Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2030
Título: Caracterização física e química da casca, polpa e semente de atemoia ´gefner´
Título(s) alternativo(s): Physical and chemical characterization of the skin, pulp and seed of atemoya 'gegner'
Autor : Cruz, Luciana Soares da
Primeiro orientador: Pinto, Luciana de Matos Alves
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Corrêa, Angelita Duarte
Primeiro membro da banca: Abreu, Celeste Maria Patto de
Pereira, Joelma
Área de concentração: Agroquímica e Agrobioquímica
Palavras-chave: Compostos bioativos
Nutrientes
Composição química
Atemoia
Chemical composition
Nutrients
Bioactive compounds
Atemoya
Data da publicação: 1-Ago-2014
Referência: CRUZ, L. S. da. Caracterização física e química da casca, polpa e semente de atemoia 'gefner'. 2011. 62 p. Dissertação (Mestrado em Agroquímica)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2011.
Resumo: A atemoia é um fruto híbrido derivado do cruzamento entre a fruta-do-conde, mais conhecida como ata (Annona squamosa L.), com a cherimoia (Annona cherimola Mill.). Este trabalho foi realizado com o objetivo de caracterizar os constituintes químicos das frações casca, polpa e semente do fruto híbrido atemoia variedade Gefner. Os frutos adquiridos e selecionados foram pesados e medidos. Foram separados em casca, polpa, semente e eixo floral, que também foram pesados para determinar suas proporções. Para o restante dos frutos, foram separadas as frações em 7 repetições de 13 frutos. Em seguida, as frações casca, polpa e sementes foram liofilizadas e armazenadas em freezer. Determinaram-se a proporção das frações do fruto, a composição centesimal, a vitamina C, os açúcares totais, os minerais e alguns compostos bioativos. A polpa representou cerca de 60% do peso do fruto, enquanto a casca, 28,13% e as sementes, 8,34%. O fruto apresentou, em média, 56 sementes, com diâmetro longitudinal de 10,79 cm e diâmetro transversal de 26,64 cm. Os maiores teores de proteína bruta, extrato etéreo e fibra alimentar foram encontrados nas sementes e casca. A casca se destacou nos teores de cinzas. A polpa apresentou os maiores teores de vitamina C e açúcares totais em relação às outras frações. A ordem da composição de macronutrientes na casca, na polpa e nas sementes da atemoia foi K>P>Ca>Mg; para os micronutrientes na casca e nas sementes, foi Fe>Zn>Cu>Mn>S e, na polpa, foi Fe>Zn>Mn>Cu>S. A casca apresentou os níveis mais altos de inibidores de tripsina e atividade hemaglutinante. Os teores de compostos fenólicos foram relativamente baixos no fruto.
The atemoya is a hybrid fruit derived from the cross between the sugar apple (fruta-do-conde), better known as ata (Annona squamosa L.) with the cherimoya (Annona cherimola Mill.). The purpose of this work was to characterize the chemical constituents of the fractions skin, pulp and seed of the hybrid fruit atemoya, variety Gefner. The fruits purchased and selected were weighted and measured. They were separated into skin, pulp, seed and eixo floral which were also weighted to determine their proportions. For the rest of the fruits, the fractions were separated into o 7 replicates of 13 fruits. Next, the fractions skin, pulp and seeds were freeze-dried and stored in freezer. The proportion of the fruit fractions, the centesimal composition, vitamin C, total sugars, mineral and some bioactive compounds were determined. The pulp stood for about 60% of the fruit weight, while the skin 28.13% and the seeds 8.34%. The fruit presented on the average 56 seeds, with longitudinal diameter of 10.79 cm and transversal diameter of 26.64 cm. The largest contents of crude protein, ether extract and dietary fiber were found in both the seeds and skin. The skin stood out in the ash contents. The pulp presented the highest contents of vitamin C and total sugars in relation to the other fractions. The order of the composition of macronutrients in the skin, pulp and seeds of the atemoya was K>P>Ca>Mg; for the skin and seed micronutrients was Fe>Zn>Cu>Mn>S and in the pulp was Fe>Zn>Mn>Cu>S. The skin presented the higher levels of trypsin inhibitors and hemagglutinating activity. The phenolic compounds were relatively low in the fruit.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2030
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DQI - Agroquímica - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Caracterização física e química da casca, polpa e semente de atemoia ´gefner´.pdf232,45 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.