Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3914
Título: Diagnóstico da floricultura no Estado de Minas Gerais
Título(s) alternativo(s): Diagnosis of the floriculture in the Minas Gerais state
Autor : Landgraf, Paulo Roberto Corrêa
Primeiro orientador: Paiva, Patricia Duarte de Oliveira
Primeiro membro da banca: Paiva, Renato
Pivetta, Kathia Fernandes Lopes
Borém, Rosângela Alves Tristão
Cunha Neto, Francisco Rodrigues da
Área de concentração: Fitotecnia
Palavras-chave: Floricultura
Plantas ornamentais
Diagnóstico da floricultura
Floriculture
Ornamental plants
Diagnosis of the floriculture
Data da publicação: 23-Set-2014
Referência: LANDGRAF, P. R. C. Diagnóstico da floricultura no Estado de Minas Gerais. 2006. 111 p. Tese (Doutorado em Agronomia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.
Resumo: A floricultura caracteriza-se pelo cultivo de plantas ornamentais, plantas de corte (flores e folhagens), plantas envasadas, floríferas ou não, até a produção de sementes, bulbos, palmeiras, mudas de árvores, arbustos e outras espécies para cultivo em jardim. O estado de Minas Gerais era considerado o 4ºcolocado na classificação nacional em produção de plantas ornamentais, tendo perdido duas posições nos últimos anos. As características da produção mineira são, no entanto, desconhecidas. Assim, com o objetivo de realizar um diagnóstico da floricultura no estado de Minas Gerais, analisando aspectos de produção, características dos produtores e da comercialização de plantas ornamentais, aplicou-se um questionário aos produtores de estado, no período de 2003 a 2005. As entrevistas foram feitas in loco, e os produtores foram identificados por meio de visitas nas áreas produtivas e os questionários foram respondidos por eles próprios. Analisando-se as respostas contidas nos questionários, identificou-se que a produção de plantas ornamentais, em Minas Gerais é uma atividade realizada por 427 produtores, numa área plantada de aproximadamente 1.152,6046 ha, sendo a área total de cultivo sob proteção (telado ou estufa) de 230,37 ha e a área total de cultivo a céu aberto de 922,23 ha. As principais espécies cultivadas no estado são: mudas para jardim (498,92 ha), mudas arbóreas (221,67 ha), rosa para corte (151,57 ha), mudas de palmeiras (89,26 ha), sempre-vivas (57,26 ha) e mudas de rosa (19,77 ha). O setor emprega 2.633 funcionários sendo 2.591 com contrato fixo e 42 na forma de empreita. A produção é vendida para o todo o Brasil e também exportada para países da Europa, Ásia e América do Norte. Os principais produtos exportados são: rosas de corte, orquídeas de corte, sempre-vivas e bulbos de lírio. Outras informações foram observadas e estão discriminadas neste diagnóstico. Com esses resultados, pode-se ter um conhecimento efetivo da situação da floricultura em Minas Gerais, contestando informações e recolocando o estado em segunda posição entre os produtores nacionais.
Floriculture features through the growth of ornamental plants, cutting plants (flowers and leaves), tunned plants, flowering or not, even seeds production, bulbs, palm trees, seedling, shrub, and other gardening species. Minas Gerais state (Brazil) was currently considered 4th in national ranking of ornamental plants production. The characteristics of the production in this state, however, are unknown. Thus, aiming to carry out a diagnosis of the floriculture in the mentioned sate, verifying production features, producers characteristics and ornamental plants trade, a survey was performed in Minas Gerais state producers from 2003 to 2005. The interviews were done in loco, and the individuals were identified by visiting the productive area and answering the questionary themselves. Studying the answers, it was found that the Minas Gerais sate ornamental plants production is practiced by 427 producers, in a planting area approximately 1.152,6046 ha. Yet, the total cultivated area in (roof or greenhouses) is about 230,37 ha, and the total cultivated area outside is about 922,23 ha. The main cultivated species in the state are: gardening seedlings (498,92 ha.), arboreous seedlings (221,67 ha.), rose for cutting (151,57 ha.) and roses seedlings (19,77 ha.). This sector envolves 2.633 workers, being 2.591 permanents and 42 temporaries. The products are sold in whole Brazil and exported to Europe, Asian and North American. The main exported products are: cutting roses, cutting orchid, wild flowers and lily bulbs. Other informations were observed and are described in this diagnosis. Through these results, it could be obtained an effective knowledge of the floriculture situation in Minas Gerais state, displaying information and classifying the state 2nd in national ranking.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3914
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Diagnóstico da floricultura no Estado de Minas Gerais.pdf382,65 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.