Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/36326
metadata.eventos.dc.title: Interação genótipos X anos agrícolas em progênies F2:3 e F2:4 de soja para a qualidade de grãos
metadata.eventos.dc.creator: Aristides, Camila Mendes
Bruzi, Adriano Teodoro
Silva, Frederico Dellano Souza
Ferreira, Daniel
Vilela, Guilherme Leite Dias
Freitas Neto, Sinomar Domingues de
metadata.eventos.dc.subject: Óleo de soja
Soy oil
Soja - Melhoramento genético
Glycine max
metadata.eventos.dc.date.issued: 2018
metadata.eventos.dc.identifier.citation: ARISTIDES, C. M. et al. Interação genótipos X anos agrícolas em progênies F2:3 e F2:4 de soja para a qualidade de grãos. In: CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFLA, 31., 2018, Lavras. Anais... Lavras: UFLA, 2018. Não paginado.
metadata.eventos.dc.description.resumo: Os teores de óleo e proteína são compostos de grande importância para a qualidade dos grãos de soja e podem ser afetados por fatores genéticos e ambientais. Dessa forma, objetivou-se avaliar a interação genótipos x anos agrícolas associada aos teores de óleo e proteína em progênies de soja F2:3 e F2:4. O experimento foi realizado nos anos agrícolas de 2015/2016 e 2016/2017 no Centro de Desenvolvimento Científico e Tecnológico em Agropecuária (Fazenda Muquém) da Universidade Federal de Lavras - UFLA, localizada a uma altitude de 954 m, 21º12’11’’ de latitude sul e 44º58’47’’. Foram avaliadas 51 progênies F2:3 e F2:4. O experimento foi conduzido no sistema de plantio direto, com semeadura manual em sulcos espaçados em 0,50 m. Os demais tratos culturais foram realizados conforme exigências da cultura. Foram avaliados os teores percentuais de óleo e proteína determinados em grãos íntegros pela técnica da Refletância do Infravermelho Próximo (NIR). Os grãos de cada progênie foram submetidos a leituras em duplicata, com equipamento Thermo, modelo Antaris II, dotado de esfera de integração com resolução de 4 cm-1. Foi efetuada a análise genético/estatística com auxílio do ambiente R® (R Core Team). As estimativas dos componentes de variância foram significativas para as fontes de variação genótipos e safras, para os teores de óleo e proteína, indicando que há variabilidade genética entre as progênies e que existe diferença entre as safras. Também os componentes de variância para a interação genótipos e safras foram significativos para os mesmos caracteres, ou seja, houveram comportamentos não coincidentes entre os genótipos e as safras. As magnitudes dos coeficientes de variação foram baixas, de 2,18 e 1,35 para os teores de óleo e proteína, respectivamente, indicando alta precisão experimental. As médias para o caráter óleo variaram de 20,44 a 24,05%. Para proteína houve variação de 35,47 a 40,09%. Os resultados obtidos reforçam que os caracteres óleo e proteína são influenciados por fatores genéticos e ambientais, sendo necessário, portanto, avaliar essas interações para se obter sucesso nos programas de melhoramento.
metadata.eventos.dc.description.uri: http://prp.ufla.br/ciuflasig/generateResumoPDF.php?id=11310
metadata.eventos.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DAG - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.