Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3416
Título: Enraizamento de estacas da baunilheira (Vanilha planifolha Andrews) ácido indolbutírico, recipiente, meio de enraizamento, tamanho e tipo de estaca
Título(s) alternativo(s): Rooting of cuttings of the vanilla plant (Vanilla planifolia Andrews): indole-3-butyric acid, containers, rooting medium, size and type of cutting
Autor : Silva, Maria das Dores David
Primeiro orientador: Pasqual, Moacir
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Dias, José Maria Moreira
Primeiro membro da banca: Ramos, José Darlan
Dutra, Leonardo Ferreira
Jesus, Adriana Madeira Santos
Área de concentração: Fitotecnia
Palavras-chave: Baunilha
Estaquia
Auxina
Vanilla plant
Cuttings
Auxin
Data da publicação: 2-Set-2014
Referência: SILVA, M. das D. D. Enraizamento de estacas da baunilheira (Vanilha planifolha Andrews) ácido indolbutírico, recipiente, meio de enraizamento, tamanho e tipo de estaca. 2005. 155 p. Tese (Doutorado em Agronomia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.
Resumo: Buscando maximizar a produção de mudas de Vanilla planifolia Andrews, por meio da estaquia, foram desenvolvidos quatro experimentos utilizando-se estacas obtidas pelo seccionamento da haste da planta. Os trabalhos foram conduzidos em casa de vegetação, na Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, MG. No experimento 1, avaliaram-se os recipientes tubete de polipropileno rígido, com capacidade para 0,28L e sacolas plásticas de 2,8L, contendo substrato formado pela mistura de areia + casca de arroz carbonizada + solo + esterco bovino, na proporção 1:1:1:1 (v/v). Estacas com 10cm de tamanho e uma folha foram tratadas com soluções aquosas de ácido indolbutírico (AIB) nas concentrações de 0, 500, 1.000 e 2.000mg L-1. Após 270 dias, o enraizamento variou de 72% a 100%, e a concentração de 1.000mg L-1 promoveu a maior porcentagem de enraizamento, em ambos os recipientes. Na ausência de AIB, em ambos os recipientes, observou-se brotação acima de 80% e brotos de maior tamanho. No experimento 2, estudaram-se diferentes tamanhos de estacas (5, 10, 20 e 30cm) plantadas em sacola plástica de 2,8L com o mesmo substrato e tratadas com as mesmas concentrações de AIB do experimento 1. Após 270 dias, o enraizamento variou de 73% a 100%, e a concentração de 1.000mg L-1 de AIB apresentou 100% de enraizamento, em todos os tamanhos de estaca. As estacas com 20 e 30cm enraizaram na ausência de AIB. A brotação variou de 84% a 94%. No experimento 3, estudou-se o enraizamento em meio líquido, com arejamento, contendo solução nutritiva de Clark e concentrações de nitrato de cálcio (0,0; 150; 300; 600 e 900mg L-1) combinadas com AIB nas concentrações de 0; 2,5; 5,0 e 10,0mg L-1. O recipiente utilizado foi caixa de isopor com capacidade para 1,5L. As estacas possuíam 20cm de tamanho e, no mínimo, duas gemas e uma folha. Após 90 dias, o enraizamento variou de 75% a 100% e não foi influenciado pelo nitrato de cálcio, tampouco pelo AIB. A solução nutritiva de Clark + 2,5mg L-1 de AIB promoveu a formação de sistema radicular mais desenvolvido. No experimento 4, estudaram-se a hidropropagação, o pré-enraizamento em meio líquido e o substrato sólido sobre o enraizamento e a formação da muda. A hidropropagação e o pré-enraizamento foram conduzidos de forma idêntica à do experimento 3, utilizando-se solução nutritiva de Clark + 2,5 mg L-1 de AIB. Utilizou-se o mesmo substrato dos experimentos 1 e 2, acondicionado em tubetes de polipropileno rígido com capacidade para 0,28L. As estacas possuíam 20cm de tamanho, duas gemas e uma folha. Neste trabalho, as estacas foram tomadas em cinco posições na haste, partindo-se de P1 (com o ápice caulinar) para a base (P5). No pré-enraizamento, as estacas foram submetidas ao meio líquido até a emissão das raízes e, em seguida, plantadas no substrato sólido. Após 90 dias, o enraizamento variou de 98% a 100%, tendo o plantio direto no substrato sólido favorecido a formação e o desenvolvimento de brotos. O pré-enraizamento em meio líquido favoreceu a formação e o desenvolvimento do sistema radicular. As estacas da posição P1 apresentaram enraizamento mais tardio e sistema radicular menos desenvolvido do que as estacas das demais posições.
Aiming to maximize the production of seedlings of Vanilla planifolia Andrews, by means of cuttings, four experiments were developed by utilizing cuttings obtained by the sectioning of the plant stem. The works were conducted in greenhouse, at the Federal University of Viçosa, Viçosa, MG. In experiment 1, the containers rigid polypropylene seedling tube, with a capacity of 0.28L and plastic bags of 2.8L, containing substrate formed by the mixture sand + carbonized rice hull + soil + cow manure, at the ratio 1:1:1:1 (v/v). cuttings of 10cm size and one leaf were treated with aqueous solutions of indole-3-butyric acid (IBA) at the concentrations of 0, 500, 1.000 and 2.000mg L-1. After 270 days, rooting ranged from 72% to 100 %, and the concentration of 1.000mg L-1 promoted an increased percentage of rooting, in both containers. In the absence of IBA, in both containers, sprouting above 80% and larger size shoots were found. In experiment 2, different sizes of cuttings (5, 10, 20 and 30cm) planted in plastic bag of 2.8L with the same substrate and treated with the same concentrations of IBA as experiment 1 were investigated. After 270 days, rooting varied from 73% to 100%, and the concentration of 1.000mg L-1 of IBA presented 100% of rooting in all the cutting sizes. The cutting os 20 and 30cm rooted in the absence of IBA. Sprouting ranged from 84% to 94%. In experiment 3, rooting in liquid medium was studied, with aeration, containing Clark´s nutrient solution and concentrations of calcium nitrate (0.0; 150; 300; 600 and 900mg L-1) combined with IBA at the concentrations of 0; 2.5; 5.0 and 10.0mg L-1. The container utilized was plastic foam box with a capacity of 1.5L. The cuttings possessed 20cm in size and, in the minimum, two buds and one leaf. After 90 days, rooting ranged from 75% to 100 % and was not influenced either by calcium nitrate or by IBA. Clark´s nutrient solution + 2,5mgL-1 of IBA promoted the formation of most developed root system. In experiment 4, hydropropagation, pre-rooting in liquid medium and solid substrate on rooting and cutting formation were studied. Both hydropropagation and pre-rooting were conducted in a way identical to that of experiment 3 by utilizing Clark´s nutrient solution + 2.5 mgL-1 of IBA. The same substrate of experiments 1 and 2 placed in rigid polypropylene seedling tubes with a capacity of 0.28L was utilized. The cuttings were 20cm in length, possessed two buds and one leaf. In this work, the cuttings were taken at five position on the stem, starting from P1 (with the stem end) to the base (P5). At pre-rooting, the cuttings were submitted to the liquid medium till the roots emission, next, planted in the solid substrate. After 90 days, rooting ranged from 98% to 100 %, where direct planting into the solid substrate supported the formation and development of shoots. Pre-rooting in liquid medium favored both formation and development of the root system. The cuttings of the P1 position presented later rooting and less developed root system than the cuttings at the other positions.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3416
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.