Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3151
Título: Valores nutricionais de alimentos completos e equações de predição de energia metabolizável para gatos adultos
Título(s) alternativo(s): Nutritional values of complete foods and equations of prediction of metabolizable energy for adult cats
Autor : Numajiri, Lilian Naomi
Primeiro orientador: Saad, Flávia Maria de Oliveira Borges
Primeiro membro da banca: Bertechini, Antônio Gilberto
Sousa, Raimundo Vicente de
Área de concentração: Nutrição de monogástricos
Palavras-chave: Nutrição e alimentação animal
Gato
Alimento completo
Digestibilidade
Equação de predição
Energia metabolizável
Cat
Digestibility
Equations of prediction
Metabolizable energy
Complet food
Data da publicação: 22-Ago-2014
Referência: NUMAJIRI, L. N. Valores nutricionais de alimentos completos e equações de predição de energia metabolizável para gatos adultos. 2006. 85 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.
Resumo: Foram analisadas as composições químicas, a digestibilidade aparente dos nutrientes, a energia digestível e a energia metabolizável a fim de avaliar a qualidade de 12 alimentos secos comerciais para gatos adultos, classificadas pela indústria como superpremium e premium. O experimento foi conduzido no Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA), utilizando 12 gatos, sem raça definida, com peso médio de 4,0 ± 0,77 kg, distribuídos em delineamento em blocos casualisados, com 12 tratamentos, seis blocos e um animal por unidade experimental. O período de adaptação aos tratamentos foi de cinco dias imediatamente anteriores à coleta de fezes e urina, que foi realizada durante quatro dias. As médias foram comparadas pelo teste Scott-Knott, concluindo-se que as classificações superpremium e premium deveriam ser estabelecidas com base em vários critérios, primariamente na digestibilidade dos nutrientes. Entretanto, ainda são necessários mais estudos. Os valores de fibra detergente neutro (FDN) e de matéria mineral (MM) deste experimento influenciaram na digestibilidade da MS e MO dos alimentos testados. A partir dos valores das análises químicas e dos resultados de EM encontrados nos alimentos, foram estimadas equações para a predição da energia metabolizável aparente (EMA) na matéria seca (MS) e na matéria natural (MN) e do coeficiente de digestibilidade de matéria seca (CDAMS) em alimentos para gatos. As equações foram estimadas por meio de regressões lineares simples e múltiplas, utilizando-se o método stepwise do pacote estatístico SAS. Concluiu-se que a gordura em hidrólise ácida (GHA) foi a variável que melhor se correlacionou positivamente nas estimativas da EMAMS, EMAMN e CDAMS. A MM e o FDN foram as variáveis que resultaram em correlação negativa para estimar as equações de CDAMS, EMAMN e EMAMS; e CDAMS e EMAMN, respectivamente, em alimentos comerciais para gatos adultos. A energia bruta (EB) apresentou alta correlação positiva nas estimativas de EMAMN e EMAMS, sendo uma alternativa de inclusão em equações de predição energética, quando houver possibilidade de avaliar esse nutriente em bomba calorimétrica. A equação de predição que obteve melhor coeficiente de determinação (R2 = 0,92) utilizada para calcular a EMA foi: EMA (kcal/kg na MS) = 1810,3224 + 117,1907GHA + 27,4917ENN - 87,7803MM.
The chemical compositions, the apparent digestibility of the nutrients, the digestible energy and the metabolizable were analyzed in order to evaluate the quality of 12 commercial dry foods, classified for the industry as superpremium and premium. The experiment was lead in the Department of Animal Science of the Federal University of Lavras (FULA), using 12 cats, without defined race, with average weight of 4,0 ± 0,77 kg, allotted in randomized blocks design, with 12 treatments, six blocks and an animal for experimental unit. The period of adaptation to the treatments was immediately of five days previous to faeces and urinate collection, which it was carried through during four days. The averages were compared by the Scott-Knott test concluding that the classifications superpremium and premium would have to be established based in some criteria, firstly, in the digestibility of the nutrients, however, still more studies are necessary; the values of fiber neutral detergent (FND) and of mineral matter (MM) in this experiment influenced in the digestibilidade of the dry matter (DM) and organic matter (OM) of tested foods. From the values of the chemical analyses and the found results of ME in foods, were estimated equations for the prediction of the apparent metabolizable energy (AME) in the (DM) and in the natural matter (NM) and of the coefficient of apparent digestibility of dry matter (CADDM) in foods for cats. The equations were estimated through simple and multiple linear regressions, using the method stepwise of the SAS statistical package. One concluded that the fat acid hydrolyze (FAH) was the variable that better was correlated positively in the estimates of the AMEDM, AMEMN and CADDM. The MM and the FND were the variable that had resulted in negative correlation to estimate equations of CADDM, AMENM and AMEDM; e CADDM and AMENM, respectively, in commercial foods for adult cats. The crude energy (CE) presented high positive correlation in the estimates of AMENM and AMEDM, being an alternative of inclusion in equations of energy prediction, when it will have availability to evaluate this nutrient in calorimetric bomb. The prediction equation that better got coefficient of determination (R2 = 0,92) used to calculate the AME is described to follow: AME (kcal/kg in the DM) = 1810,3224 + 117,1907FAH + 27,4917NFE (Nitrogen Free Extract) - 87,7803MM.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3151
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.