Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33898
metadata.teses.dc.title: Distúrbios antrópicos alteram as propriedades das redes de interações foréticas em florestas tropicais
metadata.teses.dc.title.alternative: Anthropogenic disturbances affect phoretic interaction networks within tropical forests
metadata.teses.dc.creator: Rodrigues, Taís Helena de Araujo
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/4848298600174003
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Louzada, Júlio Neil Cassa
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co1: França, Filipe Machado
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co2: Audino, Lívia Dorneles
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Louzada, Júlio Neil Cassa
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Faria, Lucas Del Bianco
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Silva, Pedro Giovâni da
metadata.teses.dc.subject: Interações foréticas
Corte seletivo
Incêndios florestais
Besouros e ácaros - Interação comensal
phoretic interactions
Selective logging
Forest fires
Beetles and mites - Commensalistic interaction
metadata.teses.dc.date.issued: 26-Apr-2019
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
metadata.teses.dc.identifier.citation: RODRIGUES, T. H. de A. Distúrbios antrópicos alteram as propriedades das redes de interações foréticas em florestas tropicais. 2019. 69 p. Dissertação (Mestrado em Entomologia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2019.
metadata.teses.dc.description.resumo: As florestas tropicais têm passado por intensa degradação ambiental nas últimas décadas. O corte seletivo e a incidência de fogo estão entre as principais ameaças à biodiversidade, em especial para as florestas da Amazônia. Diante disso, torna-se necessário desenvolver estratégias de conservação efetivas que previnam, mitiguem ou impeçam danos da degradação à biodiversidade. Para isso é de extrema importância que as consequências ecológicas desses distúrbios ambientais sejam compreendidas. O uso de redes de interações para avaliar as repostas ecológicas frente aos diferentes tipos de impactos, pode contribuir para uma visão mais holística do problema, já que as espécies que compõem as comunidades biológicas interagem umas com as outras, de forma obrigatória ou facultativa, para diversos fins. A forese é uma interação comensal pouco estudada no contexto de distúrbios ambientais, mas que pode ter importantes implicações para a conservação das espécies e funcionamento dos ecossistemas. Até o momento, nenhum estudo em florestas tropicais avaliou a resposta de redes de interações foréticas a distúrbios ambientais. Este trabalho visa contribuir para o preenchimento dessa lacuna de conhecimento, investigando a resposta das propriedades de redes de interações entre ácaros foréticos e besouros escarabeíneos a distúrbios florestais na região Amazônica. Esta dissertação está estruturada em duas partes. A primeira delas compreende uma introdução geral e um referencial teórico. A segunda consiste no artigo propriamente dito, o qual objetivou avaliar as mudanças nas propriedades das redes de interações entre ácaros foréticos e besouros escarabeíneos em um gradiente de distúrbio florestal antrópico, composto por florestas não perturbadas, manejadas com corte seletivo e queimadas na Floresta Nacional do Tapajós, Belterra - PA. Os besouros escarabeíneos foram coletados em três áreas de cada um dos sistemas florestais utilizando armadilhas do tipo pitfall iscadas com uma mistura de fezes humanas e suínas. Após a coleta, cada indivíduo de escarabeíneo foi cuidadosamente inspecionado e os ácaros foréticos foram retirados de diversas regiões corporais desses insetos. A partir disso, foram construídas matrizes de interações, que serviram de base para a realização das análises. O principal achado deste trabalho foi que, apesar de não haver diferenças na riqueza total de espécies de ácaros foréticos e besouros escarabeíneos entre os sistemas, foram observadas alterações nas propriedades das redes de interações entre as florestas não perturbadas e antropizadas. Houve uma diminuição na complexidade (número de links por espécie e diversidade de Shannon de interações) das redes e na especialização das interações ao longo do gradiente crescente de distúrbio. As propriedades estruturais aninhamento e compartimentalização, no entanto, apresentaram uma tendência oposta, com as florestas queimadas apresentando os maiores valores. Este foi o primeiro trabalho a avaliar as mudanças nas propriedades das redes de interações foréticas em florestas tropicais. Esta pesquisa pode subsidiar estratégias mais efetivas de conservação da biodiversidade, indicando que os esforços devem ser voltados não somente para espécies, mas sim para as redes de interações envolvendo grupos importantes para o funcionamento ecossistêmico.
metadata.teses.dc.description.abstract: Tropical forests have undergone intense environmental degradation in recent decades. Selective logging and the fire are among the main threats, especially to Amazonian forests. It is therefore necessary to understand the ecological consequences of these environmental disturbances for developing effective conservation strategies that prevent or mitigate the degradation impacts on biodiversity. The use of interaction networks to assess ecological responses to different human activities may contribute to a more holistic view of the problem, whereas the species can interact, both obligatory or facultatively, each other to distinct purposes. Phoresy is an commensal interaction poorly studied in the context of environmental disturbances, but that may have important implications for the conservation of species and ecosystem functions. Until now, no study in tropical forests has evaluated how networks based on phoretic interactions respond to environmental disturbances. This work addresses this knowledge by investigating changes in network properties based on interactions between phoretic mites and dung beetles sampled within disturbed Amazonian forests. The first part of the dissertation comprises a general introduction and a literature review. The second consists of a paper which aimed to evaluate changes in the interaction networks properties sampled across a disturbance gradient including undisturbed forests, logged forests and burned forests in the Tapajós National Forest, Belterra - PA. Dung beetles were collected in three areas of each forest system using pitfall traps baited with a mixture of pig and human dung. After sampling, each individual was carefully inspected and the associated phoretic mites were removed. Then, interactions matrices were built and used for the analyses. The main finding of this study was that network metrics significantly changed along the gradient of forest disturbance but no significant differences were found in total species richness of phoretic mites and dung beetles between systems. In general, there was a decrease in network complexity (links per species and Shannon‘s diversity of interactions) and in the specialization of interactions along the increasing gradient of disturbance. However, the network nestedness and compartmentalization presented an opposite tendency, with the burned forests exhibiting the highest values. This research was the first to evaluate changes in the properties of the phoretic networks in tropical forests. This research may support more effective strategies for biodiversity conservation, indicating that efforts should be focused not only species, but also in interactions networks between groups associated to ecosystem functioning.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33898
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DEN - Entomologia - Mestrado (Dissertações)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.