Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4333
Título: Controle genético do florescimento em milho
Título(s) alternativo(s): Genetic control of maize flowering
Autor : Lima, José Luis
Primeiro orientador: Souza, João Cândido de
Primeiro membro da banca: Von Pinho, Renzo Garcia
Pacheco, Cleso Antonio Patto
Área de concentração: Genética e Melhoramento de Plantas
Palavras-chave: Zea mays L.
Estádios de desenvolvimento
Componentes genéticos
Herdabilidade
Developmental phases
Genetic components
Heritability
Data da publicação: 6-Out-2014
Referência: LIMA, J. L. Controle genético do florescimento em milho. 2006. 56 p. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.
Resumo: O presente trabalho teve como objetivo estudar o controle genético do florescimento em milho. Foram utilizadas duas linhagens do programa de melhoramento de milho do Departamento de Biologia (DBI) da Universidade Federal de Lavras (UFLA). A partir dessas duas linhagens, foram obtidas as populaçoes F1, F2, RC1 e RC2. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados com duas repetições, conduzido na área experimental do DBI/UFLA, na safra 2005/06. Foram avaliadas 32 plantas do pai 1 (P1), 27 plantas do pai 2 (P2), 17 plantas da F1, 172 plantas da F2, 130 plantas do RC1 e 185 plantas do RC2. As avaliações foram realizadas ao nível de plantas por parcela, em que foram obtidos os valores de graus-dia compreendidos entre a semeadura e o início do florescimento. Foram utilizados os componentes de média e de variância. Todos os modelos avaliados dos componentes de média apresentaram valores de R2 próximos de 100%. Dessa forma, considerou-se o modelo simplificado, denominado aditivo dominante. Também pelos componentes de variância, o modelo envolvendo a variância aditiva, variância de dominância e variância ambiental foi suficiente para explicar o controle genético do florescimento em milho. Os resultados obtidos evidenciaram a presença de efeitos gênicos de dominância. A estimativa da herdabilidade no sentido restrito foi de 48,81%, indicando que a seleção com base no fenótipo pode ser eficiente, entretanto, apresenta considerável influência de fatores ambientais, correspondendo a 31,39% da variação total. O controle genético do florescimento na linhagens avaliadas, provavelmente, é um caráter oligogênico, sendo estimado um número médio de 9 genes. O ganho de seleção padronizada foi estimado de 5,01% para o primeiro ciclo de seleção na população F2.
The aim of this work was to study the genetic control of maize flowering. Two inbred lines of the maize breeding program of Biology Department (DBI) of the Federal University of Lavras (UFLA) were used. The two lines were crossed to obtain F1, F2, RC1 e RC2 populations. The experimental design was randomized complete blocks with two replications, led in the experimental area of DBI/UFLA, in the growing season of 2005/06. Thirty two seeds of parent 1 (P1), 27 of parent 2 (P2), 17 of F1, 172 of F2, 130 of RC1 and 185 of RC2 were sown. The plants of each plot were evaluated, using day-degrees between the sown and flowering. In this study we used means and variance components. All models of means components had R2 values near 100% and the simple model, called additive dominant was considered. Also for the variance components the model involving the additive variance, dominance variance and environmental variance was enough to explain the genetic control of maize flowering. The results showed the presence of dominant gene effects. The heritability was 48.81%, showing that selection based on phenotype should be efficient, however, there was environmental factors, which accounted for 31.39% of the total variation. Maize flowering showed be an oligogenic character, controlled by 9 genes. The selection gain was estimated to be 5.01% for the first selection cycle in the F2 population.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4333
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Controle genético do florescimento em milho.pdf373,06 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.