Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28308
metadata.teses.dc.title: Contribuição de árvores nativas para pastagens agroecológicas de famílias agricultoras
metadata.teses.dc.title.alternative: Contribution of native trees for agroecological grazing of smallholders
metadata.teses.dc.creator: Freitas, Aroldo Felipe de
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4491797U5
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Venturin, Nelson
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co1: Cardoso, Irene Maria
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co2: Moreira, Fatima Maria de Souza
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Moreira, Fatima Maria de Souza
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Melo, Lucas Amaral de
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Bevilacqua, Paula Dias
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Alfaia, Sonia Senna
metadata.teses.dc.subject: Agrofloresta
Árvores – Cultivo consorciado – Seleção
Pastagens – Cultivo consorciado
Agricultura familiar – Entrevistas
Agroforestry
Trees – Intercropping – Selection
Pastures – Intercropping
Family farms – Interviews
metadata.teses.dc.date.issued: 20-Dec-2017
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Ensino Superior (CAPES)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
metadata.teses.dc.identifier.citation: FREITAS, A. F. de. Contribuição de árvores nativas para pastagens agroecológicas de famílias agricultoras. 2017. 109 p. Tese (Doutorado em Engenharia Florestal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.
metadata.teses.dc.description.resumo: O presente estudo teve como objetivo 1) identificar os critérios utilizados por famílias agricultoras da Zona da Mata Mineira para a escolha de árvores nativas no consórcio com pastagem de gado bovino e os benefícios que essas árvores propiciam ao agroecossistema pastagem; 2) analisar os efeitos de espécies arbóreas nativas sobre a qualidade de forragens sob sua copa; 3) analisar o efeito de espécies arbóreas nativas sobre a qualidade e microbiologia do solo de pastagem. O estudo foi realizado nos municípios de Araponga, Carrancas e Divino/MG. Os dados da pesquisa qualitativa foram registrados por meio de observação participante e entrevista semi-estruturada junto às famílias da Zona da Mata Mineira. A pesquisa quantitativa ocorreu com coleta de forragem e solo em diferentes distancias sob e fora da projeção da copa das espécies arbóreas leguminosas nativas Dalbergia nigra, Inga edulis, Machaerium nyctitans e Machaerium stipitatum. A qualidade da forragem nas diferentes distancias das árvores foi mensurada pela sua quantidade, teor de umidade e de Nitrogênio. As amostras de solo foram avaliadas por meio do pH, teor de matéria orgânica, macro e micronutrientes, umidade, diversidade e densidade de esporos de fungos arbusculares. Foi também avaliada a presença de bactérias do gênero Rizobium e o efeito dessas sobre mudas de Inga edulis em experimento em casa de vegetação. As médias dos dados quantitativos foram comparadas estatisticamente pelo teste de Scott Knott. As famílias produtoras utilizam como critério de escolha de árvores para consórcio com pastagem, os benefícios que estas podem gerar para a propriedade como um todo. Essas famílias consideram que o consórcio das árvores com a pastagem pode gerar melhoria para a beleza da propriedade rural, conservação ambiental, disponibilidade de alimento, geração de renda e aspectos culturais. Não foi verificado prejuízo à forragem pelo consórcio com as quatro espécies arbóreas, D. nigra, I. edulis, M. nyctitans e M. stipitatum, e ainda houve melhoria no teor de N da forragem sob a copa de M. nyctitans e na umidade da forragem sob a copa de M. stipitatum. Também não houve indício de redução dos parâmetros avaliados de qualidade, densidade e diversidade de micorrizas arbusculares do solo sob pastagem no consórcio com as árvores, mas houve incremento na umidade do solo mais próximo de M. nyctitans e M. stipitatum, e sobre o teor de Mg e soma de bases do solo sob a copa de M. stipitatum. Não foram verificadas alterações na nodulação e desenvolvimento de mudas de ingá cultivadas com solo de diferentes distâncias de árvores de ingá. Assim, recomenda-se o consórcio de árvores nativas com pastagem pelos benefícios verificados no presente estudo e pelos usos múltiplos das espécies.
metadata.teses.dc.description.abstract: The present study had as objective 1) to identify the criteria used by agricultural families in the Zona da Mata mineira in state of Minas Gerais, Brazil, for the selection of native trees for a consortium with cattle pasture and the benefits that these trees provide to the pasture agroecosystem; 2) to analyze the effects of native tree species on the quality of fodder under their canopy; 3) to analyze the effect of native tree species on the quality and microbiology of pasture soil. The study was carried out in the municipalities of Araponga, Carrancas and Divino/MG. Qualitative research data were recorded through participant observation and semi-structured interviews with the families of Zona da Mata mineira. The quantitative research was carried out with forage and soil sampling at different distances under and outside the canopy projection of the native leguminous species Dalbergia nigra, Inga edulis, Machaerium nyctitans and Machaerium stipitatum. The quality of the forage in the different distances of the trees was measured by their quantity, moisture content and Nitrogen. Soil samples were evaluated by pH, organic matter content, macro and micronutrients, moisture and diversity and spore density of arbuscular fungi. It was also evaluated the presence of symbiotic bacteria of the genus Rizobium and the effect of these on Inga edulis seedlings in a greenhouse experiment. The averages of the quantitative data were compared statistically by the Scott-nott test. The producer families use as criterion of choice of trees for pasture consortium and the benefits that they generate for the property as a whole. These families consider that the consortium of trees with pasture can generate improvement to the beauty of rural property, environmental conservation, food availability, income generation and cultural aspects. No forage loss was verified by the consortium with the four tree species, D. nigra, I. edulis, M. nyctitans and M. stipitatum, and there was also improvement in the Nitrogen content of the forage under the canopy of M. nyctitans and in the humidity of the forage under the canopy of M. stipitatum. There was also no evidence of worsening of the parameters evaluated for quality and density and diversity of arbuscular mycorrhizae in the pasture soil by the consortium with the trees, but there was an increase in soil moisture closer to M. nyctitans and M. stipitatum and on the Mg and sum of soil bases under the canopy of M stipitatum. No changes were observed in nodulation and development of seedlings cultivated with soil of different distances of ingá. Thus, it is recommended the consortium of native trees with pasture for the benefits verified in the present study and the multiple uses of the species recorded in the bibliography.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28308
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DCF - Engenharia Florestal - Doutorado (Teses)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.