Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/37183
metadata.artigo.dc.title: Estudo sobre as diferenças de desempenho entre pequenas e medias empresas brasileiras: uma abordagem da visão baseada em recursos (VBR)
metadata.artigo.dc.title.alternative: Performance differences between brazilian small and medium enterprises: an resourced-based-view approach
metadata.artigo.dc.creator: Leite Filho, Geraldo Alemandro
Carvalho, Francisval de Melo
Antonialli, Luiz Marcelo
metadata.artigo.dc.identifier.citation: LEITE FILHO, G. A.; CARVALHO, F. de M.; ANTONIALLI, L. M. Estudo sobre as diferenças de desempenho entre pequenas e medias empresas brasileiras: uma abordagem da visão baseada em recursos (VBR). Revista de Contabilidade e Controladoria, Curitiba, v. 4, n. 1, p 78-92, jan./abr. 2012.
metadata.artigo.dc.description.resumo: O objetivo principal deste estudo foi verificar se as diferenças de desempenho (crescimento) de empresas dentro de um mesmo setor são maiores do que as diferenças de desempenho de empresas entre os setores de atuação. Com base na visão baseada em recursos (VBR), foram definidas hipóteses de pesquisa sugerindo que os fatores internos, relacionados àsempresas individualmente, exerciam uma influência maior do que os fatores externos (estrutura da indústria) no desempenho (crescimento) destas empresas. Quanto à metodologia, o estudo caracterizou-se como um levantamento de dados secundários de uma amostra de 328 pequenas e médias empresas brasileiras participantes da pesquisa da DELOITTE EXAME PME das pequenas e médias empresas que mais cresceram no Brasil no ano de 2009. Foram elaboradas análises com estatística descritiva para analisar as características da amostra e testes de hipóteses estatísticas. Os resultados apresentados evidenciaram uma heterogeneidade na distribuição das empresas pelos diversos setores, contudo, apesar das diferenças quantitativas, apresentaram taxas de crescimento estatisticamente iguais. Os testes estatísticos sugeriram aceitação da hipótese de que os fatores externos tais como o mercado e o posicionamento estratégico seriam as principais causas da variação de desempenho das pequenas e médias empresas da amostra pesquisada, refutando as premissas da VBR para explicação da variação de desempenho para tais empresas.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The objective of this study was to determine performance differences (growth) companies within a sector are higher than the performance differences between companies sectors. Based on the resource based view (RBV) were defined research hypotheses suggesting that the internal factors related to individual companies, exercised greater influence than the external factors (industry structure) in performance (growth) of these companies. Regarding methodology, the study characterized as a survey of secondary data from a sample of 328 small and medium size companies participating of DELOITTE EXAME SME Survey, Small and medium enterprises with the largest growth in Brazil in 2009. Analysis were prepared with descriptive statistics to analyze the sample characteristics and tests of statistical hypotheses. The results presented showed an heterogeneity in the distribution of firms by the various sectors, however, despite quantitative differences, growth rates were statistically identical. Statistical tests suggested acceptance of the hypothesisthat external factors such as marketing and strategic positioning are the main causes of variation in performance of small and medium enterprises of the sample, rejecting the premise of RBV to explain the variation in performance for these companies .
metadata.artigo.dc.identifier.uri: https://revistas.ufpr.br/rcc/article/view/20757/17970
http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/37183
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DAE - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.