Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28453
Título : Aplicação e doses de acibenzolar-S-metil na proteção contra a murcha bacteriana, população do patógeno e crescimento do tomateiro
Título(s) alternativo(s): Effect of application methods and dosages of acibenzolar-S-methyl on protection against bacterial wilt, pathogen populations, and growth of tomato plants
Autor: Barretti, Patrícia Baston
Souza, Ricardo Magela de
Pozza, Edson Ampélio
Resende, Mário Lúcio Vilela de
Palavras-chave: Tomate – Resistência à doenças e pragas
Resistência induzida
Acibenzolar-S-metil
Tomatoes – Disease and pest resistance
Induced resistance
Solanum lycopersicum
Ralstonia solanacearum
Publicador: Sociedade Brasileira de Fitopatologia
Data da publicação: Jul-2010
Referência: BARRETTI, P. B. et al. Aplicação e doses de acibenzolar-S-metil na proteção contra a murcha bacteriana, população do patógeno e crescimento do tomateiro. Tropical Plant Pathology, Brasília, DF, v. 35, n. 4, p. 229-235, jul./ago. 2010.
Resumo : O objetivo deste trabalho foi avaliar métodos, doses de manutenção e intervalos de aplicação do acibenzolar-S-metil (ASM) no controle da murcha bacteriana do tomateiro, bem como o seu efeito na densidade populacional do patógeno. Em ensaios conduzidos em casa-de-vegetação e câmara climatizada, o ASM foi aplicado via pulverização foliar e irrigado no solo. A inoculação de Ralstonia solanacearum ocorreu três dias após a segunda aplicação do produto. Para determinar a melhor dose de manutenção e época de aplicação, o ASM foi aplicado em três doses diferentes, com intervalos de aplicação de dez dias. Verificou-se redução significativa na severidade da doença em relação à testemunha não tratada independente do modo de aplicação do produto. As doses de manutenção proporcionaram reduções intermediárias na severidade da doença, diferindo entre si e dos demais tratamentos. Quanto às épocas de aplicação, não houve diferença significativa para o produto aplicado uma ou duas vezes após a inoculação da bactéria desafiante. No ensaio em câmara climatizada, observou-se aumento na altura das plantas tratadas com ASM e correlação negativa entre severidade da doença e crescimento das plantas. A aplicação de ASM reduziu a densidade populacional de R. solanacearum embora não tenha havido diferença significativa, comparada à testemunha.
Abstract: The objective of this work was to evaluate application methods, maintenance doses, and application intervals of acibenzolar-S-methyl (ASM) on the control of tomato bacterial wilt, as well as its effect on pathogen population densities. In experiments carried out in a greenhouse and under controlled temperature, ASM was applied by two methods: foliar spray and soil drench. Ralstonia solanacearum was inoculated three days after the second application of ASM. To determine the best maintenance dose and application interval, ASM was applied using three different doses at ten-day intervals. There was a significant reduction in disease severity, regardless of the application method used. The maintenance doses of ASM provided intermediate severity reductions, differing from each other and from the other treatments. In relation to the number of applications, there was no significant difference when the product was applied one or two times after the inoculation of the challenging pathogen. The experiment conducted under controlled temperature showed an increase in the height of the tomato plants treated with ASM. Additionally, there was a negative correlation between disease severity and plant growth promotion. The application of ASM reduced the population densities of R. solanacearum, although there was no significant difference when compared to the control plants.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28453
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DFP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Aplicação e doses de acibenzolar-S-metil....pdf435,22 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons