Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/29905
metadata.teses.dc.title: Indicadores microbiológicos de qualidade do solo estão relacionados com maiores produtividades do cafeeiro no cerrado mineiro
metadata.teses.dc.title.alternative: Microbiological indicators of soil quality are related to highest coffee yields in the cerrado region of Minas Gerais state
metadata.teses.dc.creator: Aragão, Osnar Obede da Silva
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/8319904997869194
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Moreira, Fatima Maria de Souza
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co1: Longatti, Silvia Maria de Oliveira
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Carvalho, Gladyston Rodrigues
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Carvalho, Teotonio Soares de
metadata.teses.dc.subject: Qualidade do solo
Bioindicadores
Coffea arabica L.
Soil quality
Bioindicators
Microbiogical indicators
metadata.teses.dc.date.issued: 7-Aug-2018
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Ensino Superior (CAPES)
metadata.teses.dc.identifier.citation: ARAGÃO, O. O. da S. Indicadores microbiológicos de qualidade do solo estão relacionados com maiores produtividades do cafeeiro no cerrado mineiro. 2018. 75 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo)–Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2018.
metadata.teses.dc.description.resumo: Os indicadores microbiológicos podem ser úteis para prever as taxas e a direção das mudanças na qualidade do solo. A avaliação desses indicadores pode orientar os agricultores em sua decisão sobre como gerenciar seus sistemas de produção, resultando em maior qualidade do solo e, consequentemente, em melhor produção de culturas. Entre estes, está o sistema de produção de café, que tem grande importância econômica e social no Brasil e no mundo. O café é uma cultura importante no estado de Minas Gerais, o estado com a maior produção do país. O objetivo deste trabalho foi avaliar a relação dos indicadores físicoquímicos e microbiológicos do solo com rendimento de diferentes cultivares de café na região do cerrado mineiro, Brasil. O trabalho foi realizado com amostras de solo coletadas na mesorregião do Alto Paranaíba (18 ° 59 '26 "S e 46 ° 58 '9.5" W). As amostras do primeiro estudo foram coletadas no período seco e úmido, e foram obtidas de seis talhões com produtividades diferentes. Dois da cultivar Catuai Vermelho IAC 99, dois da Catuaí Vermelho IAC 144 e dois da Rubi MG 1192 , cada cultivar com um talhão de maior e menor produtividade. No segundo estudo foram coletadas amostras de quatro talhões com produtividades diferentes, porém da mesma cultivar. As produtividades das cultivares foram obtidas pela média das safras 2014/2015, 2015/2016 e 2016/2017. O procedimento experimental consistiu na coleta de cinco amostras compostas em cada talhão, estas foram formadas agrupando-se quatro subamostras tomadas a uma profundidade de 0-10 cm na projeção da copa da planta. Os seguintes atributos microbiológicos foram avaliados: Carbono da biomassa microbiana, respiração basal e induzida, quociente metabólico, atividades das enzimas urease, β-glucosidase, arilsulfatase e hidrólise do diacetato de fluoresceína. Os atributos químicos e físicos foram: textura, pH, matéria orgânica e nutrientes. Os dados foram submetidos à análise de variância e, após validação do modelo estatístico, as médias foram agrupadas pelo algoritmo Scott Knott a 5 % de significância. Posteriormente, os valores dos atributos físicos, químicos e biológicos foram avaliados por análises de componentes principais (PCA). Os indicadores microbianos permitiram discriminar, principalmente na época seca, talhões com diferentes níveis de produtividade e foram positivamente relacionados com as maiores produtividades do cafeeiro. As condições climáticas influenciaram as respostas e devem ser consideradas na avaliação e elaboração de índices de qualidade do solo. Os atributos físico-químicos não apresentaram potencial de discriminar diferentes produtividades e estavam muito superiores ao requerido pela cultura.
metadata.teses.dc.description.abstract: Microbiological indicators can be useful in predicting rates and direction of changes in soil quality. The evaluation of these indicators can guide farmers in their decision on how to manage their production systems, resulting in higher soil quality and, consequently, better crop production. Among these is the coffee production system, which has great economic and social importance in Brazil and in the world. Coffee is an important crop in the Minas Gerais state, the state with the largest production in the country. The objective of this work was to evaluate the relationship between physical, chemical and microbiological soil indicators with different coffee cultivars yield in the cerrado region of Minas Gerais, Brazil. The work was carried out with soil samples collected in the Alto Paranaíba mesorregion (18 ° 59 '26 "S and 46 ° 58' 9.5" W). The samples from the first study were collected in the dry and wet period, and were obtained from six plots with different productivities. Two cultivars of Catuai Vermelho IAC 99, two from Catuaí Vermelho IAC 144 and two from Rubi MG 1192, each cultivar with one plot of higher and lower productivity. In the second study, samples were collected from four plots with different yields, but from the same cultivar. The cultivars yields were obtained by the average of the 2014/2015, 2015/2016 and 2016/2017 harvests. The experimental procedure consisted of the collection of five composite samples in each plot, these were formed by grouping four sub-samples taken at a depth of 0-10 cm in the crown projection of the plant. The following microbiological attributes were evaluated: microbial biomass carbon, basal and induced respiration, metabolic quotient, activities of the enzymes urease, β-glucosidase, arilsulfatase and hydrolysis of fluorescein diacetate. The chemical and physical attributes were: texture, pH, organic matter and nutrients. The data were submitted to analysis of variance and, after validation of the statistical model, the averages were grouped by the Scott Knott algorithm at 5% of significance. Subsequently, the values of the physical, chemical and biological attributes were evaluated by Principal Component Analysis (PCA). The microbial indicators allowed to discriminate, mainly in the dry season, fields with different levels of productivity and were positively related to the higher productivities of the coffee plant. The climatic conditions influenced the responses and should be considered in the evaluation and elaboration of soil quality indexes. The physical-chemical attributes did not present the potential to discriminate different productivities and were much higher than the one required by the culture.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/29905
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.