Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2877
Título: Qualidade de mangas ´Palmer´ tratadas com 1-metilciclopropeno e armazenadas sob refrigeração
Título(s) alternativo(s): Quality of 'Palmer' mango treated with 1-Methylcycolpropeno and stored under refrigeration
Autor : Hojo, Ellen Toews Doll
Primeiro orientador: Abreu, Celeste Maria Patto de
Primeiro membro da banca: Lima, Luiz Carlos de Oliveira
Vilas Boas, Eduardo Valério de Barros
São José, Abel Rebouças
Palavras-chave: Manga - Conservação
Manga - Refrigeração
Manga - Qualidade
Mango
Data da publicação: 18-Ago-2014
Referência: HOJO, E. T. D. Qualidade de mangas 'Palmer' tratadas com 1-metilciclopropeno e armazenadas sob refrigeração. 2005. 127 p. Dissertação (Mestrado em Ciência dos Alimentos)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.
Resumo: A produção de mangas no Brasil é crescente e vem ganhando importância, principalmente para exportação para os mercados americano e europeu. A fruta é produzida em todos os meses do ano por meio de técnicas da indução floral e colhida minuciosamente para evitar danos aos mesmos. Porém, o meio de transporte, usualmente, é via marítima, o que induz o produtor a colher os frutos no início da maturação fisiológica, para que estes cheguem ao local de destino no ponto de consumo. Os frutos colhidos precocemente ficam com o amadurecimento prejudicado e de forma irregular. Os inibidores de etileno , 1-metilciclopropeno (1-MCP) é utilizado com a finalidade de controlar o amadurecimento. A utilização do 1-MCP em frutos de mangas, será possível obter o prolongamento da vida de prateleira e a colheita com um estádio ideal de maturidade. O objetivo do trabalho foi analisar o efeito do 1-MCP na conservação de mangas ´Palmer` armazenadas sob refrigeração e refrigeração com a transferência e permanência por 4 dias em temperatura ambiente. As mangas foram colhidas no município de Livramento de Nossa Senhora, BA, no estádio de maturação "de vez", lavadas, sanitizadas, selecionadas por tamanho, estádio de maturação e ausência de injúrias. Os frutos foram tratados nas dosagens de 0, 100 e 150nL.L-1 de 1-MCP, por 12 horas. Em seguida, as mangas foram armazenadas em refrigeração (10 ± 1 °C) por 35 dias. As variáveis analisadas foram análises físicas, químicas e de atividades enzimáticas após a colheita, na retirada da refrigeração (após 7, 14, 21, 28 e 35 dias) e após a permanência em temperatura ambiente por 4 dias. Com base nos dados obtidos, pôde-se observar que a utilização do 1-MCP, tanto em temperatura refrigerada quanto em refrigeração seguida da retirada e permanência dos frutos em temperatura ambiente por 4 dias, contribuiu para o controle do amadurecimento das mangas.
The production of mangos in Brazil is growing and is gaining importance mainly as an export to the American and European markets. The fruit is produced twelve months a year using floral induction techniques and meticulously harvested to avoid damage. However, the usual means of transportation is by ship, which induces the producer to harvest the fruit at the beginning of the physiologic maturation so they arrive at their destination at the ideal consumption point. The ripening of early harvested fruits is prejudiced and their shape is irregular. The ethylene inhibitor, 1- methylcyclopropene (1-MCP), is used with the purpose of controlling the ripening. The use of 1- MCP in mango fruit can prolong the shelf-life and the harvest at an ideal state of maturity. The objective of the work was to analyze the effect of 1-MCP in the conservation of ´Palmer` mangos under refrigerated storage conditions; and refrigeration with transfer and permanence for 4 days at room temperature. The mangos were harvested, in the municipal district of Livramento de Nossa Senhora, state of BA, at just before the ripening maturation stage; washed, disinfected, selected according to size, maturation state and absence of damage. The fruits were treated with 1-MCP at levels of 0, 100 and 150nL.L-1, for 12 hours. Soon after, the mangos were stored under refrigeration (10°C ± 1°C) for 35 days. The variables analyzed were physical and chemical analysis and post-harvest enzymatic activity upon removal from refrigeration (after 7, 14, 21, 28 and 35 days) and after permanence at room temperature for 4 days. Based on the data obtained, it can be observed that the use of 1-MCP in fruit under refrigeration as well as under refrigeration followed by removal and permanence at room temperature for 4 days, contributed to the control of ripening of the mangos.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2877
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DCA - Ciência dos Alimentos - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Qualidade de mangas ´Palmer´ tratadas com 1-metilciclopropeno e armazenadas sob refrigeração.pdf5,44 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.