatite
Distribuição paramétrica
Teste da razão de verossimilhança
Seleção de covariável
Modelo de regressão
Type of hepatitis
Parametric distribution
Likelihood ratio test
Selection of covariate
Regression model
Data da publicação: 19-Fev-2014
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: PAIVA, R. R. de. Hepatite A, B e C em Lavras-MG: estudo de caso via análise de sobrevivência utilizando modelos encaixados. 2013. 87 p. Dissertação (Mestrado em Estatística e Experimentação Agropecuária) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2013.
Resumo: From the moment of discovery of hepatitis virus, the individual seeks a cure. When treatment has a short period of time, this individual can move away completely or partially from their bad habits everyday, contributing to healing in virtually all cases. The most serious problem is that the patient requires a longer period of treatment. The need to estimate a shortest possible time to cure hepatitis and the relationships between these cure times considering the types of hepatitis (A, B and C), phases (acute and chronic), sex (male and female) , and the age of the 96 individuals, was the objective of this work. This work originally proposed two models, a regression model parametric and semi-parametric regression model of Cox, so they could portray these relationships from time to cure hepatitis, however, by using the Generalized Gamma distribution for the purpose obtain a parametric distribution that is a particular case of GG, the candidate distributions (Exponential, Weibull and Lognormal) did not fit the data according to the likelihood ratio test. Therefore, the Cox regression model was adjusted, considering the significant covariates selected by the method of Collett (types of hepatitis, hepatitis stages and sex of the individual). All covariates were evaluated according to the proportional hazards assumption by Schoenfeld test and all were favorable to this condition, waste Cox-Snell confirmed the adequacy of the model and then estimates the parameters of this model indicated that males get less time to cure hepatitis.
A partir do momento da descoberta do vírus da hepatite, o indivíduo busca a cura da doença. Quando o tratamento tem um período curto de tempo, esse indivíduo consegue afastar-se por completo ou parcialmente de seus maus hábitos cotidianos, contribuindo para a cura. O problema mais grave encontra-se com o paciente que necessita de um período maior de tratamento. A necessidade de estimar um menor tempo possível até a cura e a relação de tempo até a cura entre as hepatites (A, B e C), as fases (aguda e crônica), o sexo (masculino e feminino) e a idade dos 96 indivíduos foi o objetivo deste trabalho. O presente trabalho propôs inicialmente dois modelos: um modelo de regressão paramétrico e um modelo de regressão semi paramétrico de Cox, para que ambos pudessem retratar essas relações de tempos até a cura das hepatites. Contudo, ao utilizar a distribuição Gama-Generalizada com o propósito de obter uma distribuição paramétrica que fosse um caso particular da GG, as distribuições candidatas (Exponencial, Weibull e Lognormal) não se ajustaram aos dados segundo o teste da razão de verossimilhança. Portanto, o modelo de regressão de Cox foi ajustado, considerando as covariáveis significativas selecionadas pelo método de Collett (tipos de hepatite, fases da hepatite e sexo do indivíduo). Foram todas as covariáveis avaliadas segundo a suposição de riscos proporcionais pelo teste de Schoenfeld e todas foram favoráveis a esta condição, os resíduos de Cox-Snell confirmaram a adequação do modelo e então as estimativas dos parâmetros desse modelo indicaram, entre outras, que indivíduos do sexo masculino têm risco de cura das hepatites maior que indivíduos do sexo feminino.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-graduação em Estatística e Experimentação Agropecuária, área de concentração em Estatística e Experimentação Agropecuária, para obtenção do titulo de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1699
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEX - Estatística e Experimentação Agropecuária - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Hepatite A, B e C em Lavras-MG _ estudo de caso via análise de.pdf570,94 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.