Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2527
Título: Atividade biológica dos óleos essenciais de gengibre, açafrão e louro sobre o fungo Aspergillus carbonarius
Título(s) alternativo(s): Essencial oils of Zingiber officinalis, Curcuma longa and Laurus nobilis chemical caracterization and biological activity against Aspergillus carbonarius
Autor : Soares, Roberta Pereira
Primeiro orientador: Cardoso, Maria das Graças
Primeiro membro da banca: Abreu, Celeste Maria Patto de
Corrêa, Angelita Duarte
Área de concentração: Agroquímica
Palavras-chave: Óleos essenciais
Plantas condimentares
Fungos
Aspergillus carbonarius
Essential oils
Plants condiments
Fungi
Data da publicação: 11-Ago-2014
Referência: SOARES, R. P. Atividade biológica dos óleos essenciais de gengibre, açafrão e louro sobre o fungo Aspergillus carbonarius. 2009. 65 p. Dissertação (Mestrado em Agroquímica)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2009.
Resumo: A atividade microbiana é a principal causa de deteriorização de muitos alimentos e frequentemente é a responsável pela diminuição de sua qualidade e segurança. Nos últimos anos, ocorreu o interesse no uso de produtos naturais que substituam aditivos químicos, pois esses apresentam elevada toxicidade ao consumidor. Os condimentos possuem comprovada atividade antimicrobiana podendo ser utilizados como conservantes em alimentos. Objetivou-se com este estudo avaliar a constituição química e a atividade antifúngica dos óleos essenciais de Curcuma longa (açafrão) Laurus nobilis (louro) e Zingiber oficinalles (gengibre), utilizando o método bioanalítico, para observação do crescimento e/ou inibição micelial das culturas fúngicas, por meio de comparação com o controle absoluto (sem óleo) e controle relativo (tween 80%). Para a identificação e quantificação dos constituintes químicos dos óleos, utilizou-se um cromatógrafo gasoso acoplado a um espectrômetro de massa e um cromatográfico gasoso com detector por ionização de chamas (DIC), respectivamente. Os constituintes encontrados em maiores quantidades nos óleos essenciais de açafrão, louro e gengibre foram: ar-turmerona, 1,8-cineol e geranial, respectivamente. Nos resultados dos testes in vitro, os óleos essenciais de açafrão e gengibre promoveram efeito inibitório sobre o fungo A. carbonarius; porém, o óleo de gengibre apresentou inibição total nas concentrações a partir de 500 µL mL-1. Já o óleo essencial de louro não apresentou atividade antifúngica em nenhuma das concentrações testadas contra o mesmo fungo. A concentração mínima inibitória para os óleos essenciais de gengibre e açafrão foi de 250 e 500 µL mL-1, respectivamente. Foi possível verificar que os óleos essenciais de gengibre e açafrão apresentaram efeito inibitório sobre o micro-organismo estudado. Dessa maneira, podem ser utilizados como uma alternativa no controle de microorganismos em alimentos.
Antimicrobial activity is the main cause of food degradation and, frequently,is responsable for its reduction in quality and safety. In recent years, there has been a growing interesting in the use of natural products that can substitute chemical additives, because such additives can represent hight toxic risk to consumers. Condiments have a proven antimicrobial activity and can be used to conserve food. The object of this study was to evaluate the chemical make up and the antifungical activity of the essencial oils of Curcuma longa, Laurus nobilis and Zingiber oficinallis, utilizing the bioanalytic method, to observe the growth and/or micelial inhibition of fungal cultures, by means of comparation between the absolute control (with out oil) and relative control (tween 80%). For the identification and quantification of the chemical composition of the oils, a gas chromatograph added to a mass spectrophotometer and a gas chromatograph with a flame ionization detector (FID) were used, respectively. The compounds found in higher quantities in the essencial oils of Curcuma longa, Laurus nobilis and Zingiber oficinallis were: ar-turmerone, 1,8-cineol and geranial, respectively. The in vitro test results for Curcuma longa and Zingiber oficinalles essencial oils promoted an inibitory effect against A. carbonarius, however, Zingiber oficinalles essencial oils showed total inibition at concetrations higher than 500 µL mL-1. The essencial oil of Laurus nobilis did not show antifugal activity against the same fungi at any of the tested concetrations. The minimum concentrations for inhibitory activity for Zingiber oficinalles and Curcuma longa essencial oils were 250 and 500 µL mL-1, respectively. It was possible to verify that the essencial oils of Zingiber oficinalles and Curcuma longa showed inhibitory activity against the tested microorganisms. Being such, they can be used as an alternative for the control of food microorganisms.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2527
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DQI - Agroquímica - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.