Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5103
Título: QTLs de feijão de reação ao mofo branco e de outros caracteres agronômicos
Autor : Souza, Danuza Araújo de
Primeiro orientador: Santos, João Bosco dos
Primeiro membro da banca: Abreu, Ângela de Fátima Barbosa
Botelho, Flávia Barbosa Silva
Balestre, Márcio
Carneiro, José Eustáquio de Souza
Palavras-chave: Sclerotinia sclerotiorum
Phaseolus vulgaris
Marcadores moleculares
Caracteres agronômicos
Molecular markers
Agronomic characteristics
Data da publicação: 2015
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: SOUZA, D. A. de. QTLs de feijão de reação ao mofo branco e de outros caracteres agronômicos. 2015. 156 p. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: Os objetivos neste trabalho foram: estimar correlações e identificar marcadores SSR ligados a QTLs nos caracteres massa de 100 grãos (MCG) e comprimentos de vagem (CVA) e folha (CFO), e identificar marcadores SSR ligados a QTLs associados a resistência ao mofo branco, em população segregante proveniente do cruzamento entre as cultivares de feijão comum Jalo e Small White, nas condições do Sul do Estado de Minas Gerais. Os genitores foram cruzados e posteriormente foi obtida a geração F2 com 190 plantas. Das plantas F2 foram obtidas progênies F2:3 e F2:4 que foram utilizadas para as avaliações fenotípicas. Foi extraído o DNA de 190 plantas F2 e dos genitores, para a genotipagem com primers SSRs polimórficos entre os genitores. Na avaliação fenotípica pelo straw test, CFO, MCG e CVA, foram utilizadas 190 progênies F2:3 e seis linhagens, em delineamento de látice triplo, 14 x 14. Para a fenotipagem pelo ácido oxálico, foram realizados nove experimentos, sendo avaliadas 177 progênies F2:4, os dois genitores, e como tratamentos comuns as linhagens Jalo e Corujinha. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com três repetições. As médias ajustadas das avaliações referentes à geração F2:3 e F2:4 foram utilizadas para identificação de QTLs pela análise Moving away from the marker com análise bayesiana. Os valores das frequências genotípicas foram submetidos ao teste χ2 para verificar se houve segregação distorcida em relação à esperada. Foram detectadas diferenças genéticas significativas (P<0,05) entre as progênies para todos os caracteres avaliados. As estimativas de herdabilidade foram 52% e 82,35% para resistência ao mofo branco pelo straw test e ácido oxálico respectivamente, e 58,89%, 79,39% e 50,37% para os caracteres CFO, MCG e CVA respectivamente. As correlações genéticas e fenotípicas foram significativas e variaram de 0,44 a 0,74, o que indica que os caracteres CFO, MCG e CVA possuem associação. Em relação a avaliação genotípica, somente quatorze de 70 locos segregaram como o esperado. Para o caráter resistência ao mofo branco, os marcadores GATS91, BM197 e X60000 se destacam com alta herdabilidade e com efeitos na redução da doença pelo straw test, sendo assim promissores para a SAM. Os marcadores BM183, BM189 e SSR-IAC143 estão associados a QTLs identificados pelo ácido oxálico, contribuindo com os maiores efeitos em aumentar a resistência ao mofo branco e com elevada herdabilidade. Considerando-se as metodologias de avaliação pelo ácido oxálico e straw test simultaneamente, o marcador que mais se destacou foi o PVBR189. Em relação aos caracteres morfo-agronômicos, para seleção assistida de cada caráter, individualmente, os marcadores considerados mais promissores são o BMD17, para o caráter CFO, o marcador BM143 para o caráter MCG e para o caráter CVA, os marcadores X57211 e PVBR118. Para seleção indireta dos três caracteres simultaneamente, os marcadores mais indicados são X57211 e BM197.
The objectives of this study were: identifying SSR markers linked to QTLs of the weight of 100 grains (WG), of the leaf (LL) and pod length (PL) and of the resistance to white mold, in a common bean segregating population, under the conditions of the South of Minas Gerais State; estimating the correlation between those traits. The parents Jalo and Small White were crossed and subsequently obtained the F2 generation with 190 plants and each one generated one F2:3 and one F2:4 progeny. DNA from 190 F2 plants and parents was extracted, for the genotyping with polymorphic SSRs primers in the parents. There were used 190 F2:3 progenies for phenotypic evaluations and analysis: resistance to white mold by straw test, leaf and pod length and weight of 100 grains. It was used the triple lattice design, 14 x 14. For phenotyping by oxalic acid, nine experiments were set up, and evaluated 177 F2:4, the parents, and using the Jalo and Corujinha lines as common treatments. The experiments were set up in a completely randomized design with three replicates. The adjusted means from the evaluations regarding the F2:3 and F2:4 generation were used to identify the QTLs using the Moving away from the marker with Bayesian analysis. The genotypic frequencies of the markers were submitted to the χ2 test in order to verify the occurrence of a distorted segregation in relation to the expected. Significant genetic differences among the progenies were detected for all traits (P<0,05). Heritability estimates were 52% and 82,35% for resistance to white mold by straw test and oxalic acid, respectively, and 58,89%, 79,39% and 50,37% for LL, GW and PL, respectively. Only fourteen out of 70 loci segregated as expected. The GATS91, BM197 and X60000 markers stood out with high heritability and with effects on disease reduction by straw test thus promising for SAM. The BM183, BM189 and SSR-IAC143 markers are associated with QTLs identified by oxalic acid, contributing to increased resistance to white mold with high heritability. Considering simultaneously, oxalic acid and straw test, the marker that stood out for SAM is the PVBR189. For assisting selection of each morphological trait, the most promising markers are the BMD17 for the LL, the BM143 marker for WG and for the PL, the X57211 and PVBR118 markers. The most promising markers that may be used for indirect selection of the three traits simultaneously are X57211 and BM197. Among the morphological traits higher genetic correlation was observed between PL and WG, and common QTLs may explain this association.
metadata.teses.dc.description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-graduação em Genética e Melhoramento de Plantas para obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5103
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_QTLs de feijão de reação ao mofo branco e de outros caracteres agronômicos.pdf1,09 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.