Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/39286
metadata.artigo.dc.title: Evolução do índice de área foliar de cafeeiro arábica sob diferentes níveis e formas de parcelamentos de adubação
metadata.artigo.dc.title.alternative: Evolution of index of leaf area of arabic coffee under different levels and forms of manure of installments
metadata.artigo.dc.creator: SantAna, José Antonio do Vale
Colombo, Alberto
Scalco, Myriane Stella
Assis, Gleice Aparecida
metadata.artigo.dc.subject: Coffea arabica L.
Fertirrigação
Cafeeiro - Crescimento
Fertigation
metadata.artigo.dc.publisher: Instituto Federal de Mato Grosso
metadata.artigo.dc.date.issued: 2019
metadata.artigo.dc.identifier.citation: SANTANA, J. A. do V. et al. Evolução do índice de área foliar de cafeeiro arábica sob diferentes níveis e formas de parcelamentos de adubação. Revista PesquisaAgro, v. 2, n. 2, p. 3-17, jul./dez. 2019.
metadata.artigo.dc.description.resumo: Este estudo teve como objetivo, avaliar ao longo do tempo, o índice de área foliar do cafeeiro arábica, cultivar Catiguá MG-3, sob diferentes níveis e formas de parcelamentos de adubação. O cafeeiro foi plantado em maio de 2007, no espaçamento de 2,5 x 0,6 metros.O delineamento foi em blocos casualizados, com três repetições, utilizando uma adaptação da análise conjunta de experimentos, com o esquema de parcelas divididas. As duas formas de parcelamentos, quatro (Nov, Dez, Jan e Fev) e 12 (mensais) aplicações, foram consideradas como os ambientes, os níveis de adubação (30%, 80%, 130%, 180% e 230% da recomendação de N e K2O para cafeeiros cultivados em sequeiros em Minas Gerais), as parcelas e as épocas de avaliação (realizadas bimestralmente entre os anos de 2010 e 2013) constituíram as subparcelas no tempo.Os adubos utilizados foram ureia pecuária (45% de N) e nitrato de potássio (13% de N e 44% de K2O).Os modelos, Logístico e Gompertz, apresentaram bons ajustes, sendo indicado conforme os avaliadores de qualidade para descrever o índice de área foliar do cafeeiro ao longo do tempo. O índice de área foliar não é influenciado pelas formas de parcelamentos (quatro e doze aplicações/ano). Níveis abaixo de 80% da adubação com N e K recomendada para plantas não irrigadas restringe o crescimento do cafeeiro em lavouras irrigadas.
metadata.artigo.dc.description.abstract: This study aimed to evaluate over time, the leaf area index of Arabica coffee, cultivate Catiguá MG-3 under different levels and forms of fertilizer applications. The coffee was planted in May 2007, in the spacing of 2.5 x 0.6 meters. The design was a randomized block design with three replications, using an adaptation of the joint analysis of experiments, with the scheme of split plots. The two forms of installment payments, four (Nov, Dec, Jan and Feb) and 12 (monthly) applications were considered environments, the fertilization levels (30%, 80%, 130%, 180% and 230% of the recommendation N and K2O for coffee grown in sequeiros in Minas Gerais), the plots and the evaluation times (held every two months between the years 2010 and 2013) were the subplots in time. The fertilizers were used livestock urea (45% N) and potassium nitrate (13% N and 44% K2O). Models, Logistic and Gompertz, showed good fits and is indicated as quality assessors to describe the leaf area index of the coffee over time. The leaf area index is not influenced by the forms of installment payments (four twelve applications / year). Levels below 80% of fertilization with N and K recommended for non-irrigated plants restricts the growth of coffee in irrigated crops
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/39286
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DEG - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons