DSpace
Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/523

Título: Ácidos orgânicos e carbono solúvel em solos e resíduos
Autor(es): Pinheiro, Gabriela Lúcia
Orientador: Silva, Carlos Alberto
Membro da banca: Canellas, Luciano Pasqualoto
Furtini Neto, Antônio Eduardo
Lima, José Maria
Saczk, Adelir Aparecida
Área de concentração: Carbono no Sistema Solo-Planta
Assunto: Matéria orgânica
Resíduo orgânico
Cromatografia líquida
Carbono solúvel em água
Extrator
Organic matter
Carbon soluble in water
Liquid chromatography
Organic waste
Extractants
Data de Defesa: 2012
Data de publicação: 2013
Agência de Fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES
Referência: PINHEIRO, G. L. Ácidos orgânicos e carbono solúvel em solos e resíduos. 2012. 99 p. Tese (Doutorado em Carbono no Sistema Solo-Planta)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: Uma diversidade de resíduos orgânicos de origem urbana, agrícola e agroindustrial é gerada diariamente, e muitos desses resíduos são empregados como corretivos ou fertilizantes de solo, já que possuem quantidades apreciáveis de nutrientes e de matéria orgânica. Este estudo teve como objetivos identificar e quantificar ácidos orgânicos de baixa massa molar (AOBMM) em três amostras de solos (Latossolo Vermelho distroférrico, Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico e Neossolo Quartzarênico) e em 16 materiais orgânicos (estercos de bovinos, suínos, galinha, codorna e cavalo, serragem, casca de pinus, fibra de coco, casca de café, turfa, carvão, substrato, lodo de esgoto 1, lodo de esgoto 2, composto de lixo e composto de dejetos de suíno). Além disso, foram determinados o pH, a condutividade eletrolítica (CE) e quantificados os teores de carbono total, carbono orgânico e carbono inorgânico extraíveis com água e com KH2PO4 0,1 mol L-1 no solo incubado com doses crescentes de C-resíduos orgânicos. A identificação e quantificação dos AOBMM nos solos e em resíduos orgânicos foi realizada utilizando-se a técnica de cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC), baseando-se no tempo de retenção de cada ácido e no perfil dos espectros na faixa de absorção do UV. A maior diversidade de AOBMM foi encontrada no LVdf e no NQ. O ácido oxálico foi encontrado em todas as amostras de solo, em concentrações que variaram de 799 a 3504 mol kg-1. Nos solos, foram encontrados os ácidos acético, cítrico, fórmico, malônico, oxálico, quínico e chiquímico e, em resíduos, além dos ácidos mencionados, foram identificados os ácidos D-málico, fumárico, maléico, succínico e tartárico. Os estercos de galinha e codorna e o lodo 1 foram os resíduos que apresentaram as maiores diversidades e teores totais de AOBMM; o ácido acético está presente em quantidades significativas nesses materiais, contribuindo com 36%, 72% e 42% do total de AOBMM quantificado, respectivamente. Verificou-se que os teores e tipos de AOBMM na serragem foram reduzidos. Dentre os resíduos utilizados, o esterco de galinha foi o que proporcionou maiores acréscimos nos valores de pH do solo. A exceção da serragem, a aplicação de concentrações crescentes de C-resíduo aumentou a CE dos solos. A amostra de solo tratada com esterco de galinha, na concentração de 20000 mg kg-1 C, apresentou CE de 8,8 dS m-1, ou seja, aproximadamente 4,5 vezes maior que o valor considerado crítico para que o solo seja classificado como salino. Verificou-se que os resíduos que proporcionaram os maiores teores de carbono total (CTEA), carbono orgânico (COEA) e carbono inorgânico (CIEA) extraídos com água, foram os estercos de galinha, de codorna e a casca de café; na maior dose do material aplicada (20000 mg kg-1 de C-resíduo) no solo, foram obtidos, respectivamente, concentrações de 3700, 2468 e 1749 mg kg-1 de COEA. O KH2PO4 possibilitou a extração de elevadas quantidades de carbono orgânico solúvel (COS) no solo tratado com doses crescentes de estercos de galinha e de codorna. Considerando o tratamento sem a adição de esterco de codorna (0 mg kg-1 C), as quantidades de COS extraídas com água e com KH2PO4 foram, respectivamente, 295 mg kg-1 e 1345 mg kg-1, evidenciando a capacidade de o solo adsorver C na fração mineral.
Diverse wastes from urban, agricultural and agro sectors are produced daily and many of these wastes has potential to be used for agriculture purposes, since they have appreciable nutrient and organic matter amounts. This study aimed to identify and quantify organic acids of low molecular weight in three soil samples (distroferric Red Latosol, dystrophic Red-Yellow Latosol and Quartzarenic Neosol) and in 16 organic residues (bovine, pig, chicken, quail and horse manures, sawdust, coccunut fiber, pine bark, husk coffee, biochar, organic substrate, sewage sludges 1 and 2, garbage compost, and pig slurry compost). Also, pH, and electric conductivity (EC) were analysed; to quantify the total carbon levels, organic carbon and inorganic carbon extracted with water and 0,1 mol L-1 KH2PO4 in soil treated with increasing doses of C-organic residues were determined. Identification and quantification of AOBMM ins soils and in organic residues were carried out using the technique of high performance liquid chromatography (HPLC) based on the retention time of each acid and in their profile of the UV absorption spectra. The greatest diversity of organic acids was found in the Oxisoil and QN. Oxalic acid was detected in all soil samples, in concentrations ranging from 799 to 3504 mol L-1. In soil, acetic, citric, formic, malonic, oxalic, shikimic and quinic acids were identified; in wastes, in addition to the acids already mentioned, it was identified D-malic, fumaric, maleic, succinic and tartaric acids. The quail and chicken manures and sludge wastes have presented the highest diversity and content of organic acids; acetic acid is present in significant quantities in these materials, contributing, respectively, with 36%, 72% and 42% of total organic acids quantified. It was found that the organic acids levels and types in sawdust were reduced. Among the wastes investigated, chicken manure promoted the greatest increase in soil pH, which implies in high potential of this waste in liming the soil. Application of increasing contents of C-organic residues increased the soil CE, with exception of sawdust. The soil treated with chicken manure at 20,000 mg kg-1 of C presented EC of 8,8 dS m-1, which is 4.5 times greater than the value considered critical to soils classified as saline. It was found that the residues that provide higher levels of total carbon, organic carbon and inorganic carbon extracted with water were the chicken and quail manures and coffee husk; for the highest dose of C-residue applied (20,000 mg kg-1) in the soil, it was obtained, respectively, concentrations of 3,700, 2,468 and 1,749 mg kg-1 of COEA. The KH2PO4 allowed the extraction of large quantities of soluble organic carbon (SOC) in the soil treated with increasing doses of chicken and quail manures. Considering the treatment without chicken manure addition (0 mg kg-1), the SOC extracted with water and KH2PO4 were, respectively, 295 mg kg-1 and 1,345 mg kg-1, evidencing the ability of the soil to adsorb C in the mineral fraction.
Informações adicionais: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo, área de concentração Carbono no Sistema Solo-Planta.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/523
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE Ácidos orgânicos e carbono solúvel em solos e resíduos.pdf480,61 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback