Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33056
metadata.artigo.dc.title: A inserção de gênero na educação infantil: a experiência de Portugal - entrevista com Maria João Cardona
metadata.artigo.dc.title.alternative: The insertion of gender in early childhood education: the experience of Portugal - interview with Maria João Cardona
metadata.artigo.dc.creator: Vianna, Cláudia
Alvarenga, Carolina Faria
metadata.artigo.dc.subject: Educação infantil
Políticas públicas
Cidadania
Igualdade de gênero
Childhood education
Public policies
Citizenship
Gender equality
metadata.artigo.dc.publisher: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
metadata.artigo.dc.date.issued: 2018
metadata.artigo.dc.identifier.citation: VIANNA, C.; ALVARENGA, C. F. A inserção de gênero na educação infantil: a experiência de Portugal - entrevista com Maria João Cardona. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 44, p. 1-20, 2018. doi: 10.1590/s1678-4634201844002004.
metadata.artigo.dc.description.resumo: O objetivo desta entrevista é oferecer subsídios para problematizar a introdução da perspectiva de gênero nas políticas de educação com base na experiência bem-sucedida de Portugal, mais enfaticamente na educação infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental, o que corresponde ao 1º ciclo da educação básica portuguesa. A entrevista foi concedida pela professora Maria João Cardona às professoras Carolina Faria Alvarenga e Cláudia Vianna, a partir de um debate realizado ora por e-mail, ora presencialmente durante estágio de doutorado2, a fim de conhecer as políticas públicas de gênero para a educação de infância portuguesa. Apesar de números ainda desiguais no que tange à igualdade de gênero, Portugal vem, ao longo dos anos, construindo políticas públicas que colocam a educação como área estratégica no combate às desigualdades de gênero. Maria João Cardona ganha destaque ao integrar todo o processo de introdução das questões de gênero e cidadania na educação infantil e no 1º ciclo da educação básica em Portugal, coordenando a elaboração do Guião de Educação – Gênero e Cidadania – pré-escolar, considerado um marco histórico na inserção da educação de infância nas políticas de igualdade. Maria João Cardona é educadora de infância, psicóloga e formadora de educadoras de infância e professoras/es do 1º ciclo da educação básica em Portugal. Tem mestrado e doutorado em Ciências da Educação, realizados na França, em uma perspectiva da sociologia da educação. A partir da experiência em muitos projetos para a educação de infância, que incluem produção de material e formação docente na articulação das políticas de igualdade e políticas de educação, ela oferece um relato inspirador a respeito de como é possível articular as questões de gênero com as dimensões institucionais, políticas e práticas na proposição de um referencial nacional para a educação de infância em Portugal.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The purpose of this interview is to offer contribution to problematize the introduction of gender’s perspective in education policies based on the successful experience of Portugal, more specifically the early childhood education and the early years of Elementary Education, which correspond to the 1st cycle of basic education in Portugal. The interview was conceded by Professor Maria João Cardona to professors Carolina Faria Alvarenga and Claudia Vianna, based on discussions via e-mail, and sometimes in person during doctoral training, in order to know gender public policies for the Portuguese childhood education. Despite the still uneven numbers regarding gender equality, over the years Portugal has been building public policies that place education as a strategic area in the struggle against gender inequalities. Professor Maria João Cardona stands out in the entire process of introducing gender and citizenship issues in early childhood and first cycle of basic education in Portugal, by coordinating the elaboration of the Education Guide - Gender and Citizenship - preschool, considered a historical landmark in the insertion of childhood education into equality policies. Professor Maria João Cardona is a childhood educator, a psychologist and a trainer of early childhood and basic education teachers in Portugal. She has master and doctorate degrees in Educational Sciences, held in France, based on sociology of education. Drawing on experience in many projects for early childhood education - which includes material production and teacher training in the articulation of equality policies and education policies - she provides an inspiring account of how gender issues can be articulated with institutional dimensions, policies and practices in proposing a national referential for early childhood education in Portugal.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33056
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DED - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons