Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9534
Título: Simbioses de rizóbio com nove espécies de leguminosas florestais em viveiro do Quadrilátero Ferrífero
Autor : Silva, Jacqueline Savana da
Primeiro orientador: Moreira, Fatima Maria de Souza
Primeiro membro da banca: Gross, Eduardo
Cardoso, Patrícia Gomes
Ribeiro, Paula Rose de Almeida
Área de concentração: Biologia, Microbiologia e Processos Biológicos do Solo
Palavras-chave: Leguminosas arbóreas
Fixação biológica de nitrogênio
Recuperação de áreas degradadas
Leguminous trees
Biological nitrogen fixation
Recovery of degraded areas
Data da publicação: 13-Mai-2015
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: SILVA, J. S. da. Simbioses de rizóbio com nove espécies de leguminosas florestais em viveiro do Quadrilátero Ferrífero. 2015. 95 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: The environmental degradation caused by mining resulted in the creation of environmental laws which require mining companies to mitigate the impacts caused by this activity. Revegetation with various plant species is a technique widely used for the rehabilitation of these areas. However, this process is slow and limited, when it occurs naturally and spontaneously. The use of leguminous tree species inoculated with rhizobial strains is an alternative indicated for the recovery and plant succession of impacted soils. The objective of this study was to evaluate the phenotypic, genotypic and symbiotic diversity of bacteria isolated from seedling nodules of leguminous tree species used for the recovery of degraded areas by mining. They are: Acacia farnesiana, Anadenanthera colubrina, Clitoria fairchildiana, Erythrina speciosa, Inga marginata, Inga sessilis, Mimosa caesalpiniifolia, Piptadenia gonoacantha and Plathymenia reticulata. By isolating the nodules, 93 strains of bacteria were obtained and they were submitted to the authentication experiment in symbiosis with siratro (Macroptilium atropurpureum). The experiment was carried out in a greenhouse, in a completely randomized design (CRD) with three replications, and conducted for a period of 45 days. In order to verify the genetic diversity, the extraction of genomic DNA and the partial sequencing of the 16S rRNA gene was performed. From 93 strains isolated, 43 were sequenced, which are representatives of three of the seven culture groups formed: RA (rapid growth with acidification of the culture medium), RAL (rapid growth with alkalinization of the culture medium) and LAL (slow growth with alkalinization of the culture medium). The genera Rhizobium, Bradyrhizobium, Burkholderia, Paenibacillus, Mesorhizobium, Variovorax, Bacillus, Brevibacillus, Mucilaginibacter, Polaromonas, Dyella, Pseudomonas, Terriglobus and Sphingomonas were found. In the authentication experiments, 33% of the isolated ones nodulated. A high genetic, phenotypic and symbiotic diversity was found in the studied rhizobia.
A degradação ambiental causada pela mineração resultou na criação de leis ambientais que obrigam as empresas mineradoras a mitigar os impactos causados por essa atividade. A revegetação com diversas espécies de plantas é uma técnica muito utilizada para a reabilitação dessas áreas. Entretanto, esse processo é lento e limitado quando ocorre natural e espontaneamente. A utilização de espécies arbóreas leguminosas inoculadas com estirpes de rizóbios é uma alternativa indicada para a recuperação e sucessão vegetal de solos impactados. O objetivo deste trabalho foi avaliar a diversidade fenotípica, genotípica e simbiótica de bactérias isoladas de nódulos de mudas de espécies de leguminosas arbóreas utilizadas para a recuperação de áreas degradadas pela mineração, sendo elas: Acacia farnesiana, Anadenanthera colubrina, Clitoria fairchildiana, Erythrina speciosa, Inga marginata, Inga sessilis, Mimosa caesalpiniifolia, Piptadenia gonoacantha e Plathymenia reticulata. Através do isolamento dos nódulos, foram obtidas 93 estirpes de bactérias que foram submetidas ao experimento de autenticação em simbiose com siratro (Macroptilium atropurpureum). O experimento foi realizado em casa de vegetação em delineamento inteiramente casualizado (DIC) com três repetições e conduzido por um período de 45 dias. Para verificar a diversidade genética, realizou-se a extração do DNA genômico e o sequenciamento parcial do gene 16S rRNA. Das 93 estirpes isoladas, foram sequenciadas 43, as quais são representantes de três dos sete grupos culturais formados: RA (crescimento rápido com acidificação do meio de cultura), RAL (crescimento rápido com alcalinização do meio de cultura) e LAL (crescimento lento com alcalinização do meio de culura). Foram encontrados os gêneros Rhizobium, Bradyrhizobium, Burkholderia, Paenibacillus, Mesorhizobium, Variovorax, Bacillus, Brevibacillus, Mucilaginibacter, Polaromonas, Dyella, Pseudomonas, Terriglobus e Sphingomonas. Nos experimentos de autenticação, 33 % dos isolados nodularam. Foi encontrada alta diversidade genética, fenotípica e simbiótica nos rizóbios estudados.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo, área de concentração em Biologia, Microbiologia e Processos Biológicos do Solo, para obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9534
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.