Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/41501
metadata.artigo.dc.title: Anthropic disturbances as the main driver of a semideciduous seasonal forest fragment in Minas Gerais
metadata.artigo.dc.creator: Silva, Tainá Mamede Cirne
Carvalho, Warley Augusto Caldas
Terra, Marcela de Castro Nunes Santos
Santos, Rubens Manoel dos
Santos, Alisson Borges Miranda
Souza, Cléber Rodrigo de
metadata.artigo.dc.subject: Floristic composition
Forest dynamics
Long-term ecological studies
Phytosociological structure
Tropical forest
Composição florística
Dinâmica florestal
Estudos ecológicos de longa duração
Estrutura fitossociológica
Floresta tropical
metadata.artigo.dc.publisher: Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro
metadata.artigo.dc.date.issued: Nov-2019
metadata.artigo.dc.identifier.citation: SILVA, T. M. C. et al. Anthropic disturbances as the main driver of a semideciduous seasonal forest fragment in Minas Gerais. Rodriguésia, Rio de Janeiro, v. 70, 2019. Não paginado.
metadata.artigo.dc.description.resumo: As novas condições ambientais impostas por eventos de distúrbios criam um mosaico de manchas em diferentes estágios sucessionais. Nosso objetivo foi descrever a variação temporal de uma floresta estacional semidecidual em função do histórico de perturbação antrópica, verificando possíveis mudanças na dinâmica e estrutura da floresta. Nós amostramos a vegetação arbórea com diâmetro a 1,3 m do solo (DAP) ≥ 5 cm em 15 parcelas permanentes de 20 × 20 m onde realizamos quatro inventários (2003, 2005, 2007 e 2015). Nós verificamos uma diminuição da densidade e aumento da área basal, o que indica que a comunidade arbórea analisada se encontra em estágio tardio de sucessão. A estrutura fitossociológica, a riqueza e a diversidade de espécies da comunidade arbórea não apresentaram mudanças ao longo dos monitoramentos. Entretanto, o predomínio da espécie Protium spruceanum pode ser uma resposta às mudanças ambientais provocadas pela mineração que ocorreu na área há 250 anos. As influências duradouras dos distúrbios antrópicos tornam este tipo de trabalho imprescindível por permitir a compreensão dos processos ecológicos, possibilitando um gerenciamento factual das florestas pelo manejo e conservação efetivos.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The new environmental conditions imposed by disturbance events often create a mosaic of spots in different successional stages. Our objective was to describe the temporal variation of a semideciduous seasonal forest based on its anthropic disturbance history, verifying possible changes in forest dynamics and structure. We sampled the arboreal vegetation with a diameter at breast height (1.3 m above the ground; DBH) ≥ 5 cm in 15 permanent plots of 20 × 20 m where we performed four inventories (2003, 2005, 2007 and 2015). We observed a density decrease and a basal area increase, which indicates the late successional stage of the analyzed tree community. The phytosociological structure, richness and species diversity of the tree community did not show changes throughout the monitoring. However, the Protium spruceanum predominance may be a response to the environmental changes caused by the mining occurred in the area 250 years ago. The anthropic disturbances enduring influences make this type of work indispensable because it allows the ecological processes understanding, allowing a factual management of the forests by the its effective management and conservation.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/41501
metadata.artigo.dc.language: en
Appears in Collections:DCF - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons