Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4288
Título: Diversidade de espécies filogenéticas e biológicas do complexo Fusarium solani-fssc no Brasil
Autor : Matos, Kedma da Silva
Primeiro orientador: Pfenning, Ludwig Heinrich
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Guimarães, Sarah da Silva Costa
Primeiro membro da banca: Alves, Eduardo
Abreu, Lucas Magalhães
Ceresini, Paulo Cezar
Schwan, Rosane Freitas
Área de concentração: Microbiologia Agrícola
Palavras-chave: Filogenia molecular
Mating populations
Idiomorfos
Heterotalismo
Homotalismo
Molecular phylogeny
Mating populations
Idiomorphs
Heterothallism
Homothallism
Data da publicação: 2014
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: MATOS, K. da S. Diversidade de espécies filogenéticas e biológicas do complexo Fusarium solani-fssc no Brasil. 2014. 81 p. Tese (Doutorado em Microbiologia Agrícola) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: O complexo Fusarium solani (FSSC) é representado por cerca de 60 espécies filogeneticamente distintas. Neste estudo, pretendeu-se investigar as seguintes questões: Quantas linhagens filogenéticas já identificadas no FSSC estão presentes em uma coleção de 52 isolados de várias origens geográficas, de diferentes plantas e do solo no Brasil? Existem linhagens filogenéticas ainda não identificadas? O uso do conceito filogenético e biológico, quando complementado, pode ajudar na definição de espécies no FSSC para os isolados avaliados? Os objetivos foram: i. verificar a diversidade de espécies do FSSC no país por meio de análises filogenéticas das regiões gênicas RPB2 e EF-1α; ii. desenvolver primers para determinar o mating type dos isolados do FSSC e iii. identificar a presença de espécies biológicas dentre os isolados estudados por meio de cruzamentos em laboratório. No presente estudo, 37 isolados do Brasil foram agrupados em 12 linhagens filogenéticas distintas do Clado 3 do FSSC, sendo, para 10 linhagens, registros inéditos. F. keratoplasticum foi previamente registrada no Brasil em associação com a micose superficial em humanos e foi reencontrada neste estudo associada à pimenta-do-reino. As linhagens FSSC 5, FSSC 7, FSSC 9, FSSC 20 e FSSC 34 foram representadas por isolados de várias plantas e solo, embora tenham sido descritas, inicialmente, em associação com humanos e animais. Nove isolados homotálicos agruparam-se em três linhagens filogenéticas distintas: FSSC 8 (clado Neocosmospora), FSSC 21 (F. striatum) e FSSC 33 e são associados a material vegetal. Espécies biológicas foram identificadas por meio de primers desenvolvidos no presente estudo para determinar o mating type para as espécies do FSSC. Após a determinação dos mating types, isolados da mesma linhagem filogenética foram submetidos a cruzamentos em laboratório. Duas linhagens filogenéticas identificadas também representam distintas espécies biológicas: na FSSC 23 (MP-II, f. sp. batatas), cruzamentos férteis foram obtidos entre isolados do Brasil de pimenta-do-reino e isolado da MP-II, sendo o primeiro relato dessa MP no país, e FSSC 31, que representa uma espécie filogenética e biológica que causa doença na pimenta-do-reino. Em duas MPs conhecidas (MP-IV, f. sp. xanthoxyli) e (MP-V, F. petroliphilum) foram determinados os mating types dos isolados testadores, por meio dos primers desenvolvidos no estudo e cruzamentos férteis foram obtidos entre eles. Nova MP foi identificada entre isolados patogênicos à soja. Nos isolados homotálicos, ocorreu amplificação de ambos os idiomorfos. No Brasil existe grande diversidade de linhagens filogenéticas e biológicas do FSSC associadas a plantas economicamente importantes.
Abstract: The Fusarium solani species complex (FSSC) is represented by around 60 species phylogenetically distinct. Through these studies we intended to investigate: (i) how many phylogenetic lineages, already identified in the FSSC, are present in a collection of 52 isolates from various geographical origens, different plants and soils of Brazil? (ii) are there phylogenetic lineages not identified yet? (iii) from the assessed strains, the usage of phylogenetic and biological concepts, when complemented, may help in the identification of species in the complex? These studies aimed to: (i) verify the diversity of species of the complex in Brazil through phylogenetic analysis based on RPB2 and EF-1α datasets; (ii) to develop primers for identification the mating types of the isolates in FSSC; and (iii) identify the presence of biological species among studied isolates by crossing in the laboratory. Thirty-seven isolates from Brazil were grouped in 12 distinct phylogenetic lineages of the clade 3 in the FSSC, of which 10 lineages are unpublished records. F. keratoplasticum has already been reported in Brazil in association with superficial mycosis in humans and was found in this study in association with black pepper. The lineages FSSC 5, FSSC 7, FSSC 9, FSSC 20 and FSSC 34 were represented by isolates obtained from various plants and soils, although they have already been described in association with humans and animals. Nine homothallic isolates are associated with plant material and were grouped in three distinct phylogenetic lineages: FSSC 8 (Noecosmospora clade), FSSC 21 (F. striatum) and FSSC 33. Biological species were identified by developed primers in the present study to determine the mating type for the species of FSSC. After determination of mating type, isolates of the same phylogenetic lineage were subjected to the crossing in the laboratory. Two phylogenetic lineages identified also represented distinct biological species: (i) in the FSSC 23 (MP-II, f.sp. batatas), fertile crossings were obtained among isolates of black pepper from Brazil and isolate of MP-II, being the first report of that MP in the country; and (ii) FSSC 31 represents a phylogenetic and biological specie which causes disease in black pepper. From two known MP, MP-IV, f.sp. xanthoxyli and MP-V, F. petroliphilum, were determined the mating types of the isolates tester by developed primers in this study and, fertile crossings were obtained among them. A novel MP was identified among isolates pathogenic of soybean. From homothallic isolates was amplified both idiomorphs. There is in Brazil a wide diversity of biological and phylogenetic lineages of the FSSC associated with economically important plants.
metadata.teses.dc.description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Microbiologia Agrícola, área de concentração em Microbiologia Agrícola, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4288
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Microbiologia Agrícola - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Diversidade de espécies filogenéticas e biológicas do complexo Fusarium solani-fssc no Brasil.pdf2,05 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.