Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/31694
metadata.artigo.dc.title: Da necessidade à negação: a percepção da crise epistemológica na educação física a partir da compreensão docente
metadata.artigo.dc.creator: Carneiro, Kleber Tüxen
Assis, Eliasaf Rodrigues de
Bronzatto, Maurício
metadata.artigo.dc.subject: Educação física
Crise epistemológica
Percepção da crise na educação física
Physical education
Epistemological crisis
Perception of the crisis in the physical
metadata.artigo.dc.publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.artigo.dc.date.issued: 2016
metadata.artigo.dc.identifier.citation: CARNEIRO, K. T.; ASSIS, E. R. de; BRONZATTO, M. Da necessidade à negação: a percepção da crise epistemológica na educação física a partir da compreensão docente. Revista Brasileira de Ciência e Movimento, Brasília, v. 24, n. 4, p. 129-142, 2016.
metadata.artigo.dc.description.resumo: Considerando a complexidade que permeia a crise como fenômeno peculiar da existência humana e compreendendo-a para além do estado negativo de descontinuidade e da manifestação de sentimentos destrutivos, este artigo ocupa-se de refletir sobre as interfaces e oportunidades presentes em uma atmosfera de crise e de dimensionar o nível de consciência e a concepção dos professores de Educação Física quanto à existência histórica da crise na área e sua influência na constituição dos saberes deste campo curricular. Apresenta-se, inicialmente, uma espécie de fenomenologia da crise em busca de uma compreensão mais elaborada do fenômeno e as implicações que ele traz à consciência e ao comportamento humano, em especial o comportamento docente. A seguir, traça-se o percurso histórico dos caminhos da constituição da identidade da Educação Física escolar no Brasil tendo em vista diferentes contextos e influências, com destaque para o processo de redemocratização a partir dos anos 1980 – um “divisor de águas” – que suscita debates, instaura uma crise epistemológica na área e convida a inovações pedagógicas no âmbito do currículo, até então sob a égide do paradigma da aptidão física ou das aspirações do movimento de esportivização. Uma investigação junto a professores de Educação Física da rede pública do Estado de São Paulo, sujeitos cuja formação é atravessada pelo momento histórico em que a crise se estabeleceu na área, evidenciou o que a literatura especializada tem apresentado: ou um desconhecimento, ou uma consciência vaga sobre a incidência da crise, com repercussões para a prática pedagógica docente, carente de um alargamento das fronteiras epistemológicas.
metadata.artigo.dc.description.abstract: Considering the complexity that permeates the crisis as a peculiar phenomenon of human existence in order to understanding it beyond the negative state of discontinuity and manifestation of destructive feelings, this article deals with reflection about the interface and opportunities present in an atmosphere of crisis and to dimension the level of awareness and the conception of the physical education teachers about the historical existence of crisis and their influence on the constitution of knowledge’s of this curriculum field. It presents initially a kind of phenomenology of crisis seeking a more elaborated understanding of the phenomenon and the implications it brings to consciousness and human behavior, especially the teacher behavior. Then, outlines the historical course of the paths of the constitution of scholastic Physical Education identity in Brazil in view of different contexts and influences, especially the process of redemocratisation from the 1980s - a "watershed" - who inaugurates debates, and the introducing an crisis epistemological in field and arouses the pedagogical innovations at the ambit of the curriculum, until then under the aegis of the paradigm of physical aptitude and the sportivization movement aspirations. An investigation with Physical Education teachers from public schools of the state of São Paulo, subjects whose formation is crossed by the historical moment in which the crisis settled in the area, revealing what the literature has shown: or lack of knowledge, or a vague awareness about the incidence of the crisis, with repercussions for the teaching pedagogical practice that, lacking in an enlargement of epistemological boundaries.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/6825
http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/31694
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DEF - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.