Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3382
Título: Modelos de regressão para descrição do crescimento do cafeeiro irrigado e não irrigado após recepa
Título(s) alternativo(s): Regression models for growth description of the irrigated and unirrigated pruned coffee tree
Autor : Wyzykowski, Jair
Primeiro orientador: Morais, Augusto Ramalho de
Primeiro membro da banca: Savian, Taciana Villela
Calegario, Natalino
Silva, Fabyano Fonseca e
Área de concentração: Estatística e Experimentação Agropecuária
Palavras-chave: Regressão polinomial
Regressão não linear
Modelo misto
Diâmetro de copa
Ajuste de curvas
Nonlinear regression
Polynomial regression
Mixed model
Plant canopy growth
Curve fitting
Data da publicação: 1-Set-2014
Referência: WYZYKOWSKI, J. Modelos de regressão para a descrição do crescimento do cafeeiro irrigado e não irrigado após recepa. 2010. 80p. Dissertação(Mestrado em Estatística e Experimentação Agropecuária)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: O cultivo do café irrigado tem se expandido em todo território nacional, principalmente em locais onde a produção é mais significativa como Minas Gerais, Espírito Santo e São Paulo. Assim, a irrigação tem sido uma grande aliada do produtor, visto que, se bem conduzida, tem reduzido perdas e aumentado a rentabilidade. O objetivo deste estudo foi testar modelos lineares e não lineares com efeitos fixos e aleatórios como uma alternativa para avaliação do crescimento do diâmetro de copa do cafeeiro sob diferentes manejos de irrigação. Foram utilizados dados provenientes de um experimento realizado na área do Departamento de Engenharia da UFLA. O delineamento foi o de blocos casualizados. Avaliou-se periodicamente ao longo de 1100 dias o crescimento da copa das plantas. Observou-se que os modelos não lineares logístico e de Gompertz são adequados para a descrição do desenvolvimento do diâmetro de copa do cafeeiro e que o uso de modelos de efeito misto é viável, tanto para ajustes lineares quanto para não lineares. Os modelos não linear são preferidos dado que seus parâmetros tem interpretação biológica.
The irrigated coffee crop grown has expanded throughout the national territory, especially where production is more significant as Minas Gerais, Espirito Santo and São Paulo. Thus, irrigation has been a great producer ally, because, if well conducted, has reduced losses and increased profitability. The aim of this study was to test the linear and nonlinear mixed-effects models as an alternative for assessing the canopy diameter growth of coffee under different irrigation management schemes. We used data from an experiment conducted in the UFLA Engineering Department. The design was a randomized block. The canopy plant growth was measured periodically over 1100 days. It was observed that nonlinear logistic and Gompertz models are suitable for describing the canopy diameter growth of coffee and the use of mixed effect models is feasible for linear and nonlinear fitted models. The nonlinear models are preferred because its parameters have biological meaning.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3382
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEX - Estatística e Experimentação Agropecuária - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.