Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4843
Título: Uso de dados multitemporais de índices de vegetação para a identificação de culturas agrícolas no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba /MG
Autor : Chaves, Michel Eustáquio Dantas
Primeiro orientador: Ferreira, Elizabeth
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Dantas, Antonio Augusto Aguilar
Primeiro membro da banca: Volpato, Margarete Marin Lordello
Área de concentração: Engenharia Agrícola
Palavras-chave: Agricultura
Sensoriamento Remoto
Geoprocessamento
Séries temporais
Índices de vegetação
Agriculture
Remote sensing
Geoprocessing
Time series
Vegetation index
Data da publicação: 16-Dez-2014
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: CHAVES, M. E. D. Uso de dados multitemporais de índices de vegetação para a identificação de culturas agrícolas no Triângulo Mineiro /Alto Paranaíba /MG. 2014. 107 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: Para identificar diferentes áreas agrícolas, técnicas de sensoriamento remoto e de análise de séries temporais de índices de vegetação apresentam grande potencial, proporcionando mapear e monitorar ciclos fenológicos. Ultimamente, destaca-se o uso de séries temporais de dados provenientes de produtos compostos voltados à vegetação, tais como o MOD13Q1 do sensor MODIS (Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer) e o VGT-S10, do sensor SPOT VEGETATION (Sattelite Pour l‟Observation dela Tèrre), que disponibilizam índices de vegetação na forma de produtos compostos de 16 e 10 dias, respectivamente, livres de interferências atmosféricas. As séries temporais permitem avaliar o comportamento da vegetação por meio da verificação de sazonalidades e tendências nos ciclos fenológicos das culturas agrícolas. Este estudo avaliou a utilização de séries temporais de índices de vegetação dos produtos supracitados para a geração de perfis espectro-temporais e a posterior derivação de parâmetros do ciclo fenológico/agrícola para a geração de máscaras de cultivo, com o objetivo de mapear e identificar as áreas (em ha), ocupadas por cana-de-açúcar, soja, café e milho na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba-MG, entre os anos de 2009 e 2012. Foram utilizadas séries temporais dos índices Normalized Difference Vegetation Index (NDVI) e Enhanced Vegetation Index (EVI) do MOD13Q1 e de NDVI, Normalized Difference Water Index (NDWI) e Dry Matter Productivity (DMP) do VGT-S10. Os resultados obtidos mostraram utilidade das séries temporais dos índices para monitorar o ciclo fenológico das culturas, tornando possível identificar as áreas destinadas ao plantio de cada cultivo pelo método da geração de máscaras de cultivo e aplicação de limiares de máximo e mínimo valor de corte, de acordo com as respostas espectro-temporais encontradas, indicando que, na comparação entre ambos, o MOD13Q1 foi, no geral, melhor no objetivo de identificar as áreas das culturas avaliadas na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba.
The remote sensing and the time series analysis of the vegetation index are found to be potential in the identification of different agricultural areas, seeking to map and monitor their phenological cycles. Lately, the use of time series of data from composed products related to vegetation, such as the MOD13Q1 product from MODIS sensor, and the VGT-S10 product from SPOT VGT sensor, which provide vegetation indices as composed products of 16 and 10 days, respectively, free of atmospheric interferences, is highlighted. The time series allow the assessment of vegetation pattern, by examining the seasonality and tendency of crops phenology cycles. Thus, we assessed here the use of time series of vegetation indices in the generation of spectro-temporal profiles, and the subsequent derivation of parameters about phenological and/or agricultural cycles for generating culture masks, seeking to map and identify areas used for culturing sugarcane, soy, coffee and maize in Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba, State of Minas Gerais, Brazil. The study was performed for the years from 2009 to 2012, and time series of Normalized Difference Vegetation Index and Enhanced Vegetation Index obtained from the MOD13Q1 product, and Normalized Difference Vegetation Index, Normalized Difference Water Index and Dry Matter Productivity obtained from the VGT-S10 product, were used. According to results, the time series were found to be useful in monitoring the phenological cycle of crops. This made possible the identification of areas reserved for planting each crop, based on the culturing masks generation method, and use of threshold of maximum and minimum cut-off values, denoting that the MOD13Q1 product was, in general, the best in the identification of growing areas in Triângulo Mineiro.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola, área de concentração em Engenharia Agrícola, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4843
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEG - Engenharia Agrícola - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.