Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38244
metadata.teses.dc.title: Fertilizantes nitrogenados convencionais e estabilizados na cafeicultura: análises agronômicas, de qualidade, ambientais e econômica
metadata.teses.dc.title.alternative: Conventional and stabilized nitrogen fertilizers in cafficulture: agronomic, quality, environmental and economic analysis
metadata.teses.dc.creator: Souza, Taylor Lima de
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/0975778093645235
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Silva, Douglas Ramos Guelfi
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Pozza, Adélia Aziz Alexandre
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Guimarães, Rubens José
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Favarin, José Laércio
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Mattiello, Edson Marcio
metadata.teses.dc.subject: Coffea arábica
Estoques de Nitrogênio
Lixiviação
Peneira
Análise sensorial
Nitrogen stocks
Leaching
Sieve
Sensory analysis
metadata.teses.dc.date.issued: 16-Dec-2019
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
metadata.teses.dc.identifier.citation: SOUZA, T. L. de. Fertilizantes nitrogenados convencionais e estabilizados na cafeicultura: análises agronômicas, de qualidade, ambientais e econômica. 2019. 152 p. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) – Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2019.
metadata.teses.dc.description.resumo: A alta demanda de nitrogênio (N) pela cultura do cafeeiro faz com que se busque melhorar a recomendação e o fornecimento do N, a melhor fonte para diminuir as perdas no sistema e melhorar o aproveitamento pela cultura para melhores respostas em produtividade e qualidade do produto final colhido. O experimento foi conduzido em Santo Antônio do Amparo, MG. Foram utilizadas três fontes de N (ureia convencional, ureia + NBPT e nitrato de amônio) e 4 doses:150; 275; 400 e 525 kg de N ha-1 ano-1 e um tratamento controle, sem adubação nitrogenada. No artigo 1 objetivou-se avaliar as fontes e doses de N aplicadas de forma parcelada no cafeeiro quanto as perdas de N pela volatilização da amônia (NH3), produtividade e atributos relacionados a eficiência agronômica provindos da produtividade. As perdas por volatilização de N foram maiores com o uso da ureia, proporcionais as doses de N aplicadas, em todos os anos de avaliação. As menores perdas por volatilização de N foi com o uso do nitrato de amônio. No quarto ano, a produtividade seguiu a seguinte ordem decrescente nitrato de amônio = ureia + NBPT > ureia comum > controle. Após quatro anos de adubação, o nitrato de amônio, ureia e ureia + NBPT não apresentaram diferenças significativas na produtividade média e na produtividade total acumulada, já o controle apresentou-se menor. No artigo 2 objetivou-se determinar a distribuição em profundidade no solo, do N-mineral (NH4 + e NO3 - ), N-total (mineral + orgânico), estoques de N total e teor de N foliar e nos grãos, e seu efeito na produtividade do cafeeiro em dois anos de safra. As concentrações de nitrato no solo são maiores que de amônio a partir da profundidade de 40 cm, onde já não se tem tantas raízes efetivas em absorver nutrientes. Os estoques de N-total diminuíram com o passar dos anos em todas as camadas avaliadas. A produtividade está altamente correlacionada com os estoques de N-total na dose de 400 kg ha-1 nitrogênio nas análises multivariadas. No artigo 3 objetivou-se avaliar as características de pós colheita do café com relação à qualidade do café, após três anos de manejo com diferentes fontes e doses de nitrogênio. A análise sensorial apresentou ótimas notas nos três anos de avaliação, com descrição especial muito bom e classificação especial nas safras 15/16, 16/17 e 17/18 sendo que na safra 17/18 o controle se apresentou com descrição especial excelente e classificação especialidade. O número de defeitos dos grãos de café apresentou valores bem próximos com doses de N acima de 150 kg de N ha-1 ano-1.
metadata.teses.dc.description.abstract: The high demand for nitrogen (N) from coffee crop means that the recommendation and supply of N is the best source to decrease system losses and improve crop yield for better yield and product quality responses. harvested end. The experiment was conducted in Santo Antônio do Amparo, MG. Three sources of N (conventional urea, urea + NBPT and ammonium nitrate) and 4 doses: 150; 275; 400 and 525 kg N ha-1 year-1 and a control treatment without nitrogen fertilization. In article 1, the objective was to evaluate the sources and doses of N applied in a split way in the coffee tree as N losses due to ammonia volatilization (NH3), productivity and attributes related to agronomic efficiency derived from productivity. N volatilization losses were higher with the use of urea, proportional to the applied N rates, in all evaluation years. The lowest N volatilization losses were with the use of ammonium nitrate. In the fourth year, productivity followed the following decreasing order ammonium nitrate = urea + NBPT> common urea> control. After four years of fertilization, ammonium nitrate, urea and urea + NBPT showed no significant differences in the average yield and total accumulated yield, but the control was smaller. In article 2 the objective was to determine the depth distribution in soil of N-mineral (NH4 + and NO3 - ), total N (mineral + organic), total N stocks and leaf and grain N content and their effect. on coffee yield in two crop years. Nitrate concentrations in soil are higher than ammonium from 40 cm depth, where there are not so many effective roots to absorb nutrients. N-total stocks have decreased over the years in all tiers evaluated. Yield is highly correlated with N-total stocks at 400 kg ha-1 nitrogen in multivariate analyzes. In article 3 aimed to evaluate the postharvest characteristics of coffee in relation to coffee quality after three years of management with different nitrogen sources and doses. The sensory analysis presented excellent grades in the three years of evaluation, with very good special description and special classification in the 15/16, 16/17 and 17/18 seasons, and in the 17/18 season the control presented excellent special description and classification. specialty. The number of coffee bean defects was very close with N rates above 150 kg N ha-1 year-1.
metadata.teses.dc.description: Arquivo retido, a pedido do autor, até dezembro de 2020.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38244
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses)

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.