Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1700
Título: Efeito da idade e sítio na densidade básica e produção de massa seca de madeira em clone do Eucalyptus urophylla
Título(s) alternativo(s): Effect of age and site on the basic density and dry mass of wood from a clone of Eucalyptus urophylla
Autor : Meneses, Vivian Amaral
Primeiro orientador: Trugilho, Paulo Fernando
Primeiro membro da banca: Calegario, Natalino
Leite, Helio Garcia
Área de concentração: Processamento e Utilização da Madeira
Palavras-chave: Eucalipto
Madeira - Qualidade
Biomassa
Modelagem
Eucalyptus
Wood quality
Biomass
Modeling
Data da publicação: 19-Fev-2014
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: MENESES, V. A. Efeito da idade e sítio na densidade básica e produção de massa seca de madeira em clone do Eucalyptus urophylla. 2013. 110 p. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia da Madeira) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2013.
Resumo: The objective of this work was to evaluate the effect of age and site over wood basic density and dry mass production, in addition of adjusting statistical models for predicting these characteristics. We also verified if the longitudinal diameter at breast (DBH) sampling may be used as a reference to estimate the average basic density of the tree. A Eucalyptus urophylla (GG 100) hybrid clone of was used at the ages of four, five, six, seven, eight and nine years, derived from areas owned by Gerdau Florestal S.A. in the following locations (macro-sites): João Pinheiro, Montes Claros, Rio Pardo de Minas, Southern Minas Gerais and Três Marias, in the state of Minas Gerais, Brazil. Five trees were felled in each sub-location (micro-sites), in a total of 485 sampled trees. Discs of 2%, 10%, 30%, 50% and 70% were removed at commercial height and one extra at DBH. Forest inventory data were used to obtain the site index and volumetric increment per area. The dry mass production was obtained by multiplying the basic density by MAI. We used different linear models in order to estimate the basic density and dry mass in regard to growth, age and site index characteristics. We adopted regression significance and its coefficients, corrected coefficients of determination, residual standard error, coefficient of variation and graphic dispersion of patronized residue as selection criteria for the adjusted models. The results showed significant effect of the site x age interaction in basic density and growth characteristics of the tree. Basic density presented a negative relation with the site index, occurring the opposite for the growth characteristics. The longitudinal position of the DBH sampling was recommended to estimate the average basic density at four, six and seven years of age at João Pinheiro, Montes Claros and Rio Pardo de Minas, respectively; five, six and eight years of age at Southern Minas Gerais; and seven years of age at Três Marias. For the prediction of the average basic density of the trees and the DBH basic density in regard to the growth characteristics and site index we suggested the model adjusted to six years of age at João Pinheiro. The average basic density per site estimative was most suitable only in João Pinheiro and Montes Claros. The Models to predict the average annual increment in dry mass at DBH and that obtained by average basic density were proposed only for João Pinheiro, Três Marias and Montes Claros, generally, at five, six, seven and eight years of age. Other models, including the effect of the interaction between regressive variables and nonlinear models may also be tested.
Objetivou-se avaliar o efeito da idade e do sítio sobre a densidade básica da madeira e a produção de massa seca, além do ajuste de modelos estatísticos para a predição dessas características. Também foi verificado se a posição longitudinal de amostragem no DAP pode ser utilizada como referência para estimar a densidade básica média da árvore. Utilizou-se o clone de híbrido do Eucalyptus urophylla (GG 100), nas idades de quatro, cinco, seis, sete, oito e nove anos, proveniente de áreas de propriedade da Gerdau Florestal S.A., nos seguintes locais (macrossítios): João Pinheiro, Montes Claros, Rio Pardo de Minas, Sul de Minas e Três Marias, no Estado de Minas Gerais, Brasil. Foram derrubadas cinco árvores por sublocal (microssítios), totalizando em 485 árvores. Retiraram-se discos a 2%, 10%, 30%, 50% e 70% da altura comercial e um disco extra no DAP. A partir dos dados de inventário florestal da empresa foi obtido o índice de sítio e o incremento volumétrico por área. A produção de massa seca foi obtida multiplicando-se IMA pela densidade básica. Foram utilizados diferentes modelos lineares para a estimativa da densidade básica e massa seca em função das características de crescimento da árvore, idade e índice de sítio. Adotou-se como critérios para a seleção dos modelos ajustados a significância da regressão e dos seus coeficientes, coeficiente de determinação corrigido, erro padrão residual, coeficiente de variação e dispersão gráfica dos resíduos padronizados. Os resultados indicaram o efeito significativo da interação local x idade na densidade básica e nas características de crescimento. A densidade básica apresentou relação negativa com o índice de sítio, ocorrendo o contrário para as características de crescimento. A posição longitudinal de amostragem DAP foi recomendada para a estimativa da densidade básica média aos quatro, seis e sete anos para João Pinheiro, Montes Claros e Rio Pardo de Minas, respectivamente; aos cinco, seis e oito anos para Sul de Minas e a partir de sete anos para Três Marias. Para a predição da densidade básica média da árvore e da densidade básica no DAP em função das características de crescimento e índice de sítio foi sugerido o modelo ajustado aos seis anos para João Pinheiro. A estimativa da densidade básica média por local foi mais adequada somente em João Pinheiro e Montes Claros. Os modelos para a estimativa do incremento médio anual em massa seca obtido pela densidade básica no DAP e o obtido pela densidade básica média foram propostos somente para João Pinheiro, Três Marias e Montes Claros, em geral, aos cinco, seis, sete e oito anos. Outros modelos, incluindo o efeito da interação entre as variáveis regressoras e os modelos não lineares também podem ser testados.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia da Madeira, área de concentração Processamento e Utilização da Madeira, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1700
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DCF - Ciência e Tecnologia da Madeira - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Efeito da idade e sítio na densidade básica e produção de massa seca de madeira em clone do.pdf1,35 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.