Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2271
Título: Diversidade de bactérias que nodulam leguminosas isoladas de três diferentes sistemas de uso da terra na região do Alto Solimões-AM
Título(s) alternativo(s): Diversity of leguminosae nodulating bacteria isolated from three different land use systems placed in the Alto Solimões Region - AM
Autor : Jesus, Ederson da Conceição
Primeiro orientador: Moreira, Fátima Maria de Souza
Primeiro membro da banca: Schwan, Rosane Freitas
Tsai, Siu Mui
Área de concentração: Microbiologia Agrícola
Palavras-chave: Rizóbio
Bactérias nitrificantes
Diversidade microbiana
Leguminisoa
Bioquímica do solo
Rhizobia
Amazônia
Data da publicação: 6-Ago-2014
Referência: JESUS, E. da C. Diversidade de bacterias que nodulam leguminosas, isoladas de tres sistemas de uso da terra, na Regiao do Alto Solimoes - AM. 2004. 114 p.Dissertação (Mestrado em Microbiologia Agrícola)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2004.
Resumo: The aim of this work was to evaluate the effect of three different land use systems from the Alto Solimões Region, Amazonas State, Brazil, on the diversity of Leguminosae Nodulating Bacteria (LNB). The land use systems studied were a cassava crop, a peach palm crop and an upland forest. These were chosen with the intention of composing a gradient of land use intensification. Bacteria were isolated from nodules of Macroptilium artropurpureum, the plant species used as the trap host. The density of LNB was evaluated with the most probable number technique. The isolates were characterized with the assessment of their cultural characteristics. The highest bacterial density was found in the crop systems. Two hundred fifty-seven isolates were characterized and these were clustered into fifty groups of isolates with eighty percent similarity. Richness and diversity indices were calculated based on the cultural groups found and accumulation curves were also plotted. Few isolates were obtained from forest because the nodulation was poor with soil solution from this system, whereas the nodulation was abundant in the crop systems. The highest richness and diversity was found in the cassava crop and the lowest ones were found in the forest. However, the richness was similar for the three land use systems when the number of isolates was determined with a rarefaction analysis. The accumulation curves for the three communities studied showed that the sampling was relatively good, though the sampling of a larger number of isolates may reflect a significant increase for the richness index values. The largest acid-producing isolate proportion was found in the forest and the largest alkali-producing isolate proportion was found in the peach palm crop. This difference can be explained by the difference amongst the systems acoording to the qui-square analysis. Logarithmic and log normal species abundance models were fitted to the bacterial communities studied.
O objetivo deste trabalho foi verificar o efeito de três sistemas de uso da terra da região do Alto Solimões, Amazonas, Brasil, sobre a diversidade de bactérias que nodulam leguminosas (BNL). Os sistemas estudados foram um cultivo de mandioca, um cultivo de pupunheira e uma floresta virgem de terra firme, escolhidos de modo a se obter um gradiente de intensidade de utilização da terra. As bactérias foram isoladas das amostras de solo utilizando-se o siratro (Macroptilium artropurpureum) como planta-isca. A densidade de BNL foi avaliada através da técnica do número mais provável. As maiores densidades foram observadas nas áreas cultivadas. Os isolados obtidos foram caracterizados com base em suas características culturais. Foram caracterizados 257 isolados, os quais formaram 50 grupos culturais a 80% de similaridade. Foram obtidos poucos isolados a partir da floresta, em virtude da baixa nodulação do siratro, enquanto nas áreas cultivadas a nodulação do siratro foi abundante. Os maiores valores para os índices de Shannon e Margalef foram observados na área cultivada com mandioca e os menores valores na floresta. Porém, quando realizada uma análise de rarefação, o número de grupos culturais que se esperaria encontrar em cada área foi bem próximo. As curvas de acumulação de grupos culturais para as três áreas demonstraram que as comunidades de BNL foram relativamente bem amostradas, embora a coleta de um maior número de isolados possa ser significativa para a avaliação da riqueza de grupos culturais. Foi encontrada maior proporção de isolados que acidificam o meio de cultura na floresta e maior proporção de isolados que alcalinizam o meio de cultura na área cultivada com pupunheira; segundo a análise pelo teste de qui-quadrado, esta distribuição pode ser explicada pela diferença entre os sistemas de uso da terra. Foi feito o ajuste dos modelos logarítmico e log normal de abundância de espécies às comunidades de BNL estudadas.Os modelos logarítmico e log normal se ajustaram bem a todas as comunidades de BNL estudadas. Conclui-se que houve influência dos sistemas de uso da terra sobre a densidade e diversidade de BNL e que os sistemas de cultivo, comparados à floresta, favoreceram as comunidades deste grupo de microrganismos.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2271
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Microbiologia Agrícola - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.